Ceará registra mais de 500 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

O estado do Ceará registrou 546 novos casos da Covid-19 nas últimas 24 horas passando a ter 37.821 casos confirmados de Coronavírus. Os dados foram atualizados pela secretaria de saúde do estado, e divulgados pela plataforma IntegraSUS, na noite desta quinta-feira (28).

O número de óbitos ocasionadas pelo Coronavírus no estado subiu para 2.733. No total já são 24.979 casos recuperados em todo o Ceará.

Já são 92.342 exames realizados para diagnóstico de novos casos. Segundo a plataforma integraSUS, o número de casos sob investigação chegou a 46.895 no estado. A taxa de letalidade da doença no estado chegou a 7,2%.

No Brasil, até a tarde desta quinta-feira (28), já são 419.340 casos confirmados do novo coronavírus e 25.945 óbitos pela doença.

Plano Responsável de Abertura das Atividades Econômicas e Comportamentais inicia com 17 setores contemplados a partir de 1º de junho

Governador Camilo Santana anunciou as medidas. Autorizações obedecem a critérios técnicos, sanitários e epidemiológicos. Consultórios médicos e odontológicos serão liberados e obras poderão contar com até 100 operários, por exemplo. Fase inicial terá uma semana de avaliação

O Governo do Ceará implementa, a partir do próximo dia 1º de junho, o Plano Responsável de Abertura das Atividades Econômicas e Comportamentais. Detalhes da nova estratégia foram apresentados pelo governador Camilo Santana, na tarde desta quinta-feira (28), em anúncio via redes sociais. O processo conta com uma fase inicial de transição, em que estão contemplados 17 setores, e mais quatro fases de abertura, obedecendo a critérios técnicos, sanitários e epidemiológicos. O decreto de isolamento social que minimiza os efeitos da Covid-19 no estado será mantido, bem como a atuação de serviços essenciais.

Camilo Santana destacou o desafio de aliar a prioridade do momento, salvar vidas, com a necessidade de retomar o ritmo de crescimento da economia local. Ele frisou que o plano só terá sucesso em caso de compreensão por parte de empresas e população. “Para que esse plano possa funcionar é fundamental nós respeitarmos os decretos. Não adianta começar a abrir e daqui a pouco, se os casos aumentam, ter que retroceder a um processo mais rígido. Sempre tenho dito que nossa prioridade é salvar vidas. É fundamental o compromisso das empresas com os funcionários e o comportamento da população”.

O governador salientou que o plano foi gestado pelo Grupo de Trabalho Estratégico, envolvendo o poder executivo, setor produtivo e sociedade civil, tudo orientado pelo Comitê de Saúde do Estado. O titular da Secretaria da Saúde, Dr. Cabeto apresentou dados que apontam para a estabilização do quadro da Covid-19 no Ceará, com sinais de redução, o que gerou a possibilidade de que o plano pudesse ser colocado em prática.

Faseamentos

Cada estágio obedece a critérios que precisam ser atingidos para se alcançar a abertura do passo seguinte nas medidas. A Fase de Transição começa na segunda-feira (1º) e segue por uma semana. Nela está liberada a operação de 100% da Cadeia de Saúde (incluindo consultórios médicos e odontológicos), 31% da Cadeia da Construção Civil, com até 100 operários por obra e 30% de efetivo no setor produtivo, além de percentuais dos setores: Indústria Química e Correlatos; Artigos de Couros e Calçados; Indústria Metalmecânica e Afins; Saneamento e Reciclagem; Indústria e Serviços de Apoio; Energia; Têxteis e Roupas; Comunicação, Publicidade e Editoração; Artigos do Lar; Agropecuária; Móveis e Madeira; Tecnologia da Informação; Logística e Transporte; Automotiva; e Esporte, Cultura e Lazer.

Segundo os critérios, as áreas totalizam a abertura de 66.562 empregos formais em todo o Estado. Com exceção da Cadeia de Saúde, que opera em 100%, os demais setores terão trabalho presencial variando entre 20% e 30% do efetivo.

A primeira fase inicia em 8 de junho e soma 14 dias de duração. As etapas seguintes dependem do atendimento aos critérios de análise, tendo, cada uma delas, 14 dias de duração. Os gatilhos para a transição destas fases levam em consideração a taxa decrescente de ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) destinados ao tratamento da Covid-19, de internações, de óbitos pela doença, e a territorialidade dos casos. Com o retorno pleno das atividades, 1.472,504 empregos formais voltarão a circular.

