Ex-prefeito de Juazeiro do Norte, Carlos Cruz testa positivo para a covid-19

O ex-prefeito Carlos Cruz, de 87 anos, testou positivo para a covid-19. A informação foi confirmada pelo radialista Murilo Siqueira, que obteve a notícia através de familiares do ex-gestor.

Cruz governou Juazeiro do Norte entre 2001 e 2004. Ele é pai da ex-deputada Ana Paula Cruz, que concorreu à prefeitura de Juazeiro no último pleito. Segundo apurado, o ex-gestor apresenta sintomas leves e se recupera da infeção em isolamento domiciliar.

Secretários discutem retomada do turismo na região do Cariri

Juazeiro do Norte sediou na manhã desta quarta-feira, 20,o primeiro encontro entre secretários de turismo de municípios que fazem parte da Rota Turística do Cariri (Rota Cariri). O evento contou com a participação dos Secretários dos municípios de Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Nova Olinda, Santana do Cariri, Nova Olinda e Assaré.

A reunião teve como pauta a discussão sobre os pontos positivos e potencialidades em relação ao turismo e também as principais dificuldades para a consolidação de um roteiro que garanta um fluxo de visitação perene, com foco na Rota Cariri, lançada pelo Governo do Estado do Ceará em Março de 2020. Também foram abordados os principais desafios a serem enfrentados ainda dentro do contexto da pandemia provocada pela Covid-19.

Glêdson Bezerra, destacou a importância do encontro e ações que sejam realizadas em conjunto com o objetivo de fortalecer a Rota Turística como uma ferramenta para o desenvolvimento regional.

Polícia Civil alerta para falso cadastro e agendamento de vacinação contra a Covid-19

Com a chegada da vacina contra a Covid-19 no Brasil, a população vem buscando mecanismos e meios para agilizar o cadastro ou agendamento para a tão esperada imunização. As primeiras doses já chegaram ao Ceará, nessa segunda-feira (18), e com isso, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) orienta e alerta as pessoas para golpes do falso cadastramento, que podem ser aplicados por criminosos via ligações, e-mail, conversas pelo WhatsApp entre outros meios. A ação delituosa tem o objetivo de clonar e roubar dados das futuras vítimas.

O alerta sobre essa tentativa de golpe foi feito inicialmente pelo Ministério da Saúde, por meio de nota publicada em um perfil oficial do órgão nas redes sociais. O golpe funcionaria assim: o golpista liga para o celular da vítima e pede dados pessoais para agendar a vacinação. Para isso, claro, pede para a pessoa confirmar os dados. Além das ligações, os suspeitos podem encaminhar um link via e-mail ou mensagem para celular solicitando cadastramento da pessoa que será vacinada.

O diretor do Departamento de Inteligência Policial (DIP) da Polícia Civil, delegado Edvando França, reitera a necessidade da população se informar de como será feita a vacinação em seu estado ou município. “Esse é um momento oportuno para os golpistas tentarem roubar seus dados. O ideal é que a pessoa evite clicar em links, certificar quem enviou para você esse link, se ele é de um órgão oficial, se o telefone é de órgão público, se de fato os postos de vacinação estão fazendo ligações para cadastrar os pacientes”, pontuou.

No Ceará, o Governo do Estado já disponibilizou o cronograma de vacinação, informando a população sobre em qual momento cada grupo irá se vacinar. Neste primeiro momento, a prioridade será para profissionais de saúde da linha de frente de combate à Covid-19 de unidades públicas e privadas, que serão imunizados nos locais onde trabalham, e idosos institucionalizados (que residem em asilos). Todos os grupos da Fase 1 serão vacinados na medida que cheguem mais lotes nas próximas semanas.

“Nesse primeiro momento de vacinação, desconfie. Não temos vacinas disponíveis para vendas, e nem para compra, e também não está sendo feito nenhum tipo de cadastro ou ligação para se vacinar. Aguarde um posicionamento dos órgãos competentes, e não deixe de checar a veracidade das informações que chegam até você”, finalizou Edvando França.

Prognóstico indica 50% de probabilidade para chuvas abaixo da média no Ceará entre fevereiro e abril

O prognóstico elaborado pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) para o trimestre fevereiro, março e abril de 2021 indica maior probabilidade para chuvas abaixo da média para o Estado como um todo, isto é, de 50%.

Conforme as análises das condições atmosféricas e oceânicas, além dos resultados de modelos numéricos globais e regionais e de modelos estatísticos de diversas instituições do Brasil, como Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), o Ceará tem ainda 40% de chances para precipitações dentro da média e 10% acima dela.

Os estudos realizados pela Funceme apontam ainda uma diferença entre os acumulados esperados ao longo do território cearense. Para o centro-sul, são esperadas anomalias negativas e, no extremo noroeste, anomalias positivas, no período entre fevereiro e abril.

Condições oceânicas e atmosféricas

O campo de anomalias de Temperatura da Superfície do Mar (TSM) mostra, em dezembro, no oceano Pacífico Equatorial Central e Leste, condições térmicas que caracterizam o fenômeno La Niña, isto é, temperaturas abaixo da normalidade.

Já no oceano Atlântico Tropical Sul, observam-se áreas mais frias próximo da costa da África e até perto do litoral leste brasileiro, além de predomínio de TSM em torno da média (neutralidade) próximo à região equatorial. O oceano Atlântico Tropical Norte exibe predomínio de áreas mais aquecidas e em torno da média próximo à Linha do Equador.

De acordo com a Funceme, os modelos de previsão de TSM, processados em janeiro de 2021, indicam, para o trimestre fevereiro, março e abril de 2021, continuidade das condições do fenômeno La Niña no oceano Pacífico Equatorial, porém, com tendência de enfraquecimento. Além disso, espera-se a manutenção de condições predominantes de resfriamento no Atlântico Tropical Sul e aquecimento no Norte.

Juazeiro do Norte recebe doação de capacetes de respiração assistida

A Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte recebeu, nesta terça-feira (19), dez capacetes Elmo doados pelo Sistema FIEC à Secretaria da Saúde do Município. O Elmo é um capacete de respiração assistida, não-invasivo, que foi desenvolvido pelo Sistema FIEC, em parceria com a Escola de Saúde Pública do Ceará, Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade de Fortaleza (Unifor) e Esmaltec.

Os equipamentos foram destinados à Unidade de combate à Covid-19 do município, que dispõe de 30 leitos para internamento dos casos suspeitos e confirmados de coronavírus, com perfil de atendimento de baixa e média complexidade.

O prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra, agradeceu aos parceiros pela doação, e reforçou a importância do engajamento entre o poder público e a iniciativa privada para que as dificuldades causadas pela pandemia sejam superadas.

José Pinto Neto, gerente de mercado do Sistema FIEC, explica que o Elmo foi desenvolvido com o intuito de melhorar as chances das pessoas acometidas com a Covid-19, em estado grave, de não serem intubadas. “O Elmo foi aprovado pela Anvisa e efetivamente é um equipamento que diminui em 60 a 70% a possibilidade da pessoa ir para a UTI”, explicou.

Ceará assina acordo de cooperação técnica com Ministério da Justiça para forças-tarefas contra o crime

O Estado do Ceará passou a integrar, nesta terça-feira (19), o Plano de Forças-Tarefas SUSP de Combate ao Crime Organizado do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). A adesão ocorreu com a presença do secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Sandro Caron, no Palácio da Justiça, em Brasília (DF). No ato, o gestor cearense firmou acordo de cooperação técnica entre a SSPDS do Ceará e o MJSP. A iniciativa do Ministério reforça os pilares da Lei nº 13.675/2018, que instituiu o Sistema Único de Segurança Pública (SUSP) para integração formal e material dos órgãos de segurança pública. Além do Ceará, o Rio Grande do Norte também aderiu ao programa.

O titular da segurança no Ceará, Sandro Caron, ressaltou a importância de haver acordos dessa natureza para que haja mais integração nas ações de inteligência entre os estados. “Sempre que se fala em resolver os problemas na área da segurança pública, se fala em integração. Nós temos uma integração muito boa com os órgãos federais no Ceará. Mas agora, graças a essa iniciativa, passamos a integrar o Plano de Forças-Tarefas de Combate ao Crime Organizado e passamos a outro patamar de integração. Ou seja, atingiremos o máximo de integração que as forças de segurança podem atingir, que é justamente chegar ao nível de, além de compartilhar inteligência e informações, estarmos efetivamente atuando em investigações em conjunto”.

O objetivo da medida é a redução dos indicadores criminais em todos os Estados da Federação a partir de ações conjuntas de prevenção e repressão. Ou seja, as Forças-Tarefas terão como foco um trabalho conjunto, coordenado e sistêmico, com atuações integradas e cooperativas entre as Polícias da União e dos Estados, além de ações de inteligência, análise, monitoramento e investigação contra grupos criminosos. Podendo ser exemplificado o isolamento de chefes oriundos de coletivos criminais que se encontram no sistema prisional, a prevenção e a repressão da criminalidade violenta praticada por esses grupos, a descapitalização das facções com foco no bloqueio de bens e valores, além da venda antecipada desses bens.

Ao todo, seis estados brasileiros foram convidados a integrar o Plano de Forças-Tarefas. Além do Ceará, o Rio Grande do Norte também comunicou a adesão ao acordo de cooperação técnica.O Ceará, por meio da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da Secretaria da Administração Pública (SAP), trabalharão em conjunto com a Secretaria de Operações Integradas (Seopi) do MJSP na definição das estratégias da Força-Tarefa, devendo empregar o efetivo das Forças de Segurança do Estado.

Participando por videoconferência, o secretário da Administração Penitenciário (SAP) do Ceará, Mauro Albuquerque, destacou a iniciativa para combater o crime organizado. “Essa integração e sinergia de esforços para combater o crime organizado é importante para o reconhecimento do sistema prisional, que é um celeiro de informações. Estamos trabalhando muito bem ao lado do (Sandro) Caron nesse combate ao crime organizando de informações saídas do sistema penitenciário. Essa parceria, esses esforços são de fundamental importância para vencer essa guerra”.

*Com informações da Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Justiça e Segurança Pública

Matrículas nos 13 Centros Cearenses de Idiomas começam nesta quarta-feira (20)

Os 13 Centros Cearenses de Idiomas (CCIs) pertencentes à rede pública estadual de ensino estão com matrículas abertas para alunos novatos a partir desta quarta-feira (20). O período de inscrições segue até o próximo dia 5 de fevereiro. As vagas são para o semestre letivo de 2021.1. Podem participar deste processo estudantes da 1ª série do Ensino Médio da rede estadual, que desejem aprender de forma gratuita as línguas inglesa, espanhola e francesa. Para tanto, é necessário procurar a secretaria escolar, que fará o encaminhamento ao CCI mais próximo.

O período também será marcado pela realização de testes de nível para alunos novatos do ensino médio da rede pública, que desejem ingressar em módulos mais avançados. Serão aplicadas, ainda, avaliações diagnósticas, direcionadas aos veteranos, com o objetivo de identificar e superar as dificuldades de aprendizagem apresentadas, de modo a promover o nivelamento das turmas. Nas primeiras semanas, será feita a revisão dos principais conteúdos abordados no semestre anterior.

As aulas iniciarão em formato híbrido, com parte do conteúdo sendo ministrado presencialmente, e outra parte de forma remota. Todas as unidades respeitarão as orientações de segurança sanitária, obedecendo aos limites de capacidade de cada espaço, visando à garantia da saúde de professores, alunos e funcionários.

Localização

Os Centros Cearenses de Idiomas estão distribuídos nos municípios de Fortaleza, Caucaia, Maracanaú, Maranguape, Itapipoca, Crateús, Iguatu e Juazeiro do Norte, que juntos podem atender cerca de 10 mil estudantes. O Governo do Ceará tem a previsão de inaugurar mais três unidades, nos municípios de Quixadá, Camocim e Aracati. Todos os Centros ofertam os cursos de inglês e espanhol, sendo que as sedes do CCI Papicu, Benfica e Sul, em Fortaleza, disponibilizam também o curso de língua francesa.

Os cursos de Inglês e Espanhol têm duração de até três anos, divididos em seis módulos semestrais de 60h, totalizando 360h. O cursos de Francês têm duração de até 3 semestres, totalizando 180h. Há, ainda, ações pedagógicas voltadas ao acompanhamento do progresso do ensino e da aprendizagem, das habilidades alcançadas nos diferentes módulos, ofertados nos cursos e o acompanhamento individual do desempenho escolar obtido, que constarão no histórico escolar do estudante.

Em reunião com dirigentes do Icasa, Glêdson sinaliza investimentos no futebol

O prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra, participou de reunião com dirigentes do time do Icasa para discutir apoio da gestão municipal ao clube caririense. O encontro aconteceu nessa terça-feira, 19, quando o gestor destacou a importância dos clubes, que colocam a cidade em vitrine para o mundo.

O gestor reconheceu a necessidade de firmar parceria através de investimentos e projetos sociais que devem acontecer em um futuro breve. Glêdson destacou, inclusive, a importância dessa parceria para as competições que se aproximam.

O prefeito falou também sobre a visibilidade que o município ganha quando os times estão em competições em nível nacional, por isso a importância no investimento.

Diante da situação financeira deixada pela última gestão, Glêdson revela que o investimento nesse setor deve acontecer em médio e longo prazo, garantindo a continuidade da parceria.

No primeiro dia de vacinação, Crato imuniza 130 profissionais da saúde

O Plano de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19 em Crato foi iniciado nesta terça-feira, dia 19. E a Secretaria Municipal de Saúde comemora os resultados alcançados no primeiro dia: 130 profissionais da saúde imunizados.

A gestão municipal esclarece que, esse primeiro lote, apenas parte dos profissionais da saúde e idosos institucionalizados serão atendidos

Pela manhã, durante uma abertura simbólica deste importante marco da saúde pública, o prefeito Zé Ailton Brasil acompanhado do vice, André Barreto; da secretária de Saúde, Marina Feitosa, e do presidente da Câmara, Florisval Coriolano, realizaram a aplicação da primeira dose na enfermeira Ana Cadja Sá Cavalcante Macedo; e a segunda vacina no condutor socorrista do SAMU e técnico de enfermagem Eugênio Araújo.

Em seguida, a equipe de imunização do município percorreu diversas localidades do município: Guaribas, Monte Alverne, Santa Fé, Malhada, Dom Quintino, Sítio Romualdo, Baixio das Palmeiras e Riacho Vermelho. As atividades foram finalizadas na Unidade de Referência da COVID-19, no Zacarias Gonçalves. A vacinação dessa última equipe também foi acompanhada pelo deputado federal, André Figueiredo.

A gestão municipal vem realizando com sucesso o planejamento realizado para a vacinação da população. As primeiras doses recebidas, cerca de 1300 unidades, estão sendo destinadas para pouco mais de 30% dos profissionais de saúde cratenses, em especial àqueles que estão trabalhando diretamente no enfrentamento à COVID-19 e aos idosos institucionalizados em abrigos.

O prefeito Zé Ailton acompanhou de perto o trabalho da equipe da saúde e reafirmou o compromisso de sua gestão, em parceria com o Governo do Estado e Federal, em ofertar todas as condições para garantir a imunização da população cratense. “Elaboramos um plano, com muito cuidado e zelo, para que a gente possa dar a sequência e vacinar todos os cidadãos cratenses, dando tranquilidade e esperando que a vida normalize. Temos recursos disponíveis para a vacinação, que se somará aos insumos que o município vem recebendo. Mas quero tranquilizar a população que o nosso projeto é vacinar a todos, em união entre os governos municipal, estadual e federal”, finalizou o gestor.

Crato confirma início do ano letivo com aulas remotas

A Secretária de Educação do Município do Crato, Germana Brito, informou que o início do ano letivo se dará no próximo dia 1º de fevereiro de forma remota, para todos os alunos do município. Segundo ela, nesse retorno serão avaliadas as escolas e as séries para que possam iniciar de forma híbrida, retornando de maneira gradual e segura.

A gestora destaca que ainda não há uma previsão para que as aulas voltem de forma presencial, contudo, ela afirma que a gestão pretende realizar melhorias para atender os alunos. “Pretendemos fazer uma ampliação nas escolas de tempo integral, com foco pedagógico muito maior e com o cuidado na consolidação das habilidades dos alunos”, frisa Germana.

Com relação ao aprendizado de 2020, Germana disse que a pasta acompanha cada aluno e que será realizada uma avaliação para diagnosticar o nível que eles se encontram, após um ano de ensino remoto, para que sejam feitas as devidas adequações e identificada a realidade no aprendizado.

Germana destacou que, neste momento, vê como risco grande a retomada das aulas presenciais e que precisa esperar por um abrandamento pandêmico. Ela destaca que a gestão municipal vem investindo na melhoria da educação com projetos de reformas e ampliação das unidades escolares, como o CEI da Vila Lobo que será entregue em breve, além da construção do CEI do Conjunto Filemon Teles, do CEI da Ponta da Serra e na aquisição de equipamentos para as salas de PROINFO nas escolas.