Polícia Civil prende investigado na morte de prefeito de Granjeiro após descumprimento de medidas cautelares

Publicidade

Um dos envolvidos na morte do prefeito do município de Granjeiro, João Gregório Neto (54), foi preso durante uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) realizada na manhã desta sexta-feira (4), em Crato, na Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Estado. O homem foi capturado após descumprir medidas cautelares determinadas pelo Poder Judiciário do Ceará. Ele já tinha sido alvo da PCCE em julho deste ano, quando foi determinada a prisão domiciliar do suspeito.

Francisco Rômulo Brasil Leal dos Santos (59) foi capturado em sua residência após romper a tornozeleira eletrônica que deveria usar. As investigações apontam que o suspeito pretendia fugir do local onde estava morando. Em razão disso, foi expedido um mandado de prisão para o suspeito, que acabou capturado no bairro Seminário, no Crato.

Conforme o delegado Luiz Eduardo da Costa Santos, titular da Delegacia Regional de Crato, o preso era funcionário de Ticiano da Fonseca Félix, o “Ticiano Tomé”, apontado, junto com seu pai, de ser o mandante do crime. Ainda segundo as apurações, Francisco Rômulo seria o responsável por deixar os envolvidos no crime na cidade de Brejo Santo. Ele já havia sido preso em fase anterior da investigação e usava tornozeleira eletrônica, porém rompeu o dispositivo para tentar fugir.

“Depois que recebemos a confirmação (do rompimento da tornozeleira eletrônica), por meio da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), representamos mais uma vez pela prisão dele, que foi capturado na manhã de hoje, por descumprimento de medida cautelar e risco de fuga”, explicou o delegado.

Publicidade

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

1B43CDFE-AB4F-4807-8EA1-D2DF9298EEB3
25AFD2D6-B201-4EB9-AB79-497BD30A6E8B

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas