Ceará investe em infraestrutura para atrair novas empresas do setor de TIC

Nos últimos anos, o Governo do Estado do Ceará tem viabilizado infraestrutura e investimentos com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento econômico do setor de Tecnologia da Informação (TIC). No final de 2018, o governador Camilo Santana sancionou a Lei nº 16.727, que criou o Programa hub de Tecnologia da Informação e Comunicação (HTIC), com o intuito de otimizar os recursos de custeio e investimentos em TIC.

O Estado também está em processo de migração de todas as suas operações para o ambiente de nuvem, possibilitando uma maior economia nos gastos operacionais e maior agilidade nos processos. De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o Ceará é um dos três estados brasileiros com melhor conexão banda larga, velocidade e quantidade de fibra ótica instalada. A velocidade média do Estado contratada (Mbps) é a terceira maior do Brasil (27,23Mbps), perdendo apenas para São Paulo (30,39Mbps) e Distrito Federal (27,61Mbps). Além disso, 85,9% dos municípios cearenses possuem cobertura de fibra ótica.

A inauguração do Data Center da multinacional de telecomunicações Angola Cables em abril deste ano foi um outro importante passo dado pelo Ceará rumo ao protagonismo no setor de TIC. A empresa angolana investiu cerca de US$ 300 milhões na construção de um Data Center, na Praia do Futuro, e na instalação dos cabos submarinos Sacs e Monet, que ligam via fibra óptica duas regiões com grande potencial econômico – Américas e África, gerando uma rota alternativa de conectividade com os Estados Unidos e o continente asiático.

“A Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece), além de dispor de uma câmara setorial que discute assuntos relacionados ao setor de TIC, tem buscado colaborar com a ambiência para criação de novos negócios na área. Nós temos uma Câmara Setorial onde são discutidas todas as questões ligadas ao setor e a nossa expectativa é que, com a infraestrutura que está sendo disponibilizada pelo Estado, nós possamos atrair novas empresas do setor para cá. O nosso desafio atual é o fomento as startups e qualificação do conhecimento para que possamos não somente atrair novas empresas, como ofertar mão de obra qualificada para suprir este mercado”, explica o presidente da Adece, Eduardo Neves.

A expectativa é que a vinda da Angola Cables gere para Fortaleza, em 2055, um aumento de R$ 1,2 bi no PIB e um PIB acumulado de R$ 22,3 bi no fim do período. O Data Center também prevê a criação de 637 empregos ao longo do período, sendo os empregos diretos de maior qualificação técnica. Além disso, o empreendimento também servirá de fator facilitador para a atração de novos investimentos e negócios para o Estado.

“A nossa sociedade demanda muitas telecomunicações, seja nos relacionamentos entre pessoas ou para transações de negócios entre organizações empresariais. Daí, poder contar com uma infraestrutura de cabos submarinos de fibras ópticas é potencialmente um grande diferencial competitivo para o Estado”, afirma o presidente da Câmara Setorial de TIC da Adece, Maurício Brito.

Tendências para o futuro

De acordo com a plataforma de planejamento estratégico Ceará 2050, o setor de TIC foi identificado como uma das megatendências que afetarão os serviços no Ceará nos próximos anos. Esta é uma área que está associada à criação de oportunidades em vários setores econômicos dinâmicos ou de suporte às empresas e que pode potencializar significativos ganhos de produtividade para o mercado cearense.

Na perspectiva de se elevar os níveis de competitividade e de integração da economia local, a área de TIC requer um forte investimento na qualificação da força de trabalho e em capital humano. De acordo com o levantamento feito pelas Rotas Estratégicas Setoriais da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), atualmente, a remuneração média do setor no estado é de R$ 3.092, com uma média de 13,5 anos de estudo.

Em se tratando de abertura de cursos ligados ao setor, o Ceará possui 596 turmas, que somam um total de 20.142 alunos matriculados. Informática (9.966), Rede de Computadores (4.504) e Eletrotécnica (2.238) são os cursos que reúnem a maior quantidade de alunos matriculados.

A participação do setor no Produto Interno Bruto Cearense (PIB) foi de 2,06% em 2018, mas neste ano de 2019 já supera a marca de 2,04. Atualmente, o setor gera mais de 14 mil empregos diretos na economia local, o que representa um aumento de 23,22% nos últimos cinco anos.

Fonte: Assessoria Governo do Estado do Ceará

BPRAIO apreende drogas e boa quantidade de dinheiro em Juazeiro do Norte

Por Rafael Pereira/Agência News Cariri

A equipe do BPRAIO prendeu na tarde dessa quarta-feira (22) um homem suspeito de tráfico de drogas em Juazeiro do Norte. Segundo a ocorrência, em um patrulhamento de rotina, a polícia entrou na casa de Wesley Ferreira Lopes, onde foram encontrado dinheiro, um aparelho celular e uma quantidade de cocaína.

A abordagem aconteceu na Rua das Flores, bairro João Cabral, e segundo os agentes, eles entraram na casa do homem com autorização de sua mãe. Os policiais apreenderam R$ 4.368,25 em espécie, um celular da marca Samsung e uma quantidade de cocaína que estavam em poder do suspeito.

Wesley foi preso em flagrante e conduzido a 20º Delegacia de Polícia de Juazeiro do Norte para ser adotado as medidas cabíveis e ficar a disposição da justiça.

 

Boletim informativo da Sessão 180º da Câmara de Juazeiro, em 21 de maio de 2019

Por Assessoria de comunicação da Câmara de Juazeiro do Norte

Na sessão ordinária de terça-feira (21), os vereadores da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte cobraram medidas resolutivas acerca de ruas que precisam de reparos, e asfaltamento. Solicitaram ainda providências para resolver questões da área da saúde, além de concederem título cidadão, felicitações ao Demutran, e criação de projeto de lei pelo Presidente Darlan Lobo.

Infraestrutura

A Vereadora Roseane Macêdo (PPS), solicitou envio ofício ao Secretário de Infraestrutura, cobrando que seja recuperado o piso do calçadão na extensão da Praça José Geraldo da Cruz, local onde as pessoas fazem suas caminhadas. Pediu ainda que o secretário viabilize a poda das árvores e também a iluminação no local.

O Vereador Marcio Jóias (PDT), solicitou ao secretário de infraestrutura o asfaltamento da Rua Cleivan Pinheiro Bezerra, situada no bairro Carité. Esta é uma solicitação dos moradores daquela comunidade, segundo o parlamentar.

Secretária de Saúde

A Vereadora Rita Monteiro (PDT), solicitou envio de ofício à Secretária de Saúde cobrando à empresa responsável o prazo de entrega das cadeiras de dentistas, pois a comunidade do PSF 59 está sem atendimento e pedindo a solução dessa questão com urgência. A vereadora ressalta que essas pessoas são carentes e necessitam de tratamento.

Demutran

A Vereadora Jacqueline Gouveia (PRB), pediu que fosse enviado ofício ao Diretor do Demutran, José Pedro Cipriano, parabenizando pelo excelente trabalho realizado à frente do equipamento, em especial a Campanha Maio Amarelo.

Título de cidadão

A Vereadora Aurélia Bezerra (PDT), apresentou Projeto de Resolução concedendo o Título de Cidadão Juazeirense ao Senhor Liandro Aurélio Feitoza, pelos relevantes serviços prestados a sociedade Juazeirense.

Projeto de Lei

O Vereador Darlan Lobo (MDB), fez projeto de Lei tornando de utilidade pública a PROMUS UFCA EDUCAÇÃO E PRODUÇÃO MUSICAL. Uma associação sem fins lucrativos, com fins educativos e com prazo de duração indeterminado. Baseada na Lei nº 13.267 de 06 de abril de 2016, com sede e foro no Campos Sede – Juazeiro do Norte, sito a avenida Tenente Raimundo Rocha S/N, bairro Cidade Universitária.

