Pesquisa Ibope no Crato: Zé Aílton Brasil tem 44%; Doutor Aloísio, 18%

A pesquisa Ibope com as intenções de voto para a Prefeitura do Crato nas eleições 2020, divulgada neste domingo (8) pelo Diário do Nordeste, aponta o atual prefeito Zé Aílton Brasil (PT) na liderança, com 44%; seguido pelo Doutor Aloísio (Pros), com 18%; Arthur de Zé Adega (PSL), com 17%; e Professora Zuleide Queiroz (Psol), com 11%.

Veja os números:
Zé Aílton Brasil (PT): 44%
Doutor Aloísio (Pros): 18%
Arthur de Zé Adega (PSL): 17%
Professora Zuleide Queiroz (Psol): 11%
Branco/nulo: 7%
Não sabe/Não respondeu: 4%

A pesquisa Ibope também perguntou em quem os eleitores da cidade não votariam de jeito nenhum. Confira os resultados:

Arthur de Zé Adega: 40%
Zé Aílton Brasil: 35%
Professora Zuleide Queiroz: 24%
Doutor Aloísio: 20%
Poderia votar em todos: 2%
Não sabem ou preferem não opinar: 9%

O levantamento do Ibope foi encomendado pelo Diário do Nordeste e registrado na Justiça Eleitoral com o número de identificação CE-03552/2020.

A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou mais menos. Foram ouvidos 602 eleitores da cidade do Crato.

A pesquisa foi realizada nos dias 5 e 6 de novembro, e o nível de confiança é de 95%. Isso significa que há probabilidade de 95% dos resultados retratarem o atual momento, considerando a margem de erro

Fonte: Diario do Nordeste 

Solange Almeida, Edmar Gonçalves e Bruna Ene encerram a Mostra Sesc de Culturas

Após sete dias de uma programação cultural intensa, chega o momento de se despedir da Mostra Sesc de Culturas de 2020. Para finalizar esta edição, no dia 08 de novembro, a partir das 20h15, acontece a liveshow de encerramento com Solange Almeida, Edmar Gonçalves e Bruna Ene. Um intercâmbio de sonoridades online que coloca a música feita no Ceará como personagem principal.

 

Com transmissão pelo Youtube do Sesc Ceará, a live terá ainda, durante o intervalo entre os artistas, a apresentação do humorista cearense, Alex Nogueira, com o show “Alexotan – Seu Remédio Contra O Mau Humor”.

 

Tendo como proposta valorizar os artistas e a cadeia produtiva da cultura cearense, a Mostra promoveu encontros virtuais entre a arte e um público diverso e amplo, rompendo as barreiras do estado e levando o talento do Ceará para o mundo. Música, artes visuais, audiovisual, tradição, literatura, artes cênicas estão entre as linguagens e manifestações artísticas que contemplaram a maratona digital desta edição.

 

Para encerrar essa efervescência cultural, o cantor, compositor e artista plástico, Edmar Gonçalves, apresenta seus maiores sucessos na MPB. “Em Cima do Tempo” é o trabalho mais recente do cantor e tem a presença do amigo Marcos Lupi, reunindo músicas como “Ceará Bonito”, “Madrugada”, “Entre Nós”, “Fruto”, “Terra Mãe”, entre outras

 

Revelação na música cearense, a cantora e compositora, Bruna Ene, também sobe ao palco virtual da Mostra Sesc de Culturas. A artista tem se destacado nas plataformas digitais com os hits “Só”, “Ninguém te fez voar” em parceria com o cantor Waldonys e “Todo mundo quer um amor” com a cantora Solange Almeida, além da composição “Somos um só” que virou tema de dezenas de campanhas, entre elas da Cruz Vermelha, na luta contra o novo coronavírus.

 

“Para qualquer artista, a oportunidade de participar de um evento tradicional e chancelado por uma instituição tão séria como o Sesc é uma grande honra. Imagine só para uma artista que está iniciando sua caminhada na música! É uma felicidade sem tamanho”, afirma Bruna.

 

Tendo uma relação de longa data com o Ceará, a cantora Solange Almeida não só se sente cearense como recebeu o título de cidadã fortalezense em 2010, o que a enche de orgulho. “Fiquei muito feliz com a homenagem recebida. Minha relação com o Ceará é muita gratidão e paixão. Foi aqui que consegui me tornar uma cantora nacionalmente conhecida, devo tudo que tenho a esse Estado maravilho que me recebeu de braços abertos”, aponta.

 

A cantora encerra a Mostra com um formato especial do projeto “Minha História”, cantando os maiores sucessos de sua carreira com mais de 30 anos de estrada. Por conta da pandemia, essa é a segunda vez que a cantora faz essa apresentação, a estreia aconteceu em janeiro desse ano. Solange destaca a importância da Mostra para valorizar o segmento da cultura. “Para mim é muito importante falar e estar em um projeto que leva cultura para tanta gente, ainda mais em um momento como este que estamos vivendo que nosso meio cultural/entretenimento vem sofrendo tanto”.

“Se amostra pro mundo, Ceará!” 

 

Como culminância do Tudo em Casa Fecomércio, criado ainda no início do isolamento social como forma de levar cultura e lazer para adultos e crianças, esta edição da Mostra Sesc de Culturas alcançou, até o dia 05/11, um público de mais de 17.390 pessoas de diferentes cidades, estados e países. Para quem perdeu alguma apresentação ou deseja rever, a programação está disponível no Youtube do Sesc Ceará.