Governador reúne 170 prefeitos e pede união dos municípios para cumprir medidas de enfrentamento à Covid

O governador Camilo Santana reuniu nesta quinta-feira (18), de forma virtual, mais de 170 prefeitos cearenses para apresentar as medidas de enfrentamento à pandemia que constam no novo decreto estadual e discutir ações de combate à doença em todo o Ceará. Camilo pediu a união dos gestores municipais para que as medidas sejam cumpridas, incluindo o toque de recolher entre 22h e 5h. “O objetivo dessa reunião é para alertar aos senhores e senhoras que o momento é grave e precisamos da cooperação de todos. As medidas que anunciamos ontem têm como objetivo reduzir a circulação de pessoas nas cidades, preservando a vida dos cearenses“, citou o governador. Participaram do encontro a vice-governadora Izolda Cela; o presidente da Assembleia, Evandro Leitão; e os secretários da Casa Civil, Chagas Vieira; e da Saúde, Dr. Cabeto.

O chefe do Executivo cearense afirmou que os municípios podem adotar outras medidas restritivas, caso seja necessário e de acordo com os indicadores sanitários de cada local, para evitar aglomerações e a propagação do vírus. “Os números estão aumentando não apenas em Fortaleza, mas também no Interior, por isso a única forma que a gente tem de reduzir a contaminação e a propagação desse vírus é através das medidas de isolamento social. É reduzindo o fluxo e cumprindo a obrigatoriedade do uso da máscara, utilizando barreiras sanitárias em todos os municípios. Lembrem de colocar a atenção básica para atender a população nos primeiros dias de sintomas, para evitar que se agravem e precisem de uma UTI ou internação no hospital”, apontou o governador.

Durante a reunião, o secretário da Saúde, dr. Cabeto, apresentou o panorama das unidades de saúde em todo o estado, e falou sobre o processo de ampliação de leitos de UTI. Até o fim deste mês, a rede de saúde do Estado deve chegar a 703 leitos de terapia intensiva exclusivos para o tratamento de pacientes com Covid. O gestor também afirmou que realizará, a partir da próxima semana, reuniões regionalizadas com os secretários municipais para tratar sobre os protocolos de atendimento aos pacientes.

O prefeito de Fortaleza, José Sarto, reafirmou que a situação epidemiológica da Covid-19 é preocupante não somente na Capital, mas em diferentes regiões do Ceará. Por isso, ele defendeu que gestores municipais devem unificar o discurso pela preservação da vida, dialogando com a população. “É importante que a gente compartilhe experiências e, acima de tudo, que unifique o discurso da importância de preservar a vida, seguindo a orientação das autoridades sanitárias. Esse é o caminho para combater a pandemia, cumprindo o isolamento, evitando aglomerações, usando máscara, higienizando as mãos”, reforçou.

Vacinas

O governador Camilo Santana também apresentou aos prefeitos uma prestação de contas da reunião com os governadores do Brasil e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que discutiu o envio de novas doses de vacina para os estados. “Estamos recebendo as vacinas e imediatamente repassando aos municípios, mas ainda é muito pouco, por isso aguardamos que o envios de novos lotes e o calendário de vacinação prometido pelo ministério da saúde sejam cumpridos. Acreditamos que, até o final de março, começo de abril, conseguiremos vacinar todos os idosos, além dos mais vulneráveis em todo o Ceará”, disse o governador.

Até o momento, foram 273 mil pessoas vacinadas em todo o Ceará, sendo 110 mil em Fortaleza. “Estamos aguardando a chegada de novos lotes para evoluir na vacinação. Enquanto isso, é importante que líderes, homens e mulheres, possam influenciar, replicar essas orientações científicas”, pontuou o prefeito José Sarto.

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Evandro Leitão, citou as mensagens enviadas pelo Governo do Estado aprovadas na sessão desta quinta-feira e que beneficiarão os profissionais do setor de eventos, um dos segmentos prejudicados com a pandemia, “A Assembleia está sempre à disposição para superarmos esse momento de dificuldade para os cearenses”, disse o presidente.

Ao fim da reunião, o governador agradeceu aos prefeitos e reiterou a importância dos gestores nesse enfrentamento à pandemia. “Vocês são os líderes da população dos seus municípios e são fundamentais para o cumprimento das medidas de isolamento social”.

Ceará monitora 107 pacientes com suspeita de infecção pela nova variante do coronavírus

Até o momento há confirmação de três casos que pertencem à nova cepa do vírus.

O Ceará monitora 107 pacientes, sendo 57 homens e 50 mulheres, com suspeita de infecção pela nova variante do coronavírus, identificada primeiro em Manaus. A informação é da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Destes, apenas um paciente veio transferido em acordo com o estado.

Até o momento há confirmação de três casos que pertencem à nova cepa do vírus. A Vigilância Epidemiológica é notificada dos casos suspeitos nas unidades de saúde do Estado. Dos 107 pacientes, 71 deles (66,36%) são viajantes e 36 (33,34%) contactantes.

Os três primeiros pacientes do Ceará foram confirmados com a nova cepa do coronavírus em 8 de fevereiro. A Sesa explicou que o resultado foi obtido por meio de análises realizadas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Ceará e no Amazonas.

Fonte: G1/Ceará 

Governo vai ampliar em 20% o valor do Cartão Mais Infância Ceará

O governador Camilo Santana anunciou, nesta quinta-feira (18), pelas redes sociais, após reunião com a vice-governadora Izolda Cela e a primeira-dama Onélia Santana, aumento de 20% no repasse do Cartão Mais Infância Ceará, passando de R$ 85,00 para R$ 100,00 por mês. Com isso, fica garantido que as famílias cearenses beneficiadas com a transferência de renda sejam contempladas com o novo valor. “O recurso mensal destinado para a ação passou de R$ 4 milhões por mês, no ano passado, para R$ 7 milhões por mês este ano, após o aumento do número de famílias beneficiadas e o aumento do valor”, informa o chefe do executivo.

“O Programa Mais Infância Ceará está focado em ações destinadas às crianças cearenses. Assegurar um valor mensal para as mães que necessitam alimentar seus filhos é um cuidado que temos na gestão e, esse aumento no valor do cartão, mostra a sensibili’dade que o governador Camilo tem com os mais vulneráveis. Importante lembrar que novas famílias estão passando pelo processo de validação dos dados, junto às prefeituras, para que possam receber o benefício de forma retroativa”, explica a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana.

Até esse mês de fevereiro, desde 2017, o Estado realizou o investimento de cerca de R$ 122 milhões com o Cartão Mais Infância Ceará, destinado para núcleos familiares cearenses com crianças de 0 a 5 anos e 11 meses que se enquadrem na situação de alta vulnerabilidade social: residentes de zona rural, em propriedades sem banheiro ou sanitário de estrutura inapropriada, além de residências urbanas sem água canalizada em, pelo menos, um cômodo; domicílios improvisados, adaptados para servir de moradia; e domicílios coletivos, como abrigos, pensões, alojamentos, dentre outros. Para conceder o benefício, a família deve está escrita no Cadastro Único Para Programas Sociais (CadÚnico).

Ação ampliada

Em 2021, 70 mil pessoas serão beneficiadas com o Cartão Mais Infância Ceará. O aumento foi anunciado no início do ano pelo governador Camilo Santana durante sanção da lei que atualiza e consolida o Programa Mais Infância Ceará como política pública de Estado. Uma ampliação de 45% em relação às 48 mil famílias já atendidas. A iniciativa faz parte das ações do Programa Mais Infância Ceará e é executada pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS).

Aulas para criança de até 3 anos e de laboratórios universitários podem ser presenciais

Os casos são as únicas exceções dentro do decreto estadual que passou a valer nesta quinta-feira (18).

As aulas práticas e laboratoriais para concludentes do ensino superior, inclusive de internato, bem como as atividades de berçário e da educação infantil para crianças de zero a três anos seguem no modelo presencial. O Governo do Ceará esclareceu, em comunicado nas redes sociais, a redação do artigo que trata do tema no novo decreto anunciado por Camilo Santana nesta quarta-feira (17)

Fonte: G1/Ceará

Justiça eleitoral aprova contas de campanha de Zé Aílton e André Barreto

O juiz eleitoral José Batista de Andrade, da 027 Zona, aprovou as contas de campanha do prefeito do Crato, José Ailton Brasil (PT), e do vice-prefeito, André Barreto (PDT) reeleitos no pleito de 2020 para os cargos máximo do executivo cratense. Com isso, resta encerrado o processo eleitoral municipal.

