Em Mauriti a Secretaria de Juventude Esporte e Lazer movimenta a cidade com o 1º Ciclo Sesc

Na última segunda feira, dia, O Governo Municipal de Mauriti, Administração Compromisso com o Povo, através da Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer, realizou mais um evento em parceria com o SESC Juazeiro, o 1º Ciclo Sesc Mauriti. A cidade mais uma vez se mobilizou para participar deste importante evento que tem como foco a qualidade de vida, no lazer e no turismo. O evento mostra que, além de uma prática saudável, o ciclismo pode ser também um meio para que as pessoas possam conhecer as cidades, sua arquitetura, pontos turísticos, patrimônios históricos e culturais. É também uma oportunidade de encontro, socialização e integração entre os participantes, suas famílias, a Secretaria de Juventude e Esporte e o Governo Municipal.
Foram inscritos 101 ciclistas, que percorreram uma distância de 18 km, com saída do Distrito de São Félix, passando pelo Buritizinho, e algumas ruas da cidade, e final no PROARES. Com premiação para os 5 primeiros colocados nas categorias masculino e feminino, entre todos os participantes também foi sorteada uma bicicleta.
O Prefeito Mano Morais (PDT) , esteve presente no decorrer de todo evento. Na solenidade de premiação, Mano Morais falou da importância da participação da juventude nos eventos esportivos e culturais, sendo um importante canal de interação e de confraternização, e que a juventude praticando esporte está longe das drogas.
Além do Secretário de Juventude Esporte e Lazer, Artálio Barroso Leite, estiveram presentes as Secretárias de Educação, Creusa Milcharek, da Assistência Social, Cleide Alves, dos vereadores Samuel Coelho e Romário Alencar, além de desportistas e muitos espectadores que lotaram o pátio do PROARES.

Fonte : José Wilton Montenegro
Coord. Setorial de Com. Social e Imprensa

Governador Camilo junto do secretário Fernando Santana liberam R$ 200 mil para festa de Santo Antônio

O Governo do Estado estará presente na Festa de Santo Antônio, que este ano será realizada de 27 de maio a 13 de junho, em Barbalha. Fernando Santana, secretário-adjunto do Gabinete do Governador assegurou a importância de R$ 200 mil a ser destinado para parte cultural da festa. Fernando, atendendo assim, pedido de ajuda por parte do prefeito Argemiro Sampaio.

Fernando Santana (Foto) explicou ao blog que a parte cultural da festa é muito importante, pois cria renda e centenas de empregos temporários para as famílias barbalhenses. “Uma festa desta magnitude, nem eu e nem o governador Camilo pensamos em questões políticas, pensamos no município, ou seja, nos barbalhenses, que valorizam e fomentam uma das maiores festas populares do Brasil”, afirmou Fernando Santana, acrescentando que: “ao receber o pedido do prefeito Argemiro fui ao governador e fiz essa solicitação, aonde o mesmo deu autonomia para a resolução, pois queremos o bem ao povo do Cariri e da nossa querida Barbalha”, concluiu o secretário de governo.

flaviopintonews

Câmara do Crato recebe indicações para Medalha Elói Teles

A Câmara Municipal do Crato divulga edital para recebimento de indicações de homenageados com a Medalha Elói Teles. A medalha é uma comenda concedida pelo Poder Legislativo a cinco pessoas físicas ou jurídicas que atuam em benefício da arte e da cultura cratenses.

As indicações devem ser encaminhadas à Mesa Diretora da Câmara por cidadãos ou entidades da sociedade civil ou grupos culturais e artísticos cratenses até o dia primeiro de junho. A indicação deverá ser acompanhada de um relatório contendo informações sobre a produção cultural do indicado.

Uma comissão formada por representantes da Secretaria Municipal de Cultura, Universidade Regional do Cariri, Fundação Elói Teles, Instituto Cultural do Cariri, grupos teatrais e pela OCA (Oficinas de Cultura e Arte) vai analisar e escolher, em junho, os nomes de quem serão homenageados.

“As pessoas agraciadas com a comenda vão ter um reconhecimento público, do poder legislativo do Crato, pela sua produção artístico-cultural”, ressalta o vereador Amadeu de Freitas (PT) que propôs a criação da Medalha em 2001, quando passou a ser concedida.

“Creio que isso é de muita importância porque é significativo você ter a sua obra, a sua produção cultural e artística reconhecida”, complementa o parlamentar, presidente da Comissão Permanente de Cultura e Assistência Social, da Câmara Municipal.

Quem foi Elói Teles?

Elói Teles foi um radialista, escritor, advogado e jornalista cratense e fundador e primeiro presidente da Academia de Cordelistas do Crato. Grande incentivador da cultura popular no Cariri, foi também apresentador do programa Coisas do Meu Sertão, no rádio.

Com informações da Câmara do Crato

Juazeiro do Norte – Prefeitura participa do 1° Seminário de Educação Fiscal do Cariri

A Secretaria de Gestão de Juazeiro do Norte (SEGEST), a convite da Delegacia da Receita Federal do Brasil, em Juazeiro do Norte, participa do 1° Seminário de Educação Fiscal do Cariri. O evento está acontecendo no Memorial Padre Cicero e teve início às 8h do dia 03 de maio, com término nesta quinta-feira. Estiveram presentes fiscais e auditores do setor de tributos da Prefeitura. Com esta iniciativa, a Receita Federal do Brasil visa difundir conhecimento e práticas de sucesso adotadas em diversas esferas da administração tributária, e que resultam em uma maior consciência social a respeito da gestão pública. O seminário constará de palestras e mesas de debates em assuntos atuais centrados em temas pertinentes à Educação Fiscal e Controle Social.

O Coordenador de Finanças da Prefeitura de Juazeiro do Norte, José Gonçalves de Moura Neto, parabeniza e destaca a importância do evento. “O tema em si é de extrema relevância social, pois visa difundir as diversas práticas tributárias, resultando, então, em uma melhor educação fiscal, e isso se faz com cidadania”, afirma.

Esse primeiro Seminário de Educação Fiscal é uma iniciativa que, segundo o Delegado Adjunto da Receita Federal na Cidade, Marcos Alexandre Lucena, visa parcerias com municípios, entidades da educação, secretarias de educação e de finanças, na intenção de permitir a difusão do tema educação fiscal nos municípios. “A educação fiscal é um assunto que é instigante. Ela trata da cidadania, da participação social no controle dos gastos públicos, no conhecimento do cidadão a respeito da gestão pública e da aplicação de tributos”, destaca.

Para Marcos, a ideia do seminário é passar uma pequena parte de conhecimento e esperar que todos os presentes no local se tornem multiplicadores desse conhecimento. Espera-se que a iniciativa tenha desdobramentos ao longo dos próximos meses. “A gente quer que tenha outras edições pra que possamos discutir, ter novas ideias e trazer novos palestrantes”, informa.