Barbalha se prepara para a festa do Pau da Bandeira

Por Rafael Pereira/Agência News Cariri

A Festa de Santo Antônio de Barbalha é um dos maiores eventos festivos do Nordeste e está tudo pronto para receber turistas e atrações culturais que movimentarão os treze dias de festa. A cidade está toda enfeitada e seus moradores não ver a hora de acontecer. Milhares de pessoas irão passar pelas ruas de Barbalha numa mistura de fé, tradição e cultura.

Ruas enfeitadas enche os olhos de quem chega à cidade. Não só a organização do evento, mas moradores também fazem questão de enfeitar sua rua para receber os turistas que vem de vários cantos do Estado e também do Brasil.

Diversas atrações e estilos musicais passarão pela terra de Santo Antônio. Estrutura toda montada, a organização promete fazer desse um dos evento inesquecíveis. Estrutura sonora também está preparada para receber os shows de bandas locais e regionais, assim como atrações de âmbito nacional como Gabriel Diniz e Xand Avião também passam por Barbalha.

Na última sexta-feira (17) foi feito o corte do pau da bandeira, um angico de cerca de 26 metros de altura que percorrerá as ruas de Barbalha até a igreja matriz.

Novidades foram anunciadas esse ano pelo organizadores como um “corredor cultural” que vai da matriz até a praça da estação com barracas de comidas típicas, apresentações artísticas e culturais.

A Rua do Videl é uma das ruas mais conhecidas de Barbalha e já se prepara para a festa. Foto: Wesley Júnior/Agência News Cariri

Justiça recebe denúncia oferecida pelo MPCE no âmbito da Operação Aluminum

A Vara de Delitos de Organizações Criminosas recebeu na quarta-feira (15/05) denúncia oferecida pelo Ministério Público do Ceará (MPCE) no âmbito da Operação Aluminum, deflagrada no dia 16 de abril, com o objetivo de desmantelar gigantesco esquema criminoso voltado, principalmente, para crimes contra a ordem tributária. A peça acusatória com cerca de 150 páginas foi protocolada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal (Gaesf) na Justiça na sexta-feira (10/05). Das 20 pessoas denunciadas, três já encontram-se recolhidas em estabelecimentos prisionais.

O MPCE requereu a condenação, pelos crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa, de: Vitor Bandeira; Márcio Aparecido Bandeira; Sérgio José Bandeira; Átila Persici Filho; Gildevandio Mendonça Dias; Marina Lariza Pereira Lacerda; Vagner Almeida dos Santos; Pedro Machado de Oliveira; Antônia Farias de Oliveira; Bruno Vinicius Ribeiro Lopes; Cícero Danilo Silva Marcelino; Elton Cesar Bezerra; Fábio Vieira Ledo; Adriano dos Santos Rodrigues; Washington Galdino de Melo; Gilvania Mendonça Dias; Maria do Socorro Santana Mendonça; Francismara Silva Santana; Margarety Silva Santana; e José Maurílio de Araújo Silva. Foi solicitado, ainda, o confisco de dois imóveis de Vitor Bandeira que, segundo a investigação, teriam sido adquiridos com dinheiro do esquema criminoso.

A extensa denúncia assinada pelos promotores de Justiça do Gaesf narra uma teia de relacionamento delituoso entre cerca de 25 empresas, a maioria delas de fachada, criadas apenas para gerenciar “um jogo de notas fiscais com o intuito de gerar créditos fiscais e, assim, fugir ao pagamento de tributos devidos ao fisco, em especial, o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS)”. As três companhias que compõem o centro nevrálgico das informações fiscais apresentadas à Justiça são: “Bandeira Indústria de Aluminio Ltda”, “Jaguar Indústria e Comércio de Perfis e Metais”, e “Gildevândio Mendonça Dias – Epp”, que possuem oficialmente como atividade econômica a “produção de alumínio e suas ligas em formas primárias”, que é, na prática, a reciclagem de sucata e sobras do processo produtivo.

No documento, o Gaesf sustenta que o grupo criminoso dividia-se em dois Núcleos: o empresarial, composto por Sérgio, Vitor e Márcio Bandeira (irmãos); e o operacional, liderado por Gildevândio Mendonça, conhecido por “Vando”, que seria responsável não apenas por boa parte do comando operacional do grupo, mas também pela constituição das empresas de fachada. Por meio da análise das inúmeras provas recolhidas e analisadas durante a Operaçao Aluminum e apresentadas à Justiça, “podemos informar de logo que a família Bandeira, através de suas empresas, é a maior beneficiária do esquema criminoso tratado”, afirmam os promotores. Alguns dos indícios apresentados pelo grupo de investigação do MPCE foram a realização de pagamentos de valores significativos a fornecedores sem comprovação bancária correspondente; entradas e saídas, sempre no mesmo dia, de valores expressivos (milhões) nas contas bancárias; e movimentações típicas da ocultação e dissimulação de valores.

“A autoria dos crimes narrados nesta peça acusatória restou demasiadamente demonstrada através dos documentos, dados bancários e fiscais, escutas telefônicas, análises técnicas, relatórios, diligências, fotografias e depoimentos colhidos durante a investigação criminal. Restou evidente a existência de organização criminosa com vistas à sonegação, ocultação e dissimulação do efetivo numerário recebido e/ou pago em decorrências das operações realizadas entre as empresas do grupo, muitas vezes, com a participação de outras pessoas jurídicas sediadas dentro e fora do Ceará”, concluem os integrantes do Gaesf.

Conversas telefônicas
Durante a operação foram apreendidos diversos celulares, cujos relatórios de interceptação de conversas telefônicas reforçam ainda mais o esquema criminoso operado por Gildevândio. “Com efeito, várias são as ligações por Vando realizadas ou recebidas indicando fortemente a circulação fraudulenta e fictícia de notas fiscais, com simulação de compras e aquisições, inclusive com uso de empresas fantasmas,
conforme confessado pelo mesmo em depoimento aos Promotores do Gaesf”.

Em uma das conversas entre Vando e Marina Lariza fica evidente a utilização de empresas fictícias para lavagem de dinheiro e “regularização” da contabilidade das firmas, em um jogo de transferências bancárias fraudulentas.

Equipamentos das indústrias
Após vistoria no parque industrial das empresas Jaguar e Gildevândio, verificou-se
que elas não possuem o equipamento necessário para fabricação do produto final supostamente elaborado e comercializado pelas mesmas, quais sejam, perfis de alumínio e lingotes, respectivamente.

No caso da empresa Bandeira, conforme levantamento técnico realizado pela Receita Federal, ainda que os equipamentos funcionassem em tempo integral durante seis dias na semana, o forno da fábrica não seria capaz de produzir a quantidade de mercadoria declarada em suas Notas Fiscais de saída.

Notas fiscais emitidas
A investigação apontou que foram emitidas notas fiscais com o mesmo IP para diversas empresas citadas e, inclusive, localizadas em diferentes Estados, indicando que foram emitidas com o uso do mesmo computador. “Tal fato corrobora com as suspeitas de que tais empresas estejam emitindo notas fiscais fictícias, não amparadas por real movimentação de mercadoria”.

Além disso, “as notas fiscais eletrônicas de vendas e aquisição circulam com valores elevados, porém não há o ingresso/saída de recursos das contas de Caixa/Bancos relativas a estas operações. Os valores permanecem em contas contábeis, revelando que há circulação de notas fiscais e não de mercadorias”, aponta a denúncia.

Ausência de registro de empregados
Após pedido do Gaesf, a Superintendência Regional do Trabalho no Ceará encaminhou dados relativos ao cadastro de empregados das empresas investigadas. Após análise das informações, constatou-se que, das 25 empresas pesquisadas, 18 não apresentaram nenhum registro de empregados cadastrados; cinco empresas apresentaram registro de um a três empregados e durante a operação, foi verificado in loco que estas empresas possuíam quantidade superior de trabalhadores. “Tal constatação reforça ainda mais a rede de empresas fantasmas arquitetadas por Gildevândio e voltadas para a sonegação fiscal e outros delitos praticados em benefício financeiro da empresa Bandeira”, argumentam os promotores de Justiça.

Fonte: assessoria MPCE

Chove em mais de 130 municípios no Ceará e condições de chuva continuam favoráveis nesta quarta-feira (22)

A quarta-feira (21) chega com mais condições de chuvas no Ceará. A previsão do tempo atualizada pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) na manhã de hoje (22) aponta para céu nublado e precipitações em boa parte do estado.

Nas análises realizadas na tarde de ontem, os meteorologistas da Funceme já haviam reforçado que a região Nordeste seguiria sob influência de áreas de instabilidade que se deslocaram do oceano Atlântico e adentraram o continente.

“Estas áreas estão associadas à atuação do Cavado de Altos Níveis (CAN), que está sobre o oceano, próximo ao leste do Nordeste. Ao longo de hoje, este sistema tende a se afastar, reduzindo as condições de chuva para esta quinta-feira (23)”, comenta o meteorologista Raul Fritz.

Diante do cenário atual, a Funceme prevê, para hoje, céu nublado com eventos de chuva na faixa litorânea, no Maciço de Baturité e na Ibiapaba. Já nas macrorregiões Jaguaribana e do Sertão Central e Inhamuns, as precipitações deverão ser isoladas, isto é, com uma menor área de abrangência, além de apresentarem céu mais claro (nebulosidade variável). No sul do Ceará, onde está o Cariri, a indicação é de possibilidade de chuva.

Com a dissipação do Cavado, a quinta-feira (23) deverá ser de chuvas mais reduzidas em relação ao intervalo entre esta terça e hoje. Segundo a Funceme, a previsão é de nebulosidade variável com possibilidade de chuva na faixa litorânea. Nas demais regiões, céu com cobertura variável de nuvens, sem indicação de condições favoráveis às chuvas até este momento.

Já a partir da próxima sexta-feira (24), há a tendência da formação de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) cujo posicionamento deverá voltar a contribuir para mais precipitações sobre áreas mais ao norte do Ceará.

Na tarde de hoje, um nova rodada de análise das condições de tempo será realizada pela Funceme para observar possíveis alterações e, se necessário, realizar mudanças na previsão para os próximos dias. Para acompanhar, basta acessar o site do órgão.

Balanço de chuvas

O Ceará voltou a registrar acumulados de chuva de mais de 100 milímetros, após cerca de 1 mês. No intervalo entre as 7h desta terça (21) e as 7h desta quarta-feira (22), as maiores precipitações aconteceram em Morada Nova (120 mm), Fortim (117 mm) e Pacatuba (111,2 mm).

A última chuva com mais de 100 milímetros havia sido registrada entre os dias 20 e 21 de abril, com 118 mm, em Iracema. Além dos acumulados mais expressivos das últimas 24 horas, o Ceará apresentou precipitações em, pelo menos, 124 municípios, sendo eles distribuídos todas as macrorregiões.

Fonte: assessoria Governo do Estado

Câmara realiza primeira edição do Troféu Araceli Cabrera Sanches

A sessão de terça-feira (21/05) presidida pelo vereador Florisval Coriolano (PRTB), abriu espaço para a entrega do troféu Araceli Cabrera Sanches, comenda da Câmara municipal criada a partir de um projeto da vereadora Ticiana Cândido (PSDB) que homenageia personalidades e entidades públicas do município que trabalham no combate a violência sexual de crianças e adolescentes.  