A prestação de contas leva em consideração gastos e despesas firmados durante a campanha eleitoral. As assessorias jurídica e contábil da chapa já haviam apresentado ao Sistema Divulgacand, do TSE, documentos (contratos e recibos) que comprovaram a licitude da campanha. Zé Aílton e Barreto permanecerão nos cargos Para os quais foram eleitos até dezembro de 2024.

Crato monta força-tarefa para executar limpeza pública no município

A Prefeitura do Crato estabeleceu serviço força-tarefa para a execução da limpeza pública em toda a cidade. O cronograma de ações do Mutirão de Limpeza, realizado pela Secretaria de Serviços Públicos, tem sido executado de forma a atender todos os bairros, com trabalho de retirada de resíduos, capinação e podas.

Durante o mês de fevereiro a Secretaria de Serviços Públicos já realizou a limpeza nos bairros Seminário, Alto da Penha, Mutirão e Vila Lobo, além da limpeza intensificada no riacho Saco Lobo e no Canal do Rio Grangeiro, como forma preventiva para evitar danos ocasionados pelas fortes chuvas.

As próximas localidades a receberem o mutirão de limpeza, ainda no mês de fevereiro, serão os bairros Pinto Madeira, São Miguel e Santa Luzia.

Veja quem pode circular no horário do “toque de recolher” no Ceará

A determinação que restringe o fluxo em áreas públicas vale até o próximo dia 28 de fevereiro

O “toque de recolher” em vigor a partir desta quinta-feira (18) nos 184 municípios do Cearápermite o fluxo de pessoas e veículos apenas para serviços essenciais. A restrição é entre 22h e às 5h do dia seguinte e está determinada no decreto nº 33.936, assinado nessa quarta-feira (17) pelo governador Camilo Santana. A medida é válida até dia 28 de fevereiro, dia que encerra o atual decreto.

Dessa forma, poderão circular em ruas e espaços públicos durante o “toque de recolher” usuários e funcionários dos seguintes segmentos:

  • Serviços públicos essenciais;
  • Farmácias;
  • Indústria;
  • supermercados/congêneres;
  • Postos de combustíveis;
  • Hospitais e demais unidades de saúde e de serviços odontológicos
  • e veterinários de emergência;
  • Laboratórios de análises clínicas;
  • Segurança privada;
  • Imprensa, meios de comunicação e telecomunicação em geral;
  • Funerárias.

O secretário de Planejamento e Orçamento do Ceará, Flávio Ataliba, também acrescentou, em entrevista ao Sistema Verdes Mares, quemotoristas de transporte por aplicativo e taxistas não serão afetados pela regra sanitária.

“Reforço o espírito do decreto, que é garantir o emprego das pessoas, o máximo possível. Então, motoristas de aplicativo, que estejam regularmente funcionando, táxi… tudo continua como serviço essencial a partir de 22h”, explicou.

 

 

Decreto

As novas medidas sanitárias para conter o avanço da pandemia de Covid-19 no Ceará foram anunciadas na noite dessa quarta-feira (17) durante transmissão nas redes sociais de Camilo Santana. O comércio deverá funcionar de segunda a sexta-feira até as 20h. Após esse horário, apenas atividades essenciais têm autorização para seguir de portas abertas. Aos fins de semana, restaurantes devem abrir até as 15h, enquanto o comércio, incluindo shoppings, encerram o expediente às 17h.

A recomendação para o setor público, com exceção das atividades essenciais, é que o trabalho seja feito de forma remota. Esta mesma recomendação vale para empresas privadas, que devem evitar “ao máximo a circulação de pessoas”.

Já as escolas e universidades públicas e particulares devem, obrigatoriamente, paralisar o cronograma presencial de aulas a partir desta sexta-feira (19). A determinação, enquanto durar a vigência do decreto, é que as instituições ofereçam apenas atividades a distância.

Fonte: Diario do Nordeste

Pavimentação entre Campos Sales e Barão de Aquiraz entra em fase de serviços finais

Aproximadamente R$ 16 milhões estão sendo investidos pelo Governo do Ceará, através da Superintendência de Obras Públicas (SOP), para melhorar as condições de trafegabilidade da CE-187, entre o distrito de Barão de Aquiraz e o município de Campos Sales, no Cariri. São 26 quilômetros que antes eram leito natural e agora foram pavimentados. Atualmente, as obras deste trecho inicial da Estrada da Confiança estão com 91% de execução.

“A expectativa é que esta obra seja concluída até o mês de abril, pois, atualmente, estão em execução os serviços finais, como drenagem e a implantação da sinalização vertical e horizontal”, afirma o gerente de Obras Rodoviárias da SOP, Quirino Ponte.

Campos Sales – Barão de Aquiraz dá continuidade às melhorias no trajeto da CE-187, que em 2020 contou com a entrega da restauração de 25 km entre Campos Sales e Salitre. Também pelo programa Ceará de Ponta a Ponta, a sequência desta rota, os 14 km de Salitre à Divisa do Ceará com Pernambuco, foram pavimentados em 2015.

O novo trecho recebeu serviços de proteção ambiental, bueiros, obras d’artes especiais, pavimentação e revestimento asfáltico. As obras promoverão melhorias no acesso entre o município e o distrito e a outros destinos próximos, reforçando a infraestrutura produtiva local e aproximando as pessoas.

Plantão Coronavírus é importante ferramenta no combate à Covid-19 e na assistência à saúde

A pandemia de Covid-19 exige novas formas de tratar, cuidar e prestar assistência à população. Por meio do Plantão Coronavírus, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) possibilita que o cidadão busque orientações sobre a doença e faça registro de algum sintoma, se for o caso. Além disso, a plataforma divulga informações sobre a vacinação e oferece, ainda, o acompanhamento de profissionais de saúde, caso haja necessidade.

O coordenador do serviço e médico de Família e Comunidade Allan Denizard ressalta que a ferramenta é um importante apoio no controle e combate à doença. “Com o Plantão Coronavírus, a saúde se reinventa e alivia as unidades de saúde que estão sobrecarregadas e estressadas, em que os atendimentos físicos estão cada mais indesejados por medo de contaminação”, afirma Denizard.

Desde abril de 2020, quando a ferramenta foi criada, foram mais de 400 mil acessos à plataforma e cerca de 42 mil pessoas atendidas pela equipe de saúde. O atendimento online funciona 24 horas. Antes de receber atendimento, o usuário passa por triagem em conversa com um sistema de inteligência artificial.

É importante sublinhar, ainda, que há uma equipe de intérpretes de Língua Brasileira de Sinais (Libras) para dar suporte a pessoas com surdez “A Sesa abre um novo cenário de possibilidades para melhorar o acesso à informação de surdos. Permitindo, assim, um atendimento mais satisfatório e humanizado”, pontua o coordenador.

TeleConsultas

O Plantão Coronavírus possui também consultas de retorno em algumas unidades, realiza a triagem de pacientes com sintomas e compartilha informações sobre saúde mental. Nos primeiros 15 dias de fevereiro, 503 atendimentos de retorno foram realizados.

As consultas de retorno via Plantão Coronavírus estão sendo ampliadas. Atualmente, os hospitais Geral de Fortaleza (HGF), Geral César Cals (HGCC), Infantil Albert Sabin (Hias) e o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) contam com o serviço.

Camilo se reúne com prefeitos para tratar sobre medidas de combate à covid-19

O governador Camilo Santana realiza, na tarde desta quinta-feira (18), reunião virtual com os prefeitos dos 184 municípios cearenses para discutir as novas medidas de combate e enfrentamento à pandemia da Covid-19 que começaram a valer a partir de hoje.

O chefe do Executivo Cearense vai apresentar aos gestores municipais as ações do Estado de enfrentamento à pandemia em cada município e vai sugerir medidas que cada município deve adotar para evitar aglomeração e a propagação do vírus no Ceará.

As barreiras sanitárias estão mantidas em Fortaleza e o governador Camilo Santana vai sugerir aos gestores municipais que façam o mesmo em cada município.

O governador também vai apresentar uma prestação de contas da reunião de ontem, dos governadores do Brasil com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para discutir o envio de novas doses de vacina para o Ceará.