Prefeitura de Granjeiro distribui kits para população combater o coronavírus

A Prefeitura Municipal de Granjeiro distribuiu nesta sexta-feira (15), produtos de higiene e proteção pra população se prevenir e combater o novo coronavírus.

A distribuição foi realizada pela secretaria municipal de saúde. Pra não gerar aglomeração, a entrega dos produtos foi feita na residência das pessoas por profissionais da pasta protegidos com equipamentos de proteção individual.

Os produtos entregues compõem um kit de proteção com um álcool gel 70%, um detergente e duas máscaras. Ao todo, quase 4 mil kits foram distribuídos.

Está é mais uma ação da administração no enfrentamento do Covid-19 no município.

Outra ação importante foi a aquisição e distribuição de EPIs para os profissionais de saúde.

Vale ressaltar que o município de Granjeiro ainda não possui nenhum caso confirmado do vírus.

Mesmo assim, a prefeitura vem fazendo constantemente barreira sanitária na entrada da cidade. Também instituiu decreto de uso obrigatório de máscara.

Metade dos casos confirmados no Ceará já foram recuperados; são 23.583 casos e 1.584 mortes

O estado do Ceará tem 23.583 casos confirmados de Coronavírus. Os dados foram atualizados pela secretaria de saúde do estado, e divulgados pela plataforma IntegraSUS, na manhã deste sábado (16).

O número de óbitos ocasionadas pelo Coronavírus no estado subiu para 1.584. No total já são 12.525 casos recuperados em todo o Ceará. Isso significa dizer que o Ceará possui cerca de metade dos casos confirmados, já curados após diagnóstico.

Já são 59.590 exames realizados para diagnóstico de novos casos. Segundo a plataforma integraSUS, o número de casos sob investigação chegou a 36.757 no estado. A taxa de letalidade da doença no estado chegou a 6,7%.

No Brasil, até esta sexta-feira (15), já são 218. 223 casos confirmados do novo coronavírus e 14.817 óbitos pela doença. 

Coronavírus: 218.223 casos confirmados e 84.970 recuperados

Os dados foram atualizados pelas Secretarias Estaduais de Saúde até as 19h desta sexta-feira (15/5)

O Ministério da Saúde registrou até as 19h desta sexta-feira (15) o total de 218.223 casos por coronavírus e confirmou que 84.970 (38,9%) dos pacientes são considerados recuperados. As informações foram atualizadas e repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde de todo o Brasil no sistema oficial do Governo Federal.

Até o momento, o país registra 14.817 mortes por coronavírus, cuja taxa de letalidade é de 6,8%, considerando o total de casos confirmados. Nas últimas 24 horas, foram registrados 15.305 novos casos e 824 novas mortes, sendo que a maioria delas aconteceu em períodos anteriores, mas foi inscrita nos sistemas oficiais do Ministério da Saúde somente de ontem para hoje, após conclusão da investigação da causa morte. Outros 2,3 mil óbitos estão em investigação.

Desde o dia 26 de fevereiro, quando o primeiro caso foi confirmado no país, o Governo do Brasil adotou uma série de medidas, junto a estados e municípios, para garantir a estrutura necessária ao atendimento dos pacientes com a doença. Desde então, a pasta tem se esforçado para adquirir e distribuir EPIS, recursos humanos, recursos financeiros, respiradores e insumos. Entre abril e maio, também foram habilitados 3.810 leitos de UTI voltados exclusivamente para o atendimento de pacientes graves ou gravíssimos do coronavírus.

Atualmente, boa parte dos municípios brasileiros registra casos e óbitos por coronavírus, que já está circulando em todos os estados do país.

Veículos de transporte coletivo municipal não poderão circular em Juazeiro do Norte

A partir deste sábado, 16, estará proibida em Juazeiro do Norte a circulação de veículos de transporte coletivo municipal.
A medida foi regulamentada através de uma alteração no decreto 505, passando a determinar a suspensão no âmbito do Município, dos serviços de transporte coletivo, regular e complementar durante o período de estado de emergência, que segue até o dia 20 de maio e poderá ser prorrogado.
De acordo com o Procurador Geral do Município, Micael François, a alteração tem como objetivo intensificar o distanciamento social de forma a evitar aglomerações e a consequente propagação do vírus.

O descumprimento à norma implica pena de apreensão do veículo, além de ser passível de multa no valor de R$50.000,00.

Com 200 respiradores e toneladas de EPIs adquiridos, avião deve pousar em Fortaleza domingo (17)

O Governo do Ceará vai receber, no próximo domingo (17), mais uma carga vinda do Exterior com equipamentos que vão reforçar o trabalho do Estado no enfrentamento à pandemia do coronavírus. O avião deve decolar da China amanhã (16), às 14h, carregado com 103,7 toneladas de material, entre eles 200 respiradores e material de proteção individual para os profissionais que estão atuando na linha de frente ao atendimento de pacientes e na manutenção das regras de isolamento social. O governador Camilo Santana informou via redes sociais, na noite desta sexta-feira (15), a previsão para que a aeronave pouse em solo cearense.

“Vão ser 103,7 toneladas, dessa vez trazendo 200 respiradores para o nosso estado, e mais equipamentos de proteção individual para que a gente possa garantir todos os equipamentos necessários para os nossos profissionais de saúde e também de segurança pública”, disse Camilo.

Ontem, o Estado e a Prefeitura de Fortaleza já tinham recebido 20 respiradores comprados aqui no Brasil. Eles fazem parte de uma carga de 94 aparelhos adquiridos pelas gestões estadual e municipal, com recursos próprios, mas que haviam sido retidos pela União, mas que a Justiça determinou a liberação. Com esses, já são 58 aparelhos do lote de 94 que chegaram ao Ceará. O governador disse que essa tem sido a luta diária para a ampliação dos serviços. “Nós ainda estamos em um curva crescente de casos no Ceará. Há um aumento da demanda de tratamento, principalmente os pacientes mais graves que exigem um leito. Já são quase 70% a mais de leitos de UTI criados nesses quase 50 dias de pandemia aqui no estado”, declarou.

O chefe do Executivo estadual deu outra boa notícia durante sua transmissão pelas redes sociais, dessa vez para as famílias beneficiadas pelo Cartão Mais Infância. O Governo antecipou hoje o pagamento a mais de 47 mil mães que têm crianças de zero a cinco anos e 11 meses. “Nós antecipamos do dia 15 de junho para 15 de maio a parcela mensal do pagamento dessa transferência de renda”, confirmou.

Trabalho coordenado

Camilo Santana também se manifestou sobre a saída do até então ministro da Saúde, Nelson Teich. O gestor estadual pediu que a pasta coloque em prática seu papel, especialmente em um momento tão delicado quanto o atravessado pelo Mundo por conta do coronavírus. “Isso deixa uma insegurança muito grande de enfrentamento dessa pandemia. O Brasil precisa ter uma coordenação geral que possa orientar as ações no país. É o Ministério da Saúde o grande responsável por essas ações sanitária e de saúde pública, que deve sempre se pautar por decisões e orientações técnicas e da ciência, e não por questões políticas e ideológicas. A gente espera que o Ministério da Saúde possa assumir seu papel de coordenação, orientando os estados, definindo protocolos, discutindo o isolamento social, definindo regras. Esperamos que o novo ministro, infelizmente o terceiro diante dessa pandemia, que ele possa liderar e fazer as parcerias com os estado”, enfatizou.

O governador voltou também a destacar os números do Ceará referente ao isolamento social, que em diversas plataformas tem se mantido em primeiro ou segundo lugar, mantendo entre 50% e quase 54% de isolamento. Em Fortaleza, Camilo mostrou gráficos que retratam a situação na capital cearense. “Aqui em Fortaleza, onde implantamos o isolamento social rígido, temos informações da Prefeitura. Na Vila Pery é o menor índice. O Bom Jardim atingiu apenas 31%. Mas ouve um avanço muito significativo. Mostra que estamos melhorando o isolamento social na Capital, mas ainda não estamos com o indicador que almejamos, que é de 70%”, ponderou Camilo.