LOGO-NEWS-CARIRI

Crato: DIABÉTICOS VIVEM DRAMA NA CIDADE

Publicidade

Por Moisés Rolim

A cada dia pior, a saúde do Crato vai andando aos trancos e barrancos. As reclamações são as mais variadas possíveis, desde a falta de atendimento e também de medicamentos.

Os distritos como Ponta da Serra estão sofrendo e vendo o povo a míngua, pois atendimento tem quantidade marcada e a população só pode ser atendida parte do dia já que o posto vive mais fechado do que aberto segundos os moradores do Distrito. Os exames que deveria ser feitos com celeridade, demoram mais de três (03) meses e quando feito para ser entregue é uma eternidade.

Para não fugir do padrão desorganização e falta de zelo com o povo, ou melhor, com a vida humana do povo Cratense, falta insulina e os diabéticos vão sofrendo e se não quiserem morrer a míngua precisam se virar de qualquer jeito. Nem mesmo as ordens judiciais estão sendo cumpridas, segundo entrevista presidente da Associação dos Diabéticos do Cariri Edson Saraiva.

Sinais e Sintomas

O desencadeamento de diabetes tipo 1 é geralmente repentino e dramático e pode incluir sintomas como:

Sede excessiva
Rápida perda de peso
Fome exagerada
Cansaço inexplicável
Muita vontade de urinar
Má cicatrização
Visão embaçada
Falta de interesse e de concentração
Vômitos e dores estomacais, frequentemente diagnosticados como gripe.

Os mesmos sintomas acima podem também ocorrer em pessoas com diabetes tipo 2, mas geralmente são menos evidentes. Em crianças com diabetes tipo 2, estes sintomas podem ser moderados ou até mesmo ausentes.
No caso do diabetes tipo 1, estes sintomas surgem de forma abrupta e às vezes podem demorar a ser identificados. Já no diabetes tipo 2, esses sintomas podem ser mais moderados ou até mesmo inexistentes.

Não se sabe ao certo por que as pessoas desenvolvem o diabetes tipo 1. Sabe-se que há casos em que algumas pessoas nascem com genes que as predispõem à doença, mas outras têm os mesmos genes e não têm diabetes. Outro dado é que, no geral, o diabetes tipo 1 é mais freqüente em pessoas com menos de 35 anos, mas vale lembrar que ela pode surgir em qualquer idade.

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas