Ceará ultrapassa 5 mil casos confirmados do novo coronavírus; São 293 mortes pelo vírus no Estado

O estado do Ceará tem 5.121 casos confirmados de Coronavírus. Os dados foram atualizados pela secretaria de saúde do estado, e divulgados pela plataforma IntegraSUS.

O número de óbitos ocasionadas pelo Coronavírus no estado chegou a 293 nesta segunda-feira. No total já são 124 municípios integrando quadro de cidades com casos confirmados.

Já são 19.753 exames realizados para diagnóstico de novos casos. Segundo a plataforma integraSUS, o número de casos sob investigação chegou a 15. 989 no estado.

No Brasil o número de casos confirmados segundo o Ministério da Saúde é de 52.995 com 3.670 mortes.

Coronavírus: Brasil registra 52.995 casos e 3.670 mortes

Dos 52.995 casos diagnosticados, 27.655 pessoas são consideradas recuperadas e outras 21.670 estão em acompanhamento. Informações foram atualizadas até as 14h desta sexta-feira (24)

O Ministério da Saúde registrou 52.995 casos de coronavírus no Brasil e 3.670 mortes até as 14h desta sexta-feira (24), segundo informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde. Nas últimas 24 horas, foram registrados 3.503 novos casos e 357 novos óbitos. Até agora, do total de casos confirmados, 27.655 pessoas são consideradas recuperadas, correspondendo a 52% dos casos diagnosticados e outras 21.670 permanecem em acompanhamento.

Todos os estados brasileiros registram casos e mortes por coronavírus. São Paulo concentra a maior parte das notificações, com 17.826 casos e 1.512 mortes. Rio de Janeiro aparece em segundo lugar, com 6.282 casos e 570 óbitos.

Dos 52.995 casos diagnosticados, 27.655 pessoas são consideradas recuperadas e outras 21.670 estão em acompanhamento. Informações foram atualizadas até as 14h desta sexta-feira (24)

O Ministério da Saúde registrou 52.995 casos de coronavírus no Brasil e 3.670 mortes até as 14h desta sexta-feira (24), segundo informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde. Nas últimas 24 horas, foram registrados 3.503 novos casos e 357 novos óbitos. Até agora, do total de casos confirmados, 27.655 pessoas são consideradas recuperadas, correspondendo a 52% dos casos diagnosticados e outras 21.670 permanecem em acompanhamento.

Todos os estados brasileiros registram casos e mortes por coronavírus. São Paulo concentra a maior parte das notificações, com 17.826 casos e 1.512 mortes. Rio de Janeiro aparece em segundo lugar, com 6.282 casos e 570 óbitos.

Situação do coronavírus no Brasil até hoje – 24.04.2020

  • 52.995 pacientes diagnosticados com COVID-19
  • 3.670 óbitos (7%)
  • 21.670 em acompanhamento* (41%)
  • 27.655 recuperados* (52%)

*estimativas sujeitas a revisão.

Grupos de risco

Pessoas acima de 60 anos se enquadram no grupo de risco, mesmo que não tenham nenhum problema de saúde associado. Além disso, pessoas de qualquer idade que tenham comobirdades, como cardiopatia, diabetes, pneumopatia, doença neurológica ou renal, imunodepressão, obesidade, asma e puérperas, entre outras, também precisam redobrar os cuidados nas medidas de prevenção ao coronavírus.

