LOGO-NEWS-CARIRI

Quem tem direito e como pedir desconto no financiamento de imóvel na Caixa

Publicidade

Redução no valor das parcelas pode chegar a 75%, enquanto a pausa nas cobranças pode ser aplicada por até seis meses

A Caixa Econômica Federal anunciou condições especiais para pagamento das parcelas de financiamento habitacional em virtude da crise provocada pela pandemia. Com isso, o banco vai permitir a redução ou suspensão do valor mensal a ser pago temporariamente.

A redução no valor das parcelas pode chegar a 75%, enquanto a pausa nas cobranças pode ser aplicada por até seis meses.

“Essas medidas proporcionam às famílias a possibilidade de se reorganizarem para voltar a pagar integralmente a prestação mensal”

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

Tire dúvidas sobre o procedimento e como solicitá-los.

REDUÇÃO DO VALOR 

QUEM PODE SOLICITAR A REDUÇÃO NO VALOR DAS PARCELAS? 

Segundo a Caixa, tem direito ao desconto temporário, os clientes que possuírem imóvel financiado com o banco nas modalidades Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) ou pelo Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). 

QUALQUER TIPO DE FINANCIAMENTO PODE SER CONTEMPLADO PELO BENEFÍCIO DA CAIXA?  

Não. As duas condições especiais de negociação de contratos são destinadas apenas para os clientes que possuem financiamento habitacional. 

COMO SOLICITAR A REDUÇÃO DO PAGAMENTO? 

Para solicitar, o cliente deverá baixar o aplicativo Habitação Caixa e clicar no banner referente ao desconto temporário ou ligar através do telefone 0800-104-0104

QUAL O PERCENTUAL DE REDUÇÃO NO VALOR DAS PARCELAS CONCEDIDO PELA CAIXA? 

O desconto pode ser superior a 75%. 

A REDUÇÃO SERÁ APLICADA DURANTE QUANTO TEMPO? 

O prazo do desconto dependerá do percentual concedido. Se a redução na parcela for de até 25%, o prazo é até 6 meses. Já se for entre 25% e 74,99%, o prazo é até 3 meses. 

QUAL A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA OBTER O DESCONTO? 

Para desconto de até 25% não é exigida nenhuma documentação comprovatória. Já para clientes que solicitarem entre 25% e 74% será exigida uma autodeclaração de perda de renda.  

Já quem precisar de desconto superior a 75% será necessário apresentar documentos formais que comprovem a perda de rendimento mensal. 

COM O FIM DO PERÍODO DE DESCONTO, COMO SERÁ FEITA A COBRANÇA DO VALOR QUE DEIXOU DE SER PAGO? 

A Caixa explica que os valores que não foram pagos durante os meses em que foi concedido o desconto serão incorporados ao saldo devedor do contrato e diluídos no prazo remanescente. 

O PRAZO DO FINANCIAMENTO VAI AUMENTAR PARA QUEM TIVER A PARCELA REDUZIDA TEMPORARIAMENTE? 

As condições contratuais não serão alteradas para quem solicitar o benefício. Ou seja, tanto o prazo de financiamento quanto a taxa de juros estabelecida no contrato inicial serão mantidos. 

SUSPENSÃO DAS PARCELAS 

QUEM PODE SOLICITAR A SUSPENSÃO DO PAGAMENTO DAS PARCELAS MENSAIS? 

Somente os clientes que estiverem recebendo o Auxílio Emergencial ou o Seguro Desemprego. 

COMO SOLICITAR A SUSPENSÃO DO PAGAMENTO? 

Assim como na redução do valor da parcela, o cliente deverá baixar o aplicativo Habitação Caixa e clicar no banner referente a suspensão das parcelas ou ligar através do telefone 0800-104-0104

POR QUANTO TEMPO O PAGAMENTO PODERÁ SER SUSPENSO? 

A pausa nas cobranças do financiamento habitacional poderá ser concedida por até seis meses. 

QUAL A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA SUSPENDER O PAGAMENTO DAS PARCELAS? 

O banco não vai exigir nenhum outro documento já que o Auxílio Emergencial e o Seguro Desemprego são pagos pela Caixa.  

COMO SERÁ FEITA A COBRANÇA DAS PARCELAS QUE DEIXARAM DE SER PAGAS? 

Assim como para quem tiver o valor da parcela mensal reduzido temporariamente, os valores que deixarem de ser pagos durante a concessão do auxílio serão incorporados ao saldo devedor do contrato e diluídos no prazo remanescente. 

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas