Juazeiro do Norte confirma 12ª morte por coronavírus

A Prefeitura de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria da Saúde, informou na noite desta sexta-feira (29), que foi confirmado o 12º  óbito por coronavírus no município. Trata-se de uma mulher, de 76 anos, que tinha doença cardiovascular e pneumopatia crônica. A paciente faleceu no último sábado (23).

Até a tarde desta sexta-feira (29), o Município notificou 1.697 pacientes, dos quais 126 são casos suspeitos que estão aguardando os resultados dos exames, 1.310 casos descartados e 261 casos confirmados. Entre os pacientes confirmados há 05 hospitalizados, 147 em isolamento domiciliar, 97 que já estão recuperados, e 12 óbitos.

Segundo a pasta, o município têm fortalecido o monitoramento dos pacientes que estão em isolamento domiciliar, ampliando as equipes de profissionais que diariamente estão realizando esse trabalho de orientação. O período de isolamento é de 14 dias e deve ser cumprido também pelos contatos desses pacientes.

Com informações da Assessoria de Imprensa

Mais de 2.300 mulheres com idade entre 35 e 39 anos já foram infectadas pela Covid-19 no Ceará

Segundo o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado (SESA) desta sexta-feira (29), o número de mulheres infectadas pelo novo coronavírus no Ceará com idade entre 35 e 39 anos chegou à um acumulado de 2.308.

Em igual faixa etária o número de casos confirmados em pessoas do sexo masculino chega a ser inferior. São 1.905 casos em homens com a mesma idade no Ceará.

Os dados constam na plataforma IntegraSus da Secretaria de Saúde do Estado. Segundo a plataforma 1.260 mulheres com mais de 80 anos já foram infectadas. Nos homens de mesma idade o acumulado é de 1.113.

VEJA O GRÁFICO:

Tabela com o número acumulado de casos confirmados, segundo sexo e faixa etária. Foto: Plataforma IntegraSus

Ceará possui 38.395 casos confirmados no novo coronavírus e 2.859 óbitos pela doença

O estado do Ceará tem 38.395 asos confirmados de Coronavírus. Os dados foram atualizados pela secretaria de saúde do estado, e divulgados pela plataforma IntegraSUS, na noite desta sexta -feira (29).

O número de óbitos ocasionadas pelo Coronavírus no estado subiu para 2.859. No total já são 25.858 casos recuperados em todo o Ceará.

Já são 93.466 exames realizados para diagnóstico de novos casos. Segundo a plataforma integraSUS, o número de casos sob investigação chegou a 46.727 no estado. A taxa de letalidade da doença no estado chegou a 7,4%.

No Brasil, até a tarde desta sexta-feira (29), já são 450.079 casos confirmados do novo coronavírus e 27.276 óbitos pela doença.

Epicentro da covid-19 no Cariri, Juazeiro tem escalada de novos casos

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Na noite desta quinta-feira (28) a Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte informou mais um óbito em decorrência da covid-19 no município, chegando a 11 mortes. A vítima era uma mulher de 81 anos, com histórico de doença cardiovascular. Ela faleceu na última terça-feira, no Hospital Regional do Cariri, mas o exame que confirmou a doença só foi divulgado ontem.

De acordo com dados da secretaria, nos últimos dez dias a terra do Padre Cícero registrou uma escalada de casos confirmados da doença. Entre 18 e 28 de maio, quando houve a última atualização, o número de pessoas infectadas disparou de 65 para 244, o que equivale a 275% de crescimento.

Do total de pessoas contaminadas, segundo a secretaria, quatro estão hospitalizadas, 136 em isolamento domiciliar e 93 já se recuperaram da doença. Até agora o município já descartou 1.211 casos suspeitos. Ainda segundo a pasta, outros 123 casos estão sendo investigados.

Período junino chega com expectativa queda de preço do milho em todas regiões

O mês de junho se inicia com uma expectativa na queda do preço do milho verde nos entrepostos da Ceasa em Maracanaú, Cariri e Ibiapaba. O produto cearense, comum no preparo das comidas típicas no período junino, também abastece outros estados nordestinos, como são os casos de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte. “Espera-se uma maior oferta de milho verde devido à boa distribuição da quadra chuvosa no Ceará”, garante Odálio Girão, analista de mercado da Ceasa/CE.

Na Serra da Ibiapaba, o preço da espiga sofreu queda de R$ 0,40 para R$ 0,25 (-33,7%) em maio. “Essa redução deve-se ao fato de mais de 50% da produção ser coletada na região”, justifica Odálio. No Cariri, o valor saiu de R$ 0,50 para R$ 0,40 por quilo e a retração foi mais discreta no entreposto da Ceasa em Maracanaú: de R$ 0,60 para R$ 0,50 por espiga (-16,7%).

A produção de milho na Serra da Ibiapaba se concentra nos municípios de São Benedito, Tianguá e Viçosa do Ceará, “além de Ipu que participa com uma boa parcela local”. Na Região Metropolitana de Fortaleza, as maiores contribuições são de Guaiúba e Maranguape e, no Vale do Jaguaribe, a produção é mais abundante em Limoeiro do Norte, Quixeré e Russas.

Policiais penais distribuem mais de 200 cestas básicas para comunidades carentes

A solidariedade tem gestos concretos para os policiais penais da Secretaria da Administração Penitenciária. Servidor há 1 ano e 10 meses, Jailton Soares, decidiu mobilizar amigos da unidade prisional CPPL3 para distribuir alimentos a pessoas vulneráveis. Nas duas primeiras entregas, o ato dos agentes conseguiu beneficiar pessoas do município de Pacatuba e do bairro Cristo Redentor, na cidade de Fortaleza, com mais de 200 cestas básicas.

Para arrecadar os alimentos foi criado um espaço dentro da unidade prisional e, a cada plantão, os servidores levavam suas doações. A quantidade de alimentos foi maior que o esperado e resultou em um montante suficiente para trazer comida, sorriso e esperança a várias famílias que passam por dificuldades nesse período de pandemia.

Soares ressalta que a situação dessas pessoas se agravou com a pandemia do novo Coronavírus. “Hoje o mundo passa por uma crise e isso, indubitavelmente, trouxe inúmeros problemas. Um deles, que já vem antes da Covid-19, mas que só se agravou com ela, foi a fome. Por isso resolvemos tomar essa iniciativa para ajudarmos as pessoas mais atingidas”, afirmou.

Antonia Griffith, moradora do bairro Cristo Redentor, foi uma das beneficiadas pela cesta básica. Ela ressalta a diversidade de alimentos que recebeu. “Uma liderança do bairro nos avisou que receberíamos essa ajuda. Veio no momento certo e agradeço demais por esse auxílio. Foi um gesto surpreendente e bonito”, declarou.

Torcedores do tricolor de aço poderão fazer doações ao Programa Mesa Brasil em live do Fortaleza

Promovido pelo Leão do Pici em parceria com o Sesc Ceará, evento online acontecerá neste sábado (30), às 15h, no Youtube TV Leão

A paixão pelo futebol cearense e a solidariedade estarão unidas no próximo grande evento do Fortaleza Esporte Clube. Em parceria com o Sesc Ceará, o tricolor vai realizar neste sábado (30), às 15h, o Tradição Mesa Brasil Sesc, diretamente da TV Leão (Youtube), com direito a atrações musicais e convidados ilustres, como Clodoaldo, Rinaldo, Erandir, Juan Quintero, Wellington Paulista e o presidente do clube, Marcelo Paz, dentre outros. A live também irá retransmitir a 2ª partida da final da Copa do Nordeste, além de lançar, em primeira mão, o novo uniforme principal do tricolor. A ideia é, ainda, convidar os torcedores a fazerem parte de uma grande corrente do bem, como forma de levar bem-estar conforto, sorriso e saúde para as pessoas que mais precisam, mesmo em tempos de pandemia

Durante a live Tradição Mesa Brasil Sesc, que contará com a participação para lá de especial do grupo Conduta Positiva, Aluísio Júnior, Nana Costa, Ítalo Poeta e Tiago Maestro, o público poderá acessar o QR Code na tela do Youtube e colaborar com o Mesa Brasil, programa do Sesc que arrecada alimentos de onde sobra e leva para onde falta. Essas doações serão destinadas aos parceiros e colaboradores do Fortaleza que, no momento, não estão podendo exercer suas funções em razão do isolamento social.

“Nesse momento tão desafiador, sabemos que o bem pode ser feito de forma coletiva. É importante lembrar que não estamos sozinhos nesse período e que é possível trazer conforto para quem mais precisa. Mais do que nunca, o Mesa Brasil Sesc e o Fortaleza Esporte Clube querem inspirar a solidariedade em todos os setores da sociedade”, afirma Maurício Filizola, presidente do Sistema Fecomércio-CE.

Sobre o Mesa Brasil

O Mesa Brasil é um programa do Sesc que atua na perspectiva da segurança alimentar e nutricional, sustentabilidade e inclusão social. Presente no Ceará desde 2001, ainda com o nome “Amigos do Prato”, o programa atende no Estado mais de 430 instituições sociais, que juntas totalizam o atendimento a cerca de 280 mil pessoas, por meio de doações de alimentos e atividades educativas. Desde sua implementação, o Mesa Brasil Ceará já distribuiu mais de 49 milhões de quilos de alimentos, por meio de parceria com centenas de empresas doadoras.

De março até o dia 31 de abril, foram arrecadados 378 mil quilos (toneladas) de alimentos, beneficiando cerca de 300 instituições de Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral e Iguatu, com a participação de mais de 200 empresas. O resultado da campanha só evidencia o quanto o bem é, de fato, feito de forma coletiva. Com a ajuda dos empresários de vários setores, o Mesa Brasil já levou comida de qualidade para aproximadamente 594 mil pessoas.

SERVIÇO:

Live Tradição Mesa Brasil Sesc

Dia: 30 de maio (sábado)

Horário: 15h

Transmissão: Canal TV Leão no YouTube (youtube.com/tvleao)

Mesa Brasil Sesc Ceará

mesabrasil@sesc-ce.com.br
(85) 99662-9158

Contato

Jornalistas Responsáveis:

Fortaleza e Sobral

Bebel Medal – (85) 99934.0866

Carla Pinto – (85) 98802.6181

Aniele Gurgel – (85) 987241825

Cariri e Iguatu

Ana Luzia Brito – (85) 99766-6063

Prefeitura de Juazeiro do Norte começa a pagar salário dos servidores nesta sexta (29)

A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria de Finanças (Sefin), inicia nesta sexta-feira, 29, o pagamento da folha dos servidores referente ao mês de maio. O Secretário de Finanças, Evaldo Soares, destacou que mais da metade da folha será paga nesta dia 29, importando em R$ 15 milhões.

Destaca-se que a folha será liquidada por completo até o próximo dia 10 de junho. A Sefin destaca que devido ao isolamento social, em decorrência da pandemia do novo coronavírus, a arrecadação do município vem caindo, onde tributos como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Impostos de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), Alvarás de Localização, taxas e Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), repassado pelo Estado, sofreram uma queda considerável nos último meses.

De acordo com Evaldo, antes da pandemia a arrecadação diária girava em torno de R$ 200 mil, somando aproximadamente R$ 6 milhões ao mês e, atualmente, esse valor não chega a R$ 50 mil no dia. Além dos servidores, a Prefeitura vem pagando também fornecedores e prestadores de serviços de forma gradativa e dentro das condições que o município pode nesse momento.

 

Previjuno

No que diz respeito ao Fundo Municipal de Previdência Social dos Servidores de Juazeiro do Norte (Previjuno), o executivo vem transferindo rigorosamente em dia as obrigações. Em 2017, ao assumir a pasta, houve renegociação de dívidas relacionadas a anos anteriores e atualmente não há dívidas. Destaca-se que o órgão possui certidão emitida pelas entidades competentes, com premiações a nível estadual e nacional.

O secretário frisa que não cogita aumento de impostos e ressalta que as transferências constitucionais normais ainda não adentraram os cofres da municipalidade. Durante a entrevista ele frisou que 90% das emendas parlamentares que chegam são direcionadas para a saúde e que o quantitativo de R$ 15 milhões do fundo geral também foi direcionado para a Saúde.

Ceará receberá águas da Transposição do Rio São Francisco em junho

A conclusão das obras do Eixo Norte permite a integração entre os reservatórios Milagres, em Pernambuco, e Jati, em território cearense.

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) informou que foram concluídas as obras físicas que garantem a funcionalidade do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf). O trecho finalizado possibilita a interligação entre os reservatórios Milagres, em Verdejante, Pernambuco; e Jati, na cidade homônima, no Ceará. Com isso, a previsão é que as águas do São Francisco comecem a chegar a território cearense em junho.

Até o mês de abril restavam 400 metros de um total de 260 quilômetros desta etapa, que vai levar águas até o Ceará e também para os estados da Paraíba e Rio Grande do Norte.

