MPCE requer interdição do lixão no Município de Caririaçu

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da Promotoria de Justiça de Caririaçu, ingressou na última quarta-feira (30/04) com uma Ação Civil Pública (ACP) contra o Município de Caririaçu. O objetivo é interditar o espaço que está sendo utilizado como descarga de resíduos a céu aberto e recuperar ambientalmente as áreas degradadas pelo antigo “lixão” da cidade. De acordo com o promotor de Justiça Rafael Couto Vieira, o Município de Caririaçu não tem regulamento de gestão do sistema de limpeza urbana, nem um aterro sanitário licenciado ambientalmente no território. Portanto, os resíduos sólidos são destinados a um aterro localizado na zona urbana do Município, na localidade de Poço d’Água, zona rural de Boa Viagem.

Na investigação feita pela Promotoria, foi constatado que o lixo é depositado a céu aberto há mais de dez anos naquele local, em condições inadequadas. Além disso, conforme é relatado na ação judicial, “a população encontra-se exposta a diversas doenças e o meio ambiente sofre uma degradação que poderá ser irreversível no futuro”. Tais irregularidades constam nos autos de infração decretados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis no Ceará (Ibama) e estão embasadas em relatório do Núcleo de Apoio Técnico (NAT) da Procuradoria Geral de Justiça do Estado do Ceará.

Desde 2010, a Promotoria busca uma solução extrajudicial com a Prefeitura. De acordo com o promotor de Justiça Rafael Couto, reiteradas vezes a gestão municipal informava que a atividade poluidora seria encerrada assim que um aterro sanitário fosse instalado e uma empresa contratada para destinar os resíduos. Porém, posteriormente, foi informado que não há empresas com licenças para receberem o lixo de Caririaçu na região. “Observa-se a ausência de atos efetivos do município para reverter o ciclo de poluição, não havendo outro caminho que não manusear procedimento judicial para fazer cessar a atividade poluidora no local”, declara o representante do MPCE.

Dessa forma, o Ministério Público requer à Justiça que seja deferida uma medida liminar determinando ao Município que providencie, no prazo de dez dias, a abertura de valas sépticas no lugar onde o lixo está sendo depositado ou em outro local eventualmente indicado por órgão ambiental; que seja implantado, em até 90 dias, um sistema de coleta seletiva em conformidade com a ABNT – NBR 12980; que a Justiça determine indenização por danos materiais e morais causados ao meio ambiente, a restauração das condições primitivas da área; e a construção e implantação do aterro sanitário em localidade apropriada em até 180 dias, dentre outros pedidos.

 

Prefeitura de Barbalha convoca comerciantes que atuarão na festa de Santo Antônio

A Prefeitura de Barbalha realiza chamamento dos munícipes interessados na ocupação comercial da área na festa de Santo Antônio. De 30 de abril a 10 de maio, a Secretaria de Cultura do Município realiza atendimentos de 08 às 14 horas, em sua sede, para comerciantes barbalhenses. De 13 a 17 de maio, serão cadastrados os comerciantes para as vagas remanescentes.
O candidato à vaga deve portar documentos originais do RG, CPF, título de eleitor, comprovante de residência. Nos dois períodos, o atendimento ocorrerá através de senhas distribuídas por ordem de chegada.
Os órgãos responsáveis chamam a atenção para os prazos que cada grupo deve obedecer. Lembra, ainda, que quem não estiver devidamente regulamentado, não poderá efetuar a comercialização de qualquer produto na área destinada ao evento.

Dia das Mães deve movimentar cerca de R$23,5 milhões no Cariri Garden Shopping

Considerado um dos melhores períodos do varejo, o Dia das Mães tem deixado o comércio otimista. Só o Cariri Garden Shopping espera um crescimento de 2% em relação ao mesmo período de 2018, alcançando o montante de R$23,5 milhões em vendas. A expectativa é que no mês de maio passem pelo Garden cerca de 600 mil pessoas.

Como atrativo, o Shopping lançou a campanha “Mãe é Laço Eterno”,  comprou-ganhou. A campanha teve início no dia 27 de abril e segue até 12 de maio. Nas compras acima de R$250,00 o convidado ganha uma bolsa da Sagian, sendo uma unidade por CPF. Estão em estoque 3 mil unidades para todo o período da campanha.

“A parceria da Sagian com o Garden foi excelente, uma ótima oportunidade para divulgarmos nossos produtos e ampliar o leque de clientes. A campanha mal começou e já deu pra sentir que o fluxo aumentou, o que nos deixa bem otimista. Para o período acreditamos num crescimento de 10% nas vendas”, destacou o proprietário da Sagian, Antônio Mendonça.

Governador do Ceará tem encontro com empresa líder mundial de tecnologia

No último dia da missão à China, o governador Camilo Santana esteve na Empresa Huawei, líder global no fornecimento de equipamentos de rede e telecomunicações. O governador foi recebido pelo vice-presidente global de Relações Governamentais da Huawei, Roy Chen, e conheceu de perto os equipamentos de última geração que estão sendo utilizados nas principais metrópoles do mundo para melhorar os serviços à população. A chamada “cidade inteligente”, conhecida também pelo termo inglês “smart city”, usa tecnologia para planejar uma cidade criativa e sustentável, que atenda as necessidades da população e supere os desafios que resultam do crescimento das cidades.

Após o encontro, o governador fez um balanço da semana em que esteve no país asiático realizando encontros para assinatura de parcerias e para a prospecção de novos negócios. “Não há como pensar na captação de novos parceiros comerciais para o Brasil sem aprofundar esse relacionamento com a China. O país tem avançado nos negócios em todo o mundo, investindo muitos recursos, e quero que essa parceria chegue forte ao Ceará, para melhorar nossos serviços, impulsionar a economia e atrair mais empregos para os cearenses”, disse o governador.

Após cumprir a última agenda na China, Camilo Santana retorna ao Ceará nesta terça-feira (30).

Agendas

Durante a missão na China, o governador Camilo Santana firmou parcerias e conheceu novas tecnologias em outras quatro áreas consideradas estratégicas para o Governo do Ceará: Saúde, Segurança, Educação e Infraestrutura. Na última quarta-feira (24), em Pequim, foi assinado um acordo com o Grupo Meheco (Medical Health Company), um dos maiores do mundo na área de tecnologia em saúde, que estabeleceu bases de cooperação para o fornecimento de equipamentos para os hospitais cearenses, instalação de empresas no estado e desenvolvimento de tecnologia na área da saúde.

Na quinta-feira (25), o governador esteve na cidade chinesa de Hangzhou, onde se reuniu com representantes da Dahua Technology para conhecer a expertise da empresa no uso da tecnologia para o combate ao crime. Foram apresentados projetos desenvolvidos no uso de inteligência artificial na prevenção de crimes e investigação de delitos, além do serviço de monitoramento de presos que respondem pena em liberdade. Nos próximos dias, o Ceará vai receber equipes da Dahua Technology para fazer um estudo do melhor modelo a ser desenvolvido na parceria entre a empresa e o governo cearense.

Na sexta-feira (26), Camilo Santana esteve em Dalian, onde fechou acordo com o prefeito Tan Chengxu para intercâmbio de alunos e professores de escolas públicas cearenses na China. O Ceará também deverá receber estudantes chineses. Já a partir do próximo mês de agosto, dez alunos e dois professores de escolas estaduais do Ceará estarão em Dalian realizando o primeiro intercâmbio.

Já no último sábado (27), também em Dalian, a comitiva cearense se reuniu com diretores de um grande grupo chinês da área petroquímica. “Nossa equipe já havia tido uma primeira reunião em fevereiro, quando foi demonstrado o interesse deles de investirem pela primeira vez no Brasil. Mostrei todo o potencial do nosso estado e a estrutura do Complexo Portuário do Pecém e da nossa Zona de Processamento de Exportação (ZPE)”, citou o governador.

Ontem, no penúltimo dia da missão comercial na China, Camilo Santana se reuniu com diretores da companhia China Communications Construction Company (CCCC), maior empresa de infraestutura do país e uma das maiores do mundo. Na ocasião, foram discutidos possíveis acordos entre a empresa e o estado, principalmente na parte de infraestrutura logística. “O nosso Complexo Industrial e Portuário do Pecém tem crescido muito e, com a atração de novas empresas, precisamos dotar o Ceará de uma infraestrutura que seja adequada para receber os empreendimentos. Isso significa maior impulso na nossa economia e consequente geração de mais empregos para os cearenses”, citou o governador, que também esteve com o embaixador do Brasil na China, Paulo Estivallet.

Fonte: assessoria

Volta a chover no Cariri: Ipaumirim registra 66 milímetros

Por Rafael Pereira/Agência News Cariri

O boletim diário da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) indicou chuvas em 20 municípios da região do Cariri. A maior chuva da Região ocorreu em Ipaumirim onde foram registrador 66 milímetros. O município ficou em segundo lugar no Ceará.

Lavras da Mangabeira foi o segundo município da região com os maiores índices de chuvas. Segundo a Funceme 58 mm foram registrados. Em Baixio, município que fica próximo a Ipaumirim, o órgão registrou 56 mm. As precipitações foram o resultado das últimas 24 horas.

No Crajubar, a Funceme registrou 17 mm em Juazeiro do Norte, 4,4 mm em Crato e 3,8 em Barbalha.

A previsão pra essa terça-feira (30) é de céu nublado com chuva em todas as macrorregiões. Segundo a Funceme: “conforme análise dos meteorologistas da Funceme, o cenário favorável às chuvas vem sendo associado à atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). Na atual indicação, as precipitações deverão atingir mais de 50% do território das macrorregiões.”

Obras emergenciais por causa das chuvas são anunciadas em Fernando de Noronha

Uma série de ações para atenuar os problemas de infraestrutura causados pelas chuvas registradas na ilha foi anunciada pelo administrador de Fernando de Noronha, Guilherme Rocha, nesta segunda-feira (29). De acordo com ele, obras emergenciais começam na terça-feira (30).

“Nós vamos contratar obras emergenciais. Vamos contratar máquinas, que já estão disponíveis em Noronha, para trabalhar nas estradas que têm dificuldade de acesso ou nenhum acesso”, afirma.

Ele visitou a Estrada da Quixaba, principal via de acesso à Praia do Sancho, na tarde desta segunda (29). A via foi interditada pelos moradores por conta da quantidade de buracos e lama.

“A Estrada da Quixaba segue interditada. O visitante vai precisar usar a via da Cacimba do Padre para chegar ao Sancho. Vamos trabalhar para reabrir essa estrada o mais rápido o possível. Estamos estudando uma forma de calçamento mais ecológica e mais rápida. Devemos fazer um teste ainda esta semana”, declara.

São necessários cerca de R$ 10 milhões para a realização de obras de drenagem e calçamento, segundo o administrador da ilha. Ele diz esperar liberação dos recursos do governo federal. “Fernando de Noronha é um destino turístico conhecido mundialmente, precisa de cuidados do governo federal tanto quanto do governo estadual”, afirma Guilherme Rocha.

Além da Estrada da Quixaba, as obras emergenciais são realizadas na Coreia, Estrada Velha do Sueste, Três Paus, Boldró, Vacaria e Estrada da Conceição. Na terça (30), chegam a Noronha a secretária estadual de infraestrutura, Fernanda Batista, e o presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Roberto Tavares.

Na quarta-feira (1º), desembarca na ilha o presidente da Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab), Bruno Lisboa. Segundo o governo do estado, cada setor desenvolve ações de melhoria em Fernando de Noronha.

Fonte: G1.com

Dois corpos são encontrados em sítio de Lagoa Seca, PB; suspeita é de descarga elétrica

Dois corpos foram encontrados na manhã desta terça-feira (30), em Lagoa Seca, no Agreste da Paraíba. De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), as vítimas possivelmente morreram após uma descarga elétrica.

O caso aconteceu no sítio Mineiro, zona rural do município. De acordo com o Samu, os corpos foram encontrados pelos trabalhadores da propriedade. As vítimas estavam mortas próximo a um açude do local.

Segundo a socorrista do Samu, Lucimara Alves, a equipe foi acionada ao local e constatou que os homens já estavam mortos. “A gente acredita que eles sofreram uma descarga elétrica durante a madrugada, porque, pelas características os corpos, já tem um tempo que eles vieram a óbito”, disse à TV Paraíba.

Ainda conforme o Samu, os corpos das vítimas estavam às margens do açude e ao lado deles estavam alicates e uma bomba de água. A polícia investiga o caso e suspeita de que a dupla estaria tentando furtar as bombas de água que existem no local.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande.

Fonte: G1.com

Primeiro implante de ouvido biônico do Hospital Universitário é feito em paciente após 12 anos de perda da audição

O Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC), em Fortaleza, realizou, na quinta-feira (25), o primeiro implante coclear de sua história, procedimento utilizado para devolver a audição em paciente com quadros severos de surdez. A agricultora Maria Liduína de Castro Alves, 33, recebeu o implante após cerca de 12 anos sem audição. “O som que eu quero mais ouvir é a palavra de Deus. É por essa razão que eu estou aqui”, ressalta.

Conhecido como ouvido biônico, o equipamento eletrônico substitui a função do ouvido interno em pessoas com perda total da audição ou quase total. Sobre o processo, o professor da Faculdade de Medicina da UFC, Marcos Rabelo, diz que o dispositivo substitui a função da cóclea. “É introduzido um dispositivo dentro da cóclea, órgão mais interno do ouvido da gente, que vai simular diretamente no nervo auditivo”, esclarece.

Marcos explica que o implante coclear tem sido utilizado para devolver a capacidade de ouvir em pacientes portadores de surdez severa a profunda. Conforme o médico, o implante é feito em pacientes que não se beneficiam com o uso de próteses auditivas convencionais. “O processo de credenciamento foi bastante demorado, tecnicamente nós estávamos habilitados há bastante tempo, somos pioneiros no serviço de saúde auditiva. Então há muito tempo que nós trabalhamos com programa de aparelhos auditivos.

A fonoaudióloga Alessandra Mendonça explica o processo para a realização do implante, no Hospital Universitário: o paciente candidato é avaliado por uma equipe multiprofissional. Se indicado, ele é encaminhado para cirurgia de implante do componente interno e após 30 dias é realizada a ativação do componente externo. “A reabilitação fonoaudiológica é fundamental já que o paciente vai reaprender a ouvir sons de fala e sons ambientais. A terapia vai ajudar a descobrir os sons”, pontua sobre o processo após a cirurgia.

Primeira paciente

A agricultura Liduína Alves começou a perceber os primeiros sinais da perda de audição aos 12 anos. Ela conta das dificuldades em acessar os serviços de saúde em Itapiúna e na região do Maciço de Baturité, e que a situação foi agravando até aos 21 anos em que perdeu a audição.

Nesse período ela desenvolveu a capacidade de leitura labial. “Tudo começou numa consulta com a minha filha. Eu pedi para o médico falar devagar para eu poder ler os lábios e entender e assim foi dando certo. Mas eu quero escutar, se Deus quiser esse dia vai chegar”, conta.

Credenciamento

O Hospital Universitário faz parte da unidade do Complexo Hospitalar da Universidade Federal do Ceará (UFC) filiada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH). Desde 2005, o HUWC tentava credenciamento com a Secretaria da Saúde do Estado para habilitação do programa de implante coclear, que permite que o Sistema Único de Saúde (SUS) cubra os procedimentos realizados. Além do Hospital Universitário, o Hospital Geral de Fortaleza (HGF) também realiza o procedimento.

Atualmente, 55 pacientes já atendidos no Hospital Universitário são candidatos ao procedimento. Só depois do atendimento a essas pessoas será possível receber pacientes encaminhados pela Central de Regulação do Estado.

Segundo dados do Grupo de Implante Coclear do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), o implante coclear já beneficia mais de 400 mil pessoas no mundo, sendo contabilizados cerca de 7 mil usuários somente no Brasil.

Fonte: G1.com

Estudante baiana de 16 anos é aprovada em curso de verão na Universidade de Stanford e faz vaquinha para pagar viagem

Uma estudante baiana de 16 anos ganhou uma bolsa de estudos integral em um curso de verão da Universidade de Stanford, na Califórnia, e criou uma vaquinha online para conseguir pagar a viagem, que não é custeada pela instituição.

A Universidade de Stanford aparece em rankings mundiais como uma das mais importantes instituições de ensino superior. Em 2017, a universidade ficou em 1º lugar entre as que têm maior empregabilidade. Já no ano de 2018, a instituição foi considerada a 3ª melhor do mundo.

Aluna do ensino médio da rede pública e moradora da cidade de Terra Nova, a cerca de 70 km de Salvador, Quézia Fernandes busca experiência para tentar o ensino superior fora do Brasil. Para isso, a adolescente aprendeu o inglês intermediário sozinha.

A estudante conta que sempre teve vontade de estudar em outros países e que, no início do ano, descobriu os cursos de verão nas universidades estrangeiras. Desde então, Quézia começou a tentar uma bolsa de estudos.

“Quero uma amostra do que é estudar lá fora [outro país], de como funciona lá. Além de fazer o curso, melhorar meu inglês, e ter a melhor experiência possível. Stanford vai ser uma das que vou tentar ingressar”

Antes de ser aprovada em Stanford, a garota chegou a ser aprovada na Universidade Wake Forest, na Carolina do Norte, mas o curso não seria gratuito e, por isso, desistiu.

Depois de algumas reprovações em outras instituições e já sem esperança, a estudante foi surpreendida com um e-mail de convocação da Universidade de Stanford, no dia 4 de abril.

As aulas de Quézia devem começar no dia 15 de julho e seguem até 2 de agosto. O curso pertence às áreas de física e ciência da terra.

Durante a estadia na universidade, a estudante aprenderá “como usar bem a linguagem pode ajudar a salvar o mundo”.

Quézia é a caçula de cinco irmãos. A mãe da estudante trabalha como merendeira e o pai é motorista. A família não tem como pagar a viagem e, por isso, a estudante decidiu buscar outras formas de arrecadar dinheiro para a viagem, como rifas e a vaquinha online.

Quézia criou a vaquinha no dia 6 de abril e deve encerrar no dia 24 de junho. O objetivo da estudante é conseguir R$ 9 mil. O valor será usado para desde a confecção de documentos necessários para a saída do Brasil e entrada nos Estados Unidos da América (EUA) até a compra das passagens.

Até a noite da segunda-feira (29), a vaquinha havia arrecadado 47,06% do necessário, o equivalente a pouco mais de R$ 4 mil.

Quézia espera conseguir os R$ 9 mil até o dia previsto. A estudante conta que sem o dinheiro não conseguirá a viagem.

“Se eu não conseguir arrecadar todo esse valor, eu não vou poder viajar. Não tenho esse dinheiro. Vou ter que devolver o que tiver arrecadado pessoa por pessoa “

Fonte : G1.com