Empresas dentro de unidades prisionais do Ceará conquistam Selo nacional de responsabilidade social

Foto: Reprodução/Gov. do Ceará

Publicidade

A rotina de trabalho das pessoas privadas de liberdade nos projetos de ressocialização do sistema prisional do Ceará foi reconhecida, nacionalmente, através da conquista do Selo Nacional de Responsabilidade Social pelo Trabalho no Sistema Prisional – Resgata, por intermédio do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

O “Selo Resgata” tem como objetivo incentivar, estimular e reconhecer as organizações que utilizam mão de obra prisional, de forma a ampliar as vagas de trabalho proporcionando melhores condições de reintegração social.

O título premiou as empresas W.Jota Gráfica, instalada na Unidade Prisional de Ensino, Capacitação e Trabalho (UPECT) e a Prot Servis, com sede no Centro de Execução Penal e Integração Social Vasco Damasceno Weyne (Cepis).

A W.Jota Gráfica é uma empresa especializada na prestação de serviços de impressão gráfica, com mão de obra de 60 internos e 2 colaboradores que atuam no treinamento e controle de qualidade. Já a empresa Prot Servis faz parte do segmento de uniformes profissionais, com 40 internos na produção e 4 colaboradores.

O secretário da administração penitenciária, Mauro Albuquerque, comemora a conquista. “É uma honra estar aqui e esse é o momento de agradecimento e conquista. O desenvolvimento do nosso trabalho dentro do sistema prisional tem evoluído a cada dia e as empresas estão sendo qualificadas com reconhecimento nacional. O “Selo Resgata” é justamente isso, responsabilidade social pelo trabalho no sistema prisional. Esse sucesso eu devo à toda minha equipe, aos nossos policiais penais que estão na segurança, que abraçaram essa missão. Esse é o novo rótulo da polícia penal, cumprir a lei de execução penal na sua plenitude. E para os internos, parabéns por estarem aproveitando essa oportunidade, estão mostrando que são capazes e que querem mudar. Todo ser humano muda a qualquer momento. Essa é a importância, pois estamos lutando para oferecer educação, capacitação e trabalho para todos”, afirma.

Para o proprietário da W.Jota, Wilson Jr, se sente satisfeito com os resultados. “Estamos completando 1 ano dentro do sistema prisional e desde 2015 eu estudo o sistema penal para colocar minha empresa. Após a pandemia conseguimos colocar em prática. O “Selo Resgata” é fruto de um trabalho que eu tenho que enaltecer a gestão do Mauro Albuquerque que foi fundamental para que o sistema prisional cearense fosse uma referência no Brasil. Com toda essa estrutura nós conseguimos gerar muitas oportunidades. Atualmente são 60 internos trabalhando dentro das unidades, com 22 em liberdade e estamos inserindo-os no mercado de trabalho”, celebra.

A representante da empresa Prot Servis, Rayse Recamonde, agradece o reconhecimento. “Na vida de um empreendedor o seu maior sonho é o sucesso. Porém nunca imaginei que essa comenda que recebo hoje viesse me proporcionar tamanha honra e moral que jamais vivenciei. E devo isso aos gestores que compõem a secretaria da administração penitenciária. Depois de 1 ano e meio, vemos com muita alegria que chegamos muito longe. Tenho certeza que os nossos internos cumprirão suas penas com honra e sairão disciplinados de cabeça erguida, na certeza que levarão consigo uma profissão construída com perfil profissional que o mercado exige”, atenta.

O interno e funcionário da W. Jota Gráfica, Orlando, sonha com um futuro próspero. “Graças a essa oportunidade que me deram dentro do sistema prisional, estou conseguindo manter o pão de cada dia da minha esposa e filhos. Sou muito grato por tudo isso que estão fazendo não só por mim, mas por todos os que também estão tendo a chance de mudar de vida e construir um futuro mais digno”, disse.

O interno e funcionário da empresa Prot Servis, Francisco Aureliano, comemora a nova rotina dentro da unidade prisional. “Tudo é muito novo pra mim. Nunca havia tido contato com costura e me surpreendi. Estou me profissionalizando pela primeira vez. Esse projeto de ressocialização abriu portas e minha perspectiva de vida mudou completamente”, conclui.

Publicidade

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

3073C881-B9D1-475B-8DB1-34F55FB87061
25AFD2D6-B201-4EB9-AB79-497BD30A6E8B

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas