Crato se torna primeira cidade do Cariri a implantar Conselho de Igualdade Racial

Publicidade

Crato sem Racismo. Com esse tema, foi realizada na quarta-feira, 11, no auditório da Prefeitura Municipal do Crato, a posse dos membros do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial – COMPIR, biênio 2022/2024, com composição paritária de órgãos de entidades públicas e organizações da sociedade civil.

Este é o primeiro conselho criado no município e na região do Cariri com atribuições voltadas para o enfrentamento das questões referentes às desigualdades étnico-raciais e para o combate ao preconceito racial e/ou étnico.

Serão 14 conselheiros, sendo sete do poder público e sete da sociedade civil, e seus respectivos suplentes. Dos órgãos governamentais, os membros são da Assessoria de Políticas Públicas para Promoção da Igualdade Racial, das Secretarias de Desenvolvimento Social, Educação, Saúde, Desenvolvimento Econômico, Cultura, e Escola de Gestão Pública Municipal.

Da sociedade civil, os membros serão de Entidades e/ou Movimentos Sociais de Defesa da População Negra, de Mulheres Negras, da Juventude Negra, de Entidades e/ou Movimento Social Indígena, de Povos de Terreiro, de Povos e Comunidades Tradicionais, e do Núcleo de Estudos Raciais e/ou Étnicos de Instituição de Ensino Superior.

Durante a posse, o prefeito Zé Ailton Brasil enalteceu a maneira como foi construída a lei, desde a elaboração do projeto de lei até a sanção do mesmo. “Essa lei não foi uma lei impositiva, ela foi construída ouvindo os movimentos sociais, a sociedade civil, e discutindo quais os pontos poderíamos avançar em termos de igualdade racial”, disse.

Para o vice-prefeito, André Barreto, a posse do conselho oficializa que a gestão pública entra de fato nessa política de promoção da igualdade racial. “Nós precisamos construir juntos daqui pra frente. É uma luta, um trabalho que não é fácil. Tenho certeza que com a existência do conselho, as atividades desenvolvidas, congregando com o poder público e com toda a sociedade, a gente consegue avançar mais rapidamente nessa temática”.

Também estiveram participando do momento, a Assessora Municipal de Direitos Humanos e Movimentos Sociais, Otonite Cortez, os representantes da Assessoria de Políticas Públicas para Promoção da Igualdade Racial, Renan Sales, dos Povos de Terreiro, Babá Edilson de Omolu, do Grunec e da Frente de Mulheres do Cariri, Verônica Carvalho, dos Povos Indígenas, Victor Cariri, dos Povos e Comunidades Tradicionais, Dona Teresinha, e os vereadores Pedro Lobo, Fernando Brasil e Alex Saraiva.

Publicidade

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

1B43CDFE-AB4F-4807-8EA1-D2DF9298EEB3
25AFD2D6-B201-4EB9-AB79-497BD30A6E8B

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas