Governo do Ceará planeja salas de estabilização para municípios que não possuem unidades de saúde de alta complexidade

A medida, segundo Camilo Santana, busca dar suporte para o atendimento de casos mais graves enquanto o paciente aguarda sua transferência. O governador ainda falou sobre os dados da pandemia no Estado

Está em fase de planejamento por parte do Governo do Ceará, através da Secretaria da Saúde, a instalação de salas de estabilização nos municípios cearenses de menor porte que não contam com hospitais de alta complexidade para o atendimento de pacientes com problemas de saúde que demandam mais complexidade. A informação foi repassada pelo governador Camilo Santana, na noite desta segunda-feira (10), através das redes sociais.

O gestor estadual explicou o papel que o espaço vai cumprir dentro da rede pública estadual de saúde. “Estamos discutindo um grande projeto da Secretaria da Saúde, que são as salas de estabilização para pequenos municípios cearenses. Eles vão ter uma sala equipada para que, em casos graves, o paciente possa ser estabilizado até ser transferido para um hospital de alta complexidade”, disse Camilo, que ressaltou a importância de equipamentos adquiridos durante a pandemia para o tratamento de pessoas com Covid-19. “Esses respiradores serão fundamentais pra equipar essas salas aqui no Ceará. Nós vamos construir e equipar toda uma rede, para que cada vez mais, dentro do Programa de Modernização da Saúde, 90% das necessidades de saúde de cada região possam ser atendidas na própria região”, informou.

Camilo Santana garantiu que boa parte da estrutura montada nesse período de combate ao novo coronavírus ficará à disposição dos cearenses para o tratamento de outras enfermidades. “Durante essa pandemia foram mais de 2.800 leitos abertos, sendo mais de 900 UTIs, e muitas delas vão permanecer funcionando para atender toda a rede de saúde pública do Ceará”, comentou. O chefe do Executivo estadual mostrou o trabalho do Governo do Ceará na estruturação da sua rede de saúde. “Estamos universalizando o Samu, cada uma das cinco macrorregiões de saúde do Estado vai ter um hospital próprio de alta complexidade, rede de policlínicas, UPA, Centros de Especialidades Odontológicas, o Samu aéreo, portanto, estamos estruturando toda uma rede de saúde para que a gente possa garantir uma eficiência maior no atendimento à população cearense”, reforçou.

Pandemia

Para atualizar a população da situação momentânea que o Ceará atravessa no tocante aos casos de Covid-19, o governador disse que “os números têm melhorado, com queda tanto de casos como de óbitos em todas as regiões do Ceará. A que estava mais complicada era a do Cariri, mas também está em queda”.

No dia em que o Estado ultrapassou os 524 mil testes realizados, a Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz), do Ministério da Saúde, iniciou os trabalhos do seu laboratório de testes para a Covid-19 no Eusébio. A unidade tem capacidade para analisar até 10 mil testes diariamente. Camilo Santana destacou que o reforço será importante para garantir a sustentabilidade do retorno de setores que ainda não foram autorizados. “É um grande investimento que foi feito aqui no Ceará e hoje iniciaram os testes, que serão fundamentais para que a gente possa garantir que setores que ainda estão aguardando o início de suas atividades por conta do risco de aglomerações possam retornar”, pontuou.

Nesta terça-feira (11), Camilo Santana se reunirá, virtualmente, com governadores de outros estados brasileiros. O Executivo cearense disse que vem mantendo contato com os demais para analisar o trabalho que cada unidade federativa vem desempenhando no combate a essa pandemia. “Tenho conversado sempre com alguns governadores para fazer uma avaliação de como está a situação da Covid-19 em seus estados. O Ceará está à frente de muitos nas fases do plano de retomada da economia. Sempre temos discutido a preocupação, o zelo, a responsabilidade dessa reabertura da economia para que não tenhamos nenhum retrocesso em relação à pandemia nos estados”, disse.

Para finalizar, o governador fez questão de relembrar sobre a importância do uso da máscara, obrigatória no Ceará. “É uma forma de prevenção a você, seus familiares e amigos”, reforçou Camilo Santana.

Juazeiro do Norte registra uma morte e 80 novos casos nas últimas 24 horas

A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria da Saúde, confirmou mais um óbito por coronavírus no município na tarde desta segunda-feira (10).

O óbito ocorreu no dia 09 de agosto. Trata-se de um homem, de 48 anos, com comorbidades.