Atualmente, o reservatório Milagres está em processo de enchimento. Quando cheio, as águas do Rio São Francisco atravessarão a divisa entre Pernambuco e o Ceará e deverão começar a encher a barragem de Jati no mês de junho. A previsão é que, em agosto, sejam iniciados os testes de entrega de água do ‘Velho Chico’ ao Cinturão das Águas do Ceará (CAC), obra executada pelo governo estadual com recursos federais.

Da barragem de Jati, as águas do ‘Velho Chico’ seguem até o Açude Castanhão, pelo Cinturão das Águas, através do chamado ‘eixo emergencial’, de 53 quilômetros de extensão, que transportará o recurso hídrico até o Riacho Seco, em Missão Velha, e de lá seguirá pelo Rio Salgado, onde desaguará no Rio Jaguaribe. A expectativa é 4,5 milhões de pessoas sejam abastecidas na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, ressaltou os esforços que têm sido feitos para garantir a segurança hídrica à população, especialmente no Nordeste. “O acesso à água é um direito universal dos cidadãos. A conclusão desta etapa do Projeto São Francisco é mais um avanço para que o povo cearense possa ter a tranquilidade do acesso à água e mais oportunidades para o desenvolvimento”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Neste ano, o Governo Federal já aportou recursos que somam R$ 271,5 milhões nos dois Eixos do maior empreendimento hídrico do País. Ao todo, o Pisf está orçado em R$ 10,7 bilhões.

O MDR também informou que as obras necessárias para o avanço das águas do Rio São Francisco entre os reservatórios Jati, no Ceará, e o Caiçara, na Paraíba, também já estão concluídas. Isso permite que o recurso hídrico siga em direção ao estado paraibano e ao Rio Grande do Norte, testando as demais estruturas daquele trecho.

Fonte: G1

 

Coronavírus: cestas básicas e kits de higiene são distribuídos para famílias cearenses

O Governo do Ceará distribuiu, nesta quinta-feira (28), 280 cestas básicas e mais de 2,3 mil kits de higiene para famílias em situação de vulnerabilidade social, em parceria com o Instituto Unibanco, a Fundação Maria Cecília Souto Vidigal (FMCSV) e o Instituto da Primeira Infância (Iprede). Os beneficiados são assistidos por entidades contempladas pelo Programa Mais Nutrição e instituições que atendem pessoas em situação de rua, crianças com câncer e fissura lábio-palatal.

“O Estado vem monitorando os mais vulneráveis durante a pandemia e tem adotado políticas emergenciais para atender essa população. Nesse momento, temos que fazer pelos que mais necessitam, para garantir melhores condições de vida”, destaca a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana.

Os kits de higiene contém 18 itens para higiene pessoal e do domicílio, como álcool gel, sabonete, detergente, sabão em barra, sabão em pó, água sanitária, papel higiênico, máscaras reutilizáveis e creme dental. No total, a iniciativa vai distribuir 12 mil kits pelo Instituto Unibanco e 3.066 pela Fundação Maria Cecília Souto Vidigal.

Contemplada com as doações, a Casa da Caridade, instituições situada no bairro Jangurussu, em Fortaleza, promove ações sociais para os moradores da comunidade. De acordo com o representante da entidade, Luiz Gonzaga, o material entregue vai beneficiar diversas famílias. “Os alimentos e os kits serão destinados para os que realmente precisam. É muito difícil para um pai ou mãe de família não conseguir alimentar seus filhos e essa doação é a garantia de que isso será possível”, salienta.

Coronavírus

O projeto é uma ação do Programa Mais Infância Ceará para o enfrentamento do coronavírus. As entidades são cadastradas e acompanhadas pela Secretaria Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) e estão localizadas nos municípios de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú, que estão entre as cidades que concentram o maior número de casos de coronavírus do Estado. Junto aos kits serão entregues cartilhas com orientações para crianças e suas famílias quanto à prevenção ao coronavírus.

Mais Nutrição

Estruturado em cima do combate ao desperdício de alimentos, enfrentamento à fome e segurança alimentar e nutricional de crianças e adolescentes. O programa já realizou a doação de cerca de 352,5 toneladas de alimentos, desde o início da iniciativa, em junho do ano passado até essa semana, beneficiando cerca de 15 mil pessoas.

A iniciativa é realizada pelas secretarias de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) e Desenvolvimento Agrário (SDA); Central de Abastecimento do Ceará (Ceasa-CE) com a parceria da Associação dos Permissionários da Ceasa (Assucece), do Instituto Agropolos do Ceará e do Grupo M. Dias Branco.

Com informações do Governo do Estado