LOGO-NEWS-CARIRI

Crianças de até cinco anos não devem passar mais de 1 hora por dia diante de tela, diz oftalmologista

Publicidade

Por Agência News Cariri 

É cada vez mais comum presenciarmos crianças e bebês manuseando tablets e smartphones, um recurso muitas vezes utilizado pelos pais para acalmar os filhos. Diante disso, a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou recomendações sobre uso de aparelhos eletrônicos por crianças de até cinco anos.

Segundo Lorena Melo, oftalmologista especialista em oftalmopediatria, o uso de aparelhos eletrônicos tem relação direta com o aumento do número de crianças com problemas visuais na infância. “O problema ocular mais frequente é a miopia, que é a dificuldade para ver de longe. A geração atual está desenvolvendo graus de miopia bem mais altos e bem mais cedo em comparação as gerações anteriores”, destacou a especialista.

As orientações da organização internacional determinam que crianças de até cinco anos de idade não devem passar mais de 1 hora por dia em atividades passivas diante de uma tela de smartphone, computador ou TV. A OMS alertou ainda que bebês menores de 12 meses de vida não devem fazer uso de nenhum dispositivo eletrônico.

O aumento do esforço acomodativo para ver as coisas pequenas muito de perto nas telas faz o cérebro entender que o importante é a visão de perto, e essa visão de perto vai ficando cada vez melhor se comparada à visão de longe, que piora progressivamente”, ressalta a oftalmologista, que lembra a importância de evitar o uso excessivo das telas.

A OMS aconselha que meninos e meninas de um a quatro anos de idade passem três horas em atividades como caminhar, engatinhar, correr, pular,se balançar, escalar, dançar, pedalar, pular corda e outros passatempos.

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas