Trilha do Santo Sepulcro recebe caminhada educativa em ação do Complexo Ambiental Caminhos do Horto

Foto: Divulgação

Publicidade

A atividade é gratuita e aberta ao público, com 40 vagas, por ordem de chegada. 

O Complexo Ambiental Caminhos do Horto, equipamento da Secretaria de Meio Ambiente e Mudança do Clima (SEMA), vai realizar uma série de caminhadas educativas na trilha do Santo Sepulcro, no Horto, durante este mês de janeiro. O primeiro dia de ação acontece no próximo domingo (7), e segue nos dias 14, 21 e 28, de forma gratuita e aberta ao público. A atividade será realizada das 9h às 13h e disponibiliza 40 vagas por ordem de chegada na Estação Monsenhor Murilo de Sá Barreto (Estação inferior). 

Como parte das atividades ambientais, educativas e culturais que compõem a programação do mês de janeiro do Caminhos do Horto, a caminhada permitirá aos participantes conhecer aspectos relacionados às espécies da fauna e da flora local, com destaque aos ipês, jatobás, angicos e cedros. 

Além disso, haverá abordagem sobre os aspectos históricos e religiosos relacionados ao Padre Cícero, bem como ao surgimento de Juazeiro do Norte e sua influência para o desenvolvimento da região do Cariri cearense. Também permeiam o percurso da caminhada, conscientização sobre os impactos ocasionados pelo mau uso da trilha, e dicas de descarte correto do lixo e a prevenção a incêndios florestais.

O acesso à Estação Monsenhor Murilo de Sá Barreto, integrante do Complexo Ambiental Caminhos do Horto, tem entrada pela Avenida do Agricultor, nº 1334, Salgadinho. 

Complexo Ambiental Caminhos do Horto

O Complexo Ambiental Caminhos do Horto é um equipamento do Governo do Ceará, vinculado à Secretaria de Meio Ambiente e Mudança do Clima (SEMA), gerido pelo Instituto Dragão do Mar. É formado por uma grande rede que envolve Educação Ambiental, Cultura e Turismo devocional como alicerces da preservação e desenvolvimento. Por meio do teleférico, aproveita-se o passeio para desfrutar das belezas da paisagem e da fé no Padre Cícero, uma oportunidade para visualizar o cenário em que se desenvolveu a história do “Padim”. As ações em Cultura e Meio Ambiente são elos complementares que reforçam o turismo sustentável, o pertencimento, o patrimônio e o desenvolvimento social.

Publicidade

Leia também