Monitoramento

Além dos critérios especificados para cada etapa, a transição também será condicionada às normas de monitoramento. Serão realizados inquéritos sorológicos e testes nas empresas liberadas, via Secretaria da Saúde, verificados o cumprimento dos protocolos das empresas, e ainda inquéritos epidemiológicos para investigação da razão de transmissibilidade. Atividades de grande aglomeração, como aulas presenciais, abertura plena de shopping centers, celebrações religiosas, eventos esportivos e culturais, entram nas fases finais da estratégia.

Com informações do Governo do Estado do Ceará

Comitê gestor ainda avalia realizar Expocrato em 2020; saiba provável data

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

A Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará, o Comitê Gestor da Expocrato e a Prefeitura anunciaram que a Exposição Agropecuária do Crato não será realizada na segunda semana de julho, como tradicionalmente ocorre, mas admitiram a possibilidade da feira ser realizada ainda neste ano.

O grupo deve se reunir por videoconferência no próximo dia 15/06 para definir uma nova data. Fonte ouvida pelo site News Cariri informou que o evento deverá ser realizado em dezembro. A mudança ainda depende do aval do governador Camilo Santana.

Já o Festival Expocrato, que também integra a programação da Expocrato, foi cancelada. O grupo Multientretenimento e Mega Som informou ontem que não haverá a edição 2020 da festa, em respeito às recomendações das autoridades sanitárias.

Santana do Cariri adota isolamento rígido a partir do próximo sábado (30)

A Prefeitura de Santana do Cariri, publicou, nesta quarta-feira (27), decreto que estabelece isolamento social de combate à covid-19 mais rígido na sede municipal, exceto no Bairro Inhumas, a partir de zero hora do próximo sábado (30). O Decreto assinado pelo prefeito Pedro Henrique Correia se estende até às 23:59 do dia 13 de junho.

De acordo com o gestor, a medida foi tomada após estudos e pesquisas que apontaram os prejuízos evidentes decorrentes da redução da taxa de adesão ao isolamento social. A decisão foi tomada em reunião com a equipe de governo.

O novo decreto prevê o dever especial de confinamento com a permanência dos cidadãos em seus domicílios; próibe aglomerações em espaços públicos ou privados; torna restrita a circulação de pessoas e de veículos particulares e intensifica o controle da entrada e saída do município, previsto pela Barreira Sanitária.

A medida tem o objetivo de proteger a saúde das pessoas que integram o grupo de risco; Pessoas comprovadas infectadas ou suspeitas da covid-19, deverão permanecer em confinamento obrigatório, seja na residência, unidade hospitalar, ou em equipamentos estabelecidos pela secretaria de saúde, nos casos excepcionais na Unidade de Apoio à Recuperação da Saúde.

PUNIÇÃO – Em caso de paciente infectado ou suspeita de covid-19 que descumprir as medidas estabelecidas pelo decreto, estará sujeito a multa de R$ 500,00 reais.Caso necessário, a força policial poderá ser empregada para promover o imediato restabelecimento do confinamento obrigatório.

Para as demais pessoas que descumprirem o Decreto serão aplicadas as sanções de apreensão, interdição e/ou suspensão de atividade bem como multa entre R$ 100,00 (Cem reais) a R$ 500,00 (Quinhentos reais).

CASOS EXCEPCIONAIS DE CIRCULAÇÃO:

– Para circular de maneira excepcional é necessária autorização. Pessoas devem portar documento ou declaração subscrita (DISPONÍVEL NO FINAL DA MATÉRIA).

– É permitido deslocamento a unidades de saúde para atendimento médico; Deslocamento para fins de assistência veterinária; trabalho em atividades essenciais ou estabelecimentos autorizados a funcionar na forma da legislação;

-Deslocamento para compra de materiais imprescindíveis ao exercício da profissão;Circulação para a entrega de bens essenciais a pessoas e grupos de risco;

-Deslocamento a quaisquer órgãos públicos, delegacias e unidades judiciárias. Em caso de atendimento presencial no cumprimento de intimação administrativo ou judicial;

– Circulação de pessoas que prestam assistência e cuidado a idosos, crianças ou portadores de deficiência ou necessidades especiais;

-Pessoas que trabalham em restaurantes, congêneres e demais estabelecimentos que estejam funcionando exclusivamente para serviços de entrega;

-Trânsito para prestação de serviços assistenciais a população socialmente mais vulnerável;

– Deslocamento para atividades de natureza análoga ou por outros motivos de força maior ou necessidade interpretada, desde que devidamente justificados.

FISCALIZAÇÃO – A fiscalização do cumprimento do decreto se dará por agentes da Secretaria da Saúde,das Forças Policiais e demais órgãos estaduais de fiscalização, Guarda Civil Municipal, Vigilância Sanitária e demais comissões de fiscalização municipal instituídas.

Prefeitura do Crato elabora plano para retomada da economia

Na tarde desta quarta-feira (27), o prefeito Zé Ailton Brasil realizou uma reunião virtual com a finalidade de dialogar com os órgãos competentes, autoridades e empresários locais sobre a flexibilização para abertura do comércio em Crato.

O chefe do executivo cratense iniciou a reunião agradecendo o empenho dos participantes no engajamento para a elaboração do Plano de Retomada do Comércio e demais atividades comerciais no município. “Vivemos duas grandes crises, a sanitária e a econômica, e pensando nisso, precisamos, com cautela, criar condições de retomar nossa economia para que possamos sair dessa crise de uma maneira planejada, para darmos passos seguros para retomar a economia”, pontuou o prefeito.

O secretário de Finanças do município, Carlos Eduardo Marino, conduziu a reunião destacando a importância do plano estratégico para a reabertura do comércio local. “Pretendemos nomear uma comissão que irá estudar, em parceria com a Secretaria de Saúde, qual a forma de menor impacto do risco para a população cratense”, disse.

A secretária de Saúde, Marina Feitosa, destacou as ações da gestão municipal e os segmentos que têm maior número de aglomeração e de menor, considerando que a retomada do comércio no município seja pautada em conformidade com os órgãos competentes, para que sejam cumpridas todas as normas de segurança.

A reunião discutiu os aspectos da retomada das atividades comerciais onde órgãos dos setores lojista, de educação, de saúde e sociedade civil, irão elaborar propostas para serem apresentadas à gestão municipal.

Após quase duas horas e meia de diálogo, ficou encaminhado que, na próxima sexta-feira (29), as comissões irão se reunir para apresentar propostas de trabalhos técnicos para o plano . Na segunda feira, 1º de junho, será apresentado o plano de retomada do município do Crato definitivo.

Participaram da reunião representantes do legislativo municipal, CDL Crato; Sebrae; Associação Comercial; Abrasel; Sindlojas; Câmara Municipal; UFCA, URCA, Conselho de Desenvolvimento Econômico; e demais secretarias municipais.

O prefeito agradeceu às entidades: “quando unimos forças, quem ganha é a sociedade. Com maturidade, visualizamos saídas para esse momento difícil que estamos vivendo”, destacou o chefe do executivo.

Com informações da assessoria de comunicação

Coronavírus: 166.647 pessoas estão curadas em todo o Brasil

O número representa 40,5% do total de casos confirmados no país. Em 24h, foram 8.054 pessoas recuperadas da doença

O número de pessoas curadas do coronavírus continua crescendo dia após dia em todo o Brasil. Nesta quarta-feira (27), o Ministério da Saúde registrou a recuperação de 166.647 pessoas, número que representa 40,5% do total de casos confirmados atualmente no país (411.821). Em 24h, foram 8.054 pessoas curadas da doença. Outros 219.576 pacientes seguem em acompanhamento médico. As informações foram atualizadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde até as 14h desta quarta (27/5).

Os números crescentes de pessoas curadas da doença são resultado do empenho constante e diário do Governo do Brasil, que não tem medido esforços para garantir atendimento médico e diagnóstico de qualidade dos casos leves, moderados e graves da doença por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). A pasta tem trabalhado em parceria com estados e municípios para adotar iniciativas que cuidem da saúde de todas as pessoas que necessitarem de assistência médica.

As ações são monitoradas e avaliadas diariamente, seguindo os parâmetros, demandas e necessidades de cada estado ou município. O objetivo é auxiliar Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde na melhoria e ampliação das ações de combate à doença, além da assistência necessária à saúde da população.

Com informações do Ministério da Saúde

Desinfecção e higienização de ruas e espaços públicos são contínuas em Juazeiro do Norte

A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp), continua de forma intensa e diária o trabalho de higienização e esterilização das vias e espaços do município. Nesta semana o serviço foi realizado nos bairros Lagoa Seca, Centro e Jardim Gonzaga.

O trabalho também foi realizado na tarde desta quarta-feira, 27, na área da Unidade Sentinela, para onde são direcionados os casos suspeitos de Convid – 19, além do espaço destinado à Unidade de Isolamento Social, no Centro Multifuncional, que conta com cerca de 50 moradores em situação se rua, atendidos pela administração.

O trabalho é feito pela MXM Soluções Ambientais, empresa responsável pela limpeza municipal. A ação é feita tanto com os servidores da pulverização manual como com os tratores de pulverizadores.

Este serviço é mais uma ação da Prefeitura que combate o avanço da pandemia do novo coronavírus. Além de todas as ações que estão sendo tomadas, é de suma importância o distanciamento e isolamento social, a utilização da máscara e sempre que possível lavar as mãos com água e sabão ou utilizar o álcool em gel 70%.

Com informações da Ascom

Vereador solicita reabertura de templos religiosos e igrejas em Juazeiro do Norte

O Vereador Demontier Agra (PSL), apresentou requerimento na sessão desta terça-feira (26) na câmara de vereadores de Juazeiro do Norte, solicitando a reabertura de templos religiosos e igrejas no município.

Segundo o parlamentar, as igrejas se enquadram no ramo de atividades essenciais e devem continuar funcionando com todas as medidas de segurança necessárias como uso de máscaras, distanciamento, higienização, a restrição de idosos a partir de 60 anos.

No documento protocolado na casa, o Agra toma como exemplo algumas cidades que adotaram a medida, como  o Rio de Janeiro, que no último dia 25, teve um decreto autorizando a abertura dos templos religiosos, assinado pelo prefeito Marcelo Crivella.

 

UFCA anuncia laboratório para realizar testes de covid-19 em Barbalha

A Universidade Federal do Cariri (UFCA) está executando os últimos preparativos para começar a realizar, na instituição, testes moleculares para detecção da Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). De acordo com o diretor da Faculdade de Medicina (Famed/UFCA), professor Cláudio Gleidston, o laboratório onde serão feitos os testes está passando por reforma e, assim que ela for concluída (o que deve ocorrer ainda nesta semana), a Universidade aguardará certificação do Laboratório Central de Saúde Pública do Ceará (Lacen), os kits de testagem e os profissionais para execução dos testes, para finalmente dar início aos exames no Cariri. Atualmente, todos os testes realizados no Ceará estão sendo feitos na capital do Estado, Fortaleza, tanto pelo Lacen quanto por instituições parceiras, certificadas para reforçar a capacidade de testagem do Ceará, como a Universidade Federal do Ceará (UFC), o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) e a Universidade de Fortaleza (Unifor).

“Os riscos são vários [de enviar amostras de pacientes do Cariri para Fortaleza]: a perda da amostra, o manuseio inadequado dela, a demora da sua chegada ao Lacen Central e de retorno do resultado. Falando de uma doença que pode causar sérias lesões nos pulmões tão rapidamente, o tempo é um fator fundamental para recuperarmos um paciente [acometido da forma grave da Covid-19]. Então, o teste é importante porque, se tenho um paciente com H1N1 [enfermidade que também atinge o sistema respiratório], minha conduta é uma; se tenho um paciente com Covid-19, minha conduta é outra. A conduta médica adequada aumenta a chance de recuperação de um paciente”, explica o diretor da Famed/UFCA, médico com doutorado em Farmacologia e pós-doutorado em Saúde Coletiva.

Além de Cláudio, encabeçam o projeto de testagem no Cariri a professora da UFCA Saly Lacerda (doutora em Ciências da Saúde), os professores da UFCA Roberto Flávio Fontenelle (doutor em Biologia Oral e Osteoarticular, Biomateriais e Biofuncionalidade) e Marcos Antônio Pereira (doutor em Biotecnologia em Saúde); além da técnica de laboratório da Universidade, Racquel Oliveira (doutora em Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Medicamentos).

Pelo fluxograma elaborado pelos pesquisadores, o laboratório vai funcionar de segunda a sábado, das 8h às 20h ininterruptamente. Já os domingos estarão reservados para limpeza e desinfecção do laboratório. Os testes serão realizados por duas equipes, que vão trabalhar, cada uma, por 6h. A expectativa da Famed/UFCA é de realizar cerca de 40 testes diariamente: “Vamos utilizar o RT PCR (polymerase chain reaction, ou “reação em cadeia da polimerase em tempo real”, em tradução livre), que é um equipamento que amplia o material genético do vírus até a sua detecção, tanto qualitativa quanto quantitativamente. A vantagem de um RT PCR frente a outros equipamentos que também identificam material genético de micro-organismos, como um termociclador [PCR], é que, no RT PCR, posso analisar mais amostras de uma só vez, o que amplia a capacidade de testagem”, afirmou. Segundo Cládio, uma PCR convencional utilizando gel permite o ensaio simultâneo em torno de 8 amostras, em aproximadamente 12h. Já o RT-PCR amplia a capacidade para 46 amostras, no mesmo tempo.

O que falta para o início dos testes? Segundo o professor, após a certificação do laboratório da UFCA, a Coordenadoria da Regional Sul da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa/CE), que abrange 45 municípios do Centro-Sul cearense, vai encaminhar os kits para testagem e também os profissionais que vão executar os exames. Além disso, a coordenadoria vai intermediar o contato dos pesquisadores da UFCA com os profissionais que coletam as amostras de pacientes com suspeita de terem contraído Covid-19, nos municípios de abrangência da Regional: “Faremos uma videoconferência com esses profissionais, explicando o protocolo adequado de coleta e de transporte. Depois, vamos treinar farmacêuticos selecionados pela Regional para a manipulação das amostras no laboratório da Famed/UFCA, o que deve durar um dia e meio. Com os equipamentos calibrados, com os profissionais treinados e com os kits à disposição, o laboratório será blindado por dois dias, para assegurar um ambiente adequado para a manipulação biomolecular. Depois disso, o laboratório poderá começar imediatamente a realizar os exames”, assegura o médico.

Reforma Ainda conforme Cláudio – logo após a disponibilização, por parte da Reitoria, de equipamentos no laboratório da Famed/UFCA para as autoridades estaduais de saúde, no fim de abril passado -, duas auditoras do Lacen vieram ao Cariri para a verificação das instalações: “essa reforma já estava programada antes mesmo de começar tudo isso [a quarentena]. Iríamos fazer de maneira mais lenta mas, depois da inspeção, as auditoras solicitaram que entregássemos a reforma completa mais rapidamente. Levei [a demanda] à gestão universitária, que autorizou a agilidade nas obras”, disse Cláudio.

Segundo explica o diretor da Famed/UFCA, o revestimento anterior do piso (revestimento cerâmico não adequado) e das bancadas do laboratório (madeira revestida com fórmica) não era apropriado para lavagem nem para suportar o contato com substâncias corrosivas. A reforma substituiu ambos por revestimentos laváveis e resistentes, como granito: “também trocamos o sistema hidráulico, fizemos melhorias na parte elétrica. Instalamos um nobreak [equipamento que mantém fornecimento de energia em caso de queda na distribuição], capaz de suprir a demanda de energia elétrica do laboratório por até 6h. Além disso, também instalamos outro ar condicionado, porque a temperatura no laboratório não pode oscilar. Então, se um [climatizador] apagar, o outro mantém a temperatura do ambiente, preservando assim as amostras”, disse Cláudio.

Espaço físico O espaço onde os testes serão feitos está dentro de uma ala da Famed/UFCA chamada Laboratório de Patologia Experimental (Lapex/UFCA), onde são realizados serviços ao público e também atividades de pesquisa. O espaço comporta, além do laboratório que servirá para a realização de testes de Covid-19, também a sala dos cursos de Residência Médica, o Sistema de Verificação de Óbitos (SVO) e a sala de treinamento de Patologia.

O laboratório para os exames está divido em 4 espaços: sala de triagem, sala de extração, sala de mixagem e sala de leitura. Para ingresso nesta última, onde fica o RT PCR, é necessário paramento de proteção mais rigoroso que nas demais, com propé, avental, luvas, máscara, gorro, óculos (ou protetor facial). De acordo com o fluxograma, os profissionais receberão os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) meia hora antes do horário de início dos trabalhos no laboratório, das 7h às 7h30.

Os profissionais que vão executar os testes precisarão ser vacinados conforme o calendário de vacinação nacional, que estabelece imunização periódica contra doenças como H1N1, tétano, tuberculose e hepatite. A imunização dos profissionais está em conformidade com a Lei de Biossegurança em vigência no país (Lei Nº 11.105, de 24 de março de 2005). Também é determinado pela lei a esterilização dos resíduos gerados no processo de feitura dos exames, para reduzir o risco biológico do material a ser expurgado.

Fonte: https://ufca.edu.br