Boletim câmara de Juazeiro do Norte

Na sessão ordinária de terça-feira (06/08), os parlamentares da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte enviaram ofício ao Conselho dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes, e cobraram manutenção e melhorias em bairros da cidade em prol da população Juazeirense.

SEDEST/ GABINETE

O vereador Marcio Joias (PDT) enviou ofício a SEDEST – Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho, solicitando rever a situação de validade das carteiras de idosos. O Parlamentar também solicitou ao prefeito que seja construída uma pracinha com academia popular no terreno baldio no PSF do bairro Salesiano.

SEINFRA / GABINETE

O vereador Alexandre Sobreira enviou requerimento ao prefeito Arnon Bezerra, extensivo a SEINFRA, solicitando o recapeamento asfáltico da Rua João Dias de Oliveira, ao lado do conjunto Conviver.

SEMASP/DEMUTRAN/ INFRAESTRUTURA

O vereador Marcio Joias requereu que a SEMASP, através de ofício, faça a troca das lâmpadas por luzes de LED na Rua Bom Jesus no Horto, próximo à cozinha comunitária juntamente com a rua que dá acesso ao colégio Modelo e suas travessas.  Ao Demutran, o parlamentar pediu que a sinalização fosse realizada preferencialmente no cruzamento da Av. Ailton Sena com Rua do Limoeiro.

A vereadora Rosane Macêdo solicitou a SEMASP a capinação, poda das árvores, limpeza geral e iluminação de LED do residencial Conviver Life, além da Rua das Dores no Bairro Aeroporto e demais artérias. Cobrou também ao secretário de infraestrutura, o conserto dos buracos das ruas acima citadas.

VEREADORES / DEPUTADOS

Os vereadores Adauto Araújo e Darlan Lobo enviaram ofício verbal solicitando que seja feita uma comissão de vereadores, juntamente com os deputados, para irem até o secretário de saúde do estado, ver o que pode ser feito para diminuir o sofrimento e a fila de quem precisa de cirurgia de alto risco.

CONSELHO DOS DIREITOS DAS CRIANÇAS E DOS ADOLESCENTES

O vereador Claudionor Mota enviou ofício ao Conselho dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes de Juazeiro do Norte para rever a questão da eleição passada para o Conselho Tutelar agora em 2019. Segundo ele, na passada, uma Urna foi retirada do Horto e colocada nos Popôs sob alegação de que havia muita abstenção, pois o voto não é obrigatório. Ele cobra que o Horto tenha uma urna esse ano.

 

Mestre Raimundo Aniceto faz da rua uma terreirada na inauguração do primeiro museu orgânico do Crato

Ao lado da Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, Mestre Raimundo, nesta terça-feira, 6, fez da rua um espetáculo aberto durante a inauguração do primeiro museu orgânico do Crato que homenageia a trajetória do grupo na cultura popular. Vestidos de azul, no bairro Seminário, os músicos cantaram peças e elaboraram passos durante o primeiro dia de programação do “I Seminário Internacional Patrimônio da Humanidade Chapada do Araripe” com a presença do Sistema Fecomércio Ceará, no braço social do Sesc, e da Fundação Casa Grande de Nova Olinda.

O evento contou com o apoio de Alemberg Quindins, fundador da Casa Grande, que destacou a importância do centro cultural do Mestre Raimundo não só para o desenvolvimento sustentável regional, mas também para as relações sociais de integração do território da Chapada do Araripe. “Nós temos uma bacia cultural do Araripe com essa Chapada no meio e, a partir disso, unimos quatro estados envolta dela”, destaca Alemberg sobre o fortalecimento dos laços culturais interestaduais entre Ceará, Pernambuco e Piauí.

A rota do museu do Mestre Raimundo faz parte do percurso cotidiano da própria casa. A cor verde é utilizada em diversas texturas e nuances. Nas paredes de quase todos os cômodos, especialmente nas salas de estar e jantar, e nos corredores, foram expostas fotografias dos integrantes da banda e diversos prêmios adquiridos na trajetória musical. Dona Raimunda, esposa do Mestre Raimundo, agradece a organização do museu e demonstra satisfação por aparecer retratada em algumas fotos espelhadas pela residência.

Presença importante na elaboração da proposta do museu orgânico, o Secretário de Cultura do Estado, Fabiano Piúba, citou a relevância da atuação da Casa Grande na preservação do patrimônio cultural. Segundo ele, os saberes populares são importantes para a constituição da memória regional. “Gosto de dizer que toda casa de um mestre é uma escola e um museu ao mesmo tempo. O mestre é guardião do saber tradicional, gerado de mão em mão, de coração em coração” afirmou.

Enquanto algumas das crianças do Reisado do Mestre Aldenir brincavam espadas,Maurício Filizola, Presidente da Fecomércio Ceará, enfatizava o papel da infância na cultura. “Aqui estamos no momento de resgate da nossa infância, da nossa criança. Quando nós recebemos de presente o Mestre Aniceto, estamos sendo presenteados com todos os antepassados e com a cultura do nosso Estado”, disse. De acordo com ele, uma das funções da instituição na execução do projeto “Museus Orgânicos dos Mestres de Cultura Tradicional do Cariri”, que visa produzir ao todo 16 espaços, é promover uma rota para o turismo comunitário na região.

Sobre os Museus Orgânicos

Objetos que simbolizam as tradições, fotografias, vestimentas, instrumentos são alguns dos elementos que integram os acervos dos 16 Museus Orgânicos dos Mestres de Cultura Tradicional do Cariri. Compreendendo a cultura de tradição como parte integrante da expressão humana, o Sesc, braço social do Sistema Fecomércio Ceará e Fundação Casa Grande são incentivadores dos Museus Orgânicos dos Mestres de Cultura Tradicional do Cariri. A iniciativa tem a missão de trazer a um circuito de turismo social e cultural e fomentar uma rede de espaços de memória, fortalecendo essas expressões tradicionais, já reconhecidas pela comunidade em que cada Mestre vive e construiu sua história.  

Em clima de romance, Jonas Esticado grava clipe do hit ‘Vem Me Amar’ em haras de Gravatá (PE)

Um dos maiores nomes do forró no Brasil, o cantor Jonas Esticado viajou ao interior de Pernambuco para gravar o clipe do novo hit “Vem Me Amar” nesta quarta-feira (6) e quinta-feira (7). A canção retoma à temática romântica – uma das vertentes musicais mais aclamadas pelo público do artista – e ganhou um enredo especial em que o próprio Jonas contracena com uma atriz. O roteiro e a direção do trabalho são assinados por Yury do Paredão e Ricardo Lago e a produção é de Dronando Filmes e Macarecords;

 O cenário escolhido foi o grandioso Haras Calúli, localizado na cidade de Gravatá, que será pano de fundo para uma história de um casal que tem em comum a paixão pelos cavalos, mas que acaba passando por alguns conflitos durante o relacionamento.

“Desde que incluímos no melhor repertório do Brasil, a música ‘Vem Me Amar’ só nos traz alegrias e vai ganhar um clipe a altura da recepção do público. Estamos preparando tudo com muito carinho e caprichando em tudo: desde a locação, a história e até mesmo na interpretação, podem esperar que o clipe vai atender a todas as expectativas”, antecipa o cantor. O lançamento do vídeo deve acontecer ainda neste mês no canal do Youtube de Jonas Esticado. O último vídeo do artista “Meu Coração Pegou Ar”, com participação de Matheus e Kauan, já ultrapassou a marca de 18 milhões de visualizações na web.

Jonas Esticado

Um dos maiores artistas da nova geração, Jonas Esticado é integrante do casting Yury do Paredão Entretenimento, comandada pelo empresário Yury Bruno, que também está à frente da carreira do cantor Thales Lessa. Em cinco anos de carreira, Jonas já coleciona números gigantescos: são mais de 187 milhões de visualizações e 794.000 inscritos no Youtube; 2 milhões de seguidores no Instagram; e mais de 980.000 ouvintes mensais no Spotity. O cantor também é destaque pelas parcerias musicais com grandes nomes da música como Jorge Barcellos, Dorgival Dantas e Felipe Araújo. Ele também assina a label “Jonas Intense”, festa que passeia pelas principais cidades do Nordeste levando um show exclusivo dele e reunindo um line up recheado de grandes atrações nacionais.

Banco de perfis genéticos é um importante aliado na elucidação de crimes no Ceará

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS/CE), por meio da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e do trabalho do Núcleo de DNA Forense, destaca o uso de perfis genéticos como uma forma de combater e elucidar crimes considerados hediondos. Estupros, homicídios, latrocínios, entre outros, estão sendo elucidados no Ceará graças ao trabalho da coleta dos perfis genéticos que são inseridos em um banco de dados. Casos interestaduais também são elucidados através da coincidência do confronto genético, o que os peritos chamam de “match”. Uma dessas coincidências de DNA foi detectada em um crime sexual ocorrido em 2015, no Estado de São Paulo.

A vítima foi examinada e o material genético do agressor foi coletado pela Polícia Científica de São Paulo e inserido no banco de dados, já neste ano, a Pefoce constatou que a amostra coincidiu com o DNA de um detento que está recluso em uma das unidades prisionais do Ceará. O autor do crime cujo a identificação é mantida sob sigilo cumpre pena no Centro de Execução Penal e Integração Social Vasco Damasceno Weyne (Cepis), em Itaitinga. O match confirmou que o vestígio coletado na vítima pertence ao detendo que já cumpre pena. Uma vez armazenado, o material genético passa a fazer parte de um banco de dados nacional da Rede Integrada de Bancos de Perfis Genéticos (RIBPG). Entre os estados que mais cooperam cadastrando dados genéticos, o Ceará ocupa o segundo lugar no Nordeste com 2.145 perfis cadastrados e a oitava posição no ranking nacional, figurando entre os dez maiores do País. O banco de perfis genéticos nacional é regulamentado pela lei federal no 12.654/2012.

A lei inclui a coleta do perfil genético como forma de identificação criminal de condenados por crimes hediondos e crimes violentos contra pessoa. Deste modo, ao incluir no banco de dados o perfil de um condenado por estupro, por exemplo, é possível que o material genético seja o mesmo encontrado em outras vítimas que até então não tinham suspeitos envolvidos nas investigações. Nessas situações, os casos cujas as vítimas foram agredidas e passaram por exames na Coordenadoria de Medicina Legal (Comel), terão finalmente a materialidade e autoria do crime revelados pelo exame de DNA.

Conforme esclarece o perito legista e supervisor do Núcleo de DNA da Pefoce, Júlio Torres, há casos em que o criminoso fez vítimas em Estados diferentes e, como o banco de dados é integrado, é possível cruzar dados de outros Estados da Federação e, a partir disso, vários casos passam a ser concluídos.

“O DNA Forense é uma prova, realmente, bem contundente e que vem auxiliando nas investigações policiais, levando à elucidação de muitos crimes”, enfatiza.

Conforme o supervisor de DNA Forense da Pefoce, existe uma força tarefa empenhada em cadastrar estes perfis no banco nacional. Até 2020, espera-se que sejam mais de 4 mil perfis genéticos de condenados cadastrados, o que corresponde a atual população carcerária de detentos que já foram condenados por crimes pelos quais a lei se aplica.
“Há uma parceria entre a Secretaria da Segurança Pública e a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP). A gente recebe a lista dos condenados das unidades prisionais, cujos crimes entram nas categorias em que a lei exige a coleta do perfil genético, e monta uma força-tarefa com peritos, auxiliares de perícia que também realizam a coleta das impressões digitais e faz registro fotográfico dos condenados”, explica Júlio.

Desde quando passou a alimentar o banco de dados nacional, em 2014, até o primeiro semestre de 2019, a Pefoce contribuiu para a inclusão de 2.145 perfis cadastrados.

DNA Forense

Os exames de DNA – realizados pelo núcleo que atende todo o Estado – são empregados, dentre outros, em três importantes vertentes, sendo a primeira delas, nos casos de crimes contra a dignidade sexual (estupro), com o propósito de identificação do material genético deixado nas vítimas para realizar comparação com suspeitos envolvidos no caso. A segunda vertente é na identificação humana de corpos carbonizados, em decomposição, mutilados ou de peças ósseas e órgãos humanos, a fim de exame de comparação com parentes de primeiro grau. Além da terceira vertente de atuação, que é a identificação de perfis de material genético recuperados a partir de evidências de natureza biológica presente em materiais diversos encontrados em locais de crimes (manchas de sangue, manchas de esperma, manchas de saliva, pelos, objetos e outros). Os laudos produzidos pelo núcleo formam parte de inquéritos policiais. O exame de DNA é uma prova técnica irrefutável e apontada como a maior revolução científica na esfera forense desde o reconhecimento das impressões digitais como uma característica pessoal. “O DNA está amplamente distribuído no organismo humano, em todas as partes do corpo, ele é muito versátil no sentido de estar presente em vestígios diferentes, urina, saliva, sangue, esperma, suor, entre outros, daí sua importância como prova técnica na elucidação de crimes”, explica Júlio Torres.

Certificação internacional

O Núcleo de Perícia em DNA Forense da Pefoce é certificado anualmente pelo controle de qualidade externo do Grupo Iberoamericano de Trabalho em Análise de DNA (Gitad) desde 2007. A certificação garante o alto padrão de qualidade do núcleo, que conta com equipamentos modernos, peritos qualificados e estrutura adequada.

Eventos infantis aquece a movimentação no Cariri Garden Shopping

Pensando em proporcionar momentos de maior interação entre pais e filhos, o Cariri Garden tem investido fortemente em ações infantis.

Brincar, sorrir, interagir. Durante o mês de julho não faltou opção de diversão para criançada no Cariri Garden. O Orient Cinema teve suas salas preenchidas durante todo o mês, com destaque para o filme Rei Leão. A história emocionante do leãozinho Simba foi exibida em 5 salas e teve 99% de ocupação e o sucesso permanece no mês de agosto, emocionando adultos e crianças.

O espetáculo Mundo Bita, pela primeira vez no Cariri, é outro destaque. Quase duas mil pessoas lotaram o estacionamento do Shopping para cantar com Bita, Lila, Tito e toda a turma do Mundo Bita. O espetáculo deixou o Shopping com gostinho de quero mais. 

Finalizando as férias, no dia 4 de agosto, o espetáculo Rei Leão da Cia Mix de Alegria, de Fortaleza, lotou a Praça de Eventos. Só a peça foi responsável por um crescimento de quase 60% no fluxo. 

Ponteiro positivo também nas vendas. O segmento infantil cresceu 5% em relação ao mesmo período do ano passado. Cinema surpreendeu com 108% de crescimento e as lojas voltadas para o público adulto, como óticas, prestação de serviço, joias e telefonia tiveram crescimento com média de 111%.

Dando sequencia as ações infantis, o Cariri Garden inova mais uma vez e no próximo dia  25 de agosto apresentará o Show de Mágica com Rodrigo Lima, o melhor mágico do Nordeste. Serão duas sessões de 15h e 17h no Mall Marisa, de um espetáculo que reúne lúdica, mágica, criatividade e muito humor. O evento é gratuito.