Até a tarde desta segunda-feira (10), o Município notificou 31.999 pacientes, dos quais 92 são casos suspeitos que aguardam os resultados dos exames, 19.741 casos descartados e 12.166 casos confirmados. Entre os pacientes confirmados há 96 hospitalizados, 2.641 em isolamento domiciliar, 9.189 que já estão recuperados, e 240 óbitos.

 

Prefeito do Crato Zé Aílton Brasil, se reúne com Governador Camilo Santana e secretários de estado na tarde desta segunda-feira (10)

O prefeito do Crato, Zé Aílton Brasil, se reuniu na tarde desta segunda-feira (10), com o Governador Camilo Santana, o secretário de saúde do Ceará, Dr. Cabeto e o Superintendente de Obras Públicas, Quintino Vieira. A reunião aconteceu de forma virtual no gabinete do prefeito, em Crato.

Segundo Zé Aílton, a reunião teve como principais pautas as ações e dados do Covid no município, assim como a inauguração de Policlínica do Crato e outras obras já em execução no município.

VEJA NOTA NA ÍNTEGRA:

Na tarde de hoje, me reuni virtualmente com o superintendente de Obras Públicas, Quintino Vieira; o secretário de Saúde do Estado do Ceará, Dr. Cabeto; e o governador Camilo Santana. Discutimos assuntos relevantes para a cidade do Crato, dentre os quais, o acompanhamento da pandemia da COVID-19, inauguração da Policlínica, monitoramento da execução dos convênios celebrados entre o Estado e nosso município e novos projetos para o Crato. Quero agradecer a atenção que o governador Camilo tem com nossa cidade, sempre solícito as nossas reivindicações para fazer do Crato um município melhor.

Aprovados no concurso público de Juazeiro do Norte protestam por convocação

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Ao menos vinte candidatos aprovados no concurso público da prefeitura de Juazeiro do Norte realizaram uma manifestação na manhã desta segunda-feira (10) para pedir que a gestão municipal efetue a convocação imediata. O resultado do certame foi divulgado ainda em dezembro passado, e desse então a prefeitura convocou apenas 38 aprovados, todos vinculados à área da saúde.

Com faixas e cartazes, os manifestantes acusaram a gestão Arnon de promover “cabides de emprego” -quando os cargos públicos que deveriam ser preenchidos por concursados são ocupados por contratados- com vistas às eleições deste ano. Eles também reclamaram da falta de diálogo com os representantes do poder público.

Em entrevista recente ao Jornal Super Tempo, da rádio Tempo FM, o prefeito Arnon Bezerra alegou que a pandemia de covid-19 é o principal motivo da postergação da convocação. “É um momento de incertezas nas finanças públicas. Precisamos ter cautela”, disse à época. O gestor também lembrou que, de acordo com o período de vigência do concurso, os aprovados podem ser convocados em até dois anos após a divulgação do resultado. “Estamos agindo de acordo com a lei”, ressaltou o prefeito.

Duplicação do trecho Missão Velha – Barbalha fica pronta até o final de 2020

A restauração e duplicação da rodovia CE-293, entre Barbalha e Missão Velha, está na iminência de ficar pronta. São 21 km fundamentais para melhorar as condições de mobilidade entre municípios do Cariri.

Quando for entregue, no segundo semestre deste ano, a rodovia vai facilitar o acesso entre as duas cidades caririenses e o fluxo de cargas vindas de outros estados do país pela BR-116. Antes era necessário entrar pelo centro de Missão Velha, afetando as condições de mobilidade na região.

Um dos principais diferenciais da obra é a inclusão de um dispositivo de segurança viária até então inédito em rodovia estadual no Ceará. São as barreiras do tipo new jersey, feitas de concreto, para separar os dois sentidos da pista.

“São cerca de 17 mil metros de new jersey. A ideia é impedir que os veículos invadam a outra faixa, dando uma maior segurança aos usuários, em especial pelo fato de a rodovia receber uma grande circulação de cargas pesadas que vêm para a Região do Cariri”, explica o superintendente da Superintendência de Obras Públicas (SOP), Quintino Vieira.

Integrante do Ceará de Ponta a Ponta, o Programa de Logística e Estradas do Ceará, a nova estrada Missão Velha – Barbalha conta com recursos de, aproximadamente, R$ 69,5 milhões, do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Para a estrada ficar pronta para uso são necessários serviços de proteção ambiental, drenagem, bueiros, pontes, pavimentação, revestimento asfáltico, e sinalizações horizontal e vertical.

Inédito: Crato tem 24 escolas avaliadas com nota 10

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Pelo menos 24 estabelecimentos de ensino da rede municipal do Crato receberam nota dez em avaliação educacional realizada pela Secretaria da Educação do Ceará. A informação foi anunciada pelo prefeito José Ailton (PT), por meio de suas redes sociais.

Segundo o gestor, a análise das condições de ensino e aprendizagem oferecidas pelas escolas ocorre anualmente e essa é a primeira vez que o município conseguiu atingir desempenho máximo em mais de 50% das unidades avaliadas. “Pela primeira vez, em sua história, o Crato teve escolas avaliadas como escola nota dez. E não foi só uma, foram 24 escolas, mais de 50% dos estabelecimentos avaliados, que foram classificadas como escolas exemplares. Este resultado é fruto da mobilização de toda a comunidade educacional do Crato que resolveu revolucionar a educação de nossas crianças. E graças a Deus teve êxito”, comemorou o prefeito.

Em mensagem encaminhada aos núcleos gestores das escolas que alcançaram nota dez, José Ailton enalteceu os membros da comunidade escolar e destacou a participação de Professores, Servidores, Gestores, Equipe pedagógica, Alunos e Pais na obtenção dos resultados. “Vocês conseguiram. Para a frente sempre”, concluiu o prefeito.

Taxa de ocupação de UTIs cai para 66% no Cariri

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

No dia em que o Cariri inicia a segunda semana da fase 1 do plano de retomada da economia, a taxa de ocupação dos leitos da UTI voltados para o tratamento de pessoas com a covid-19 caiu para 66%, segundo a plataforma IntegraSus, gerenciada pela Secretaria da Saúde do Ceará. O índice registrado nessa segunda (10) é menor do que o percentual de 7 dias atrás, que era de 73%.

Na comparação com a ocupação a nível estadual, o indicador do Cariri está abaixo da média. Segundo a plataforma, No Ceará 69,13% das UTIs para Covid-19 se encontram ocupadas. Nos leitos de enfermaria a taxa estadual chega a 35,71%, enquanto a do Cariri é de 26%.

Caso o indicador permaneça em queda, a região do Cariri pode entrar na fase 2 do plano de reabertura econômica já na próxima segunda (17). Para que a previsão se concretize, a média de novos casos da doença deve permanecer em queda, ou sem elevações.

Ceará registra 188.657 casos confirmados de Covid-19, com mais de 160 mil pessoas recuperadas

Estado contabiliza 85.062 casos suspeitos.

O Ceará contabiliza 7.979 mortes em decorrência da Covid-19 e 188.657 casos confirmados da doença, de acordo com dados da plataforma IntegraSUS, atualizada pela Secretaria Estadual de Sáude na manhã desta segunda-feira (10). O número de pessoas recuperadas chegou a 161.044.

Ao todo, o Estado tem 546.223 casos notificados. Existem ainda 85.062 casos suspeitos do novo coronavírus e 610 mortes em investigação. Já foram realizados 522.302 exames para identificar o vírus.

A plataforma indica que as maiores incidências de casos confirmados da Covid-19 são registradas em Acarape (8.486,8), Flecheirinha (6.296,2), Groaíras (5.836,6), Chaval (5.830,6) e Moraújo (5.272,8).

Fortaleza concentra o maior número de registros: 43.878 casos confirmados e 3.746 óbitos pela doença. A incidência registrada na capital, que está na quarta e última fase do processo de reabertura econômica, é de 1.643,8.

Em Juazeiro do Norte, com incidência de 4.291,3, já foram confirmados 11.767 casos e 235 óbitos. Sobral, na Região Norte, tem incidência de 4.934,1, com 10.309 diagnósticos positivos e 289 mortes.

Na Região Metropolitana de Fortaleza, Maracanaú tem 5.635 casos, 234 mortes e incidência de 2.472,7. Em Caucaia, cidade com incidência de 1.457,7, já foram infectadas 5.268 e 321 morreram pela Covid-19. Maranguape contabiliza 4.240 diagnósticos positivos, 109 mortes e uma incidência de 3.287,4.

Veja outras informações da plataforma:

  • A taxa de ocupação das UTIs cearenses é de 69,13%;
  • A taxa de ocupação das enfermarias cearenses é de 35,71%;
  • A letalidade da doença no Estado é de 4,2%
  • Não houve mortes confirmadas nas últimas 24 horas

Os números apresentados pela Secretaria da Saúde são atualizados permanentemente e fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detectar a presença dos vírus, ou seja, não necessariamente correspondem à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente.

Veja como está o plano de retomada por região:

  • Fortaleza segue na fase 4 (cinemas e bares ainda não têm permissão de funcionamento)
  • Municípios da Macrorregião de Fortaleza avançam para a fase 4;
  • Macrorregiões do Sertão Central e Litoral Leste/Jaguaribe continuam na fase 2;
  • Macrorregião Norte segue para a fase 2;
  • Macrorregião do Cariri segue para a fase 1

Fonte: G1 / Ceará

Tipo sanguíneo O+ é o mais comum entre doadores do Hemoce

A população cearense apresenta tipos sanguíneos diversificados. Normalmente, as pessoas são classificadas pelo grupo ABO (A, B, AB, O) e Rh (positivo e negativo). No Ceará, os tipos O e A positivos são os mais comuns. Das 599.534 pessoas que doaram sangue nos últimos 21 anos no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará, da rede pública da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), do Governo do Estado, cerca de 46% são O+.

Identificar o tipo sanguíneo é determinante no momento de uma transfusão de sangue. A hematologista e diretora de hemoterapia do Hemoce, Denise Brunetta, explica que, independentemente de o paciente saber qual o seu tipo, é feito o teste de tipagem sanguínea antes de a transfusão ser realizada. A partir dessas informações, será transfundido o sangue do doador compatível. “Existem antígenos presentes ou ausentes no organismo dependendo do tipo de sangue. Por exemplo, se o sangue é do tipo A, quer dizer que possui antígeno A. Se é AB, tem antígenos A e B em seus glóbulos vermelhos. Já quem é O não tem nem A nem B e é considerado o doador universal. Por isso é tão importante que esses voluntários mantenham suas doações com regularidade”, explica Denise.

As características do sangue precisam ser compatíveis entre doador e paciente para garantir maior segurança transfusional. Além da tipagem sanguínea, o Hemoce realiza a fenotipagem eritrocitária, um estudo mais completo do sangue. A fenotipagem pesquisa nas hemácias características minuciosas, possibilitando uma transfusão mais compatível. “Com a avaliação, conseguimos identificar o doador com sangue raro. A ausência ou a presença de alguns antígenos pode indicar que o sangue que está sendo avaliado é raro. Isso permite que tenhamos um banco de sangue raro para atender os pacientes”, conta Denise Brunetta.

O banco de doadores raros do Hemoce é um dos maiores do Brasil e conta com 121 voluntários especiais. Desde 2014, o Hemoce já enviou 32 bolsas de sangue raro para outros estados brasileiros e uma para a Colômbia. Para garantir a segurança e a qualidade no sangue doado, o hemocentro mantém um rigoroso processo de controle.

Cada vez que um voluntário doa, as amostras de sangue passam por testes e exames sorológicos. Além da tipagem sanguínea e da fenotipagem eritrocitária, são realizados eletroforese de hemoglobina e testes para hepatites B e C, sífilis, doença de Chagas, HIV e HTLV (vírus T-linfotrópico humano). Também São feitos testes de biologia molecular para verificação e confirmação do vírus HIV e hepatites B e C, chamado de teste NAT.

As doações realizadas no Hemoce atendem pacientes em mais de 450 unidades de saúde no Estado e 100% do Sistema Único de Saúde (SUS). Cada bolsa de sangue é dividida em diferentes hemocomponentes (plaquetas, hemácias e plasma). Por isso, com uma única doação de sangue, é possível salvar até quatro vidas

Hemoce no RioMar Kennedy

Nesta terça-feira (11), o Hemoce abre um posto de coleta de sangue no shopping RioMar Kennedy, em Fortaleza. A unidade funcionará no piso L2 até 11 de outubro. De segunda a sábado, o atendimento será das 12h às 21h30. Já aos domingos, das 13h às 21h. A ação faz parte do projeto “Hemoce Perto de Você”, que tem como objetivo facilitar o acesso da população aos locais de doação de sangue. Uma equipe composta por médico, enfermeiro e técnico de enfermagem receberá os doadores no posto. O espaço tem capacidade para atender 60 pessoas por dia.