Foram agraciados com o troféu o vice-prefeito e secretário de saúde André Barreto, a secretária municipal de educação, Germana Brito, a secretária do trabalho e desenvolvimento social, Cícera Edivânia, o presidente da OAB Crato Dr. Reno Feitosa Gondim, o coordenador do conselho tutelar, Cícero Henrique Barbosa e a assistente social do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) Rita de Cássia Melo.

A vereadora Ticiana Cândido destacou que era motivo de muita alegria a realização da primeira edição do troféu que busca reconhecer o trabalho destas pessoas que formam uma grande rede de proteção as crianças e aos adolescentes. 

O secretário de meio ambiente e desenvolvimento territorial Brito Jr. também participou da sessão para falar sobre a mudança na Lei de uso e ocupação do solo, que prevê a regularização e instalações de empreendimentos como postos de gasolina e oficinas mecânicas no interior dos bairros da cidade, o que é ilegal de acordo com a atual legislação. 

Espetáculo teatral que aborda a vida de idosos em abrigos será apresentado em Juazeiro do Norte nesta sexta-feira, 24

O Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri (Ccbnb Cariri) apresenta, nesta sexta-feira, dia 24 de maio, o espetáculo teatral “Anônimos”, do ator e diretor Sidney Malveira.

Anônimos conta uma história que se passa em um lar de idosos. Percorrendo as vias da comédia ao drama, o ator “revive” cenas do cotidiano de três idosos que contam suas histórias e vivem esperando ansiosamente por uma visita.

Em cartaz há 13 anos, o espetáculo já circulou por palcos de 10 estados brasileiros e, também, em Portugal. Na sua trajetória foi agraciado com diversos prêmios. Recentemente, em 2018 recebeu o prêmio de “Melhor Espetáculo” no Festival Nacional de Monólogos – Teatro e Dança Solos Brasileiros, e representou o estado do Ceará e o Brasil em festivais nacionais e internacionais, como na Mostra de Teatro Transcendental em 2016.

Durante o espetáculo há uma interação com o público. De acordo com o ator e diretor, Sidney Malveira, essa é uma forma de tornar o espectador um coadjuvante das suas alegrias, tristezas e sonhos que se renovam a cada amanhecer. “Aqui o público poderá estar diante da fantástica descoberta de que há uma beleza muito singular na velhice”, ressalta.

O espetáculo Anônimos será encenado nesta sexta-feira, dia 24 de maio, às 19h30, no teatro do Centro Cultural Banco do Norte Cariri. A entrada é franca para o público e a classificação indicativa é de 14 anos. Os ingressos começam a ser distribuídos a partir das 13h na recepção do Ccbnb Cariri.

Câmara aprova MP das aéreas e retoma franquia mínima de bagagem

plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira, 21, a medida provisória 863 que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras e a volta da franquia mínima de bagagem que pode ser despachada gratuitamente. A MP segue para análise do Senado e deve ser votada nesta quarta-feira, 22, último dia de sua vigência.

Durante a discussão da MP, os deputados aprovaram um pedido para que o texto original enviado em dezembro do ano passado pelo então presidente Michel Temer fosse apreciado, em detrimento do projeto de conversão que havia sido aprovado pela comissão especial que analisou a medida.

O projeto, relatado pelo senador Roberto Rocha (PSDB-MA), havia incluído em seu parecer a questão da franquia de bagagens e havia vinculado o investimento estrangeiro à exigência de que as empresas operassem rotas regionais. Esta última parte, no entanto, ficou de fora do texto aprovado pelos deputados.

Nas linhas domésticas, a franquia de bagagem por passageiro poderá ser de 23kg nas aeronaves acima de 31 assentos. Esta era a regra existente até a edição de uma resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) há três anos que permitiu a cobrança.

Fonte: Noticias ao minuto