 

Matagal invade o espaço para caminhadas no anel viário em Juazeiro do Norte

Roberto Bulhões
Pessoas que fazem suas caminhadas diária nas calcadas do anel viário de Juazeiro do Norte, estão solicitando ao Departamento Estadual de Rodovias, (DER) uma capinação urgente nos dois lados das áreas destinadas aos pedestres. Este ano de 2020 o DER  não realizou nenhum serviço no local afetado, dificultado e colocando em risco quem se aventura em realizar suas caminhadas. Inexplicavelmente o setor responsável não se sensibilizou com as solicitações dos prejudicados junto as emissoras de rádio, que agora apelam a imprensa escrita, com fotos que mostram o descaso. Imagens foram feitas e estão sendo enviadas as emissoras de TV. “Isso nada mais é que uma falta de respeito enorme com as pessoas que caminham diariamente neste local”, lamenta o comerciante Francisco Ferreira Santos, 65 anos, que não consegue esconder sua indignação.
Francisco Santos disse ainda que “aqui quando o mato não está invadindo as calçadas, boa parte dos postes fica com suas luminárias apagadas. Tudo isso sem se falar na falta de segurança”, lamenta. Por sua vez a dona de casa Ana Maria Sousa 61 anos, cobra amais respeito com as pessoas que escolheram o anel viário para caminhar. Ela disse que muitas pessoas estão caminhando pela ciclovia, uma vez que o local destinado às caminhadas está coberto pelo matagal nos dois lados. “Caminhar na ciclovia não é correto e, a qualquer momento, pode acontecer um acidente”, afirma Ana Maria, ressaltando que “todos os dias faço minha caminhada no final da tarde e essa foi a primeira vez que vejo o anel viário em total abandono. Tem local que o mato tomou toda calçada e muitas vezes sou obrigada a descer até a pista para depois voltar a calçada”.
Depois de sua inauguração, o anel viário de Juazeiro do Norte, trecho entre a ponte do bairro do Socorro, até a divisa com o Crato, recebia manutenção constantemente. Segundo as pessoas que todos os dias realizam suas caminhadas, estamos no final do mês de abril e nunca mais foi visto ninguém trabalhando, fiscalizando ou realizando pequenos serviços no trecho. O asfalto em alguns locais vem acumulando muita água nos dias chuvosos e os buracos surgem constantemente. Em alguns trechos, os remendos são feitos a toque de caixa, deixando a rodovia igual a uma “colcha de retalhos”.

333 mil Famílias beneficiadas: isenção nas contas de água garante serviço essencial durante a pandemia

A professora de educação infantil Maria de Jesus nunca imaginou que o período de enfrentamento ao coronavírus mudaria tanto a vida e as prioridades na rotina da família. Moradora do bairro Floresta, em Fortaleza, ela foi uma das beneficiadas com a medida adotada pelo Governo do Ceará que isenta o pagamento das faturas da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) para imóveis de padrão básico, que consomem até 10m³ por mês.

Casada e mãe de três filhos, dos quais apenas um ainda mora com ela, Maria de Jesus viu a renda familiar reduzir pela metade quando o marido, motorista de passeios de turismo, parou de trabalhar seguindo às recomendações de isolamento social adotadas pelo governador Camilo Santana.

Para ela, receber a fatura da conta de água zerada, paga pelo Governo do Ceará, foi fundamental diante da situação. “Saber que vamos ter a garantia de um serviço essencial por três meses, independente da condição financeira, não é só um alívio para nossa qualidade de vida, como também para nossa saúde mental, que fica prejudicada quando nos atemos a pensar tanto em dívidas”, destaca a professora.

Assim como Maria de Jesus, outras 333 mil famílias de municípios atendidos pela Cagece no Ceará já receberam, esse mês, a conta de água zerada, com isenção garantida pelas condições de padrão do imóvel e nível de consumo.

Além da isenção de faturamento para imóveis de padrão básico que consomem até 10m³ por mês, a cobrança da tarifa de contingência para imóveis de padrão regular, na capital e municípios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), está suspensa.

Juntas, as duas medidas já beneficiaram cerca de 541 mil famílias até agora. Desse total, aproximadamente 208 mil tiveram a cobrança da tarifa de contingência suspensa na fatura do mês. As duas medidas, adotadas pelo Governo do Ceará no início da crise com o novo coronavírus, valem por três meses.

Com a política pública, o Estado cumpre o papel constitucional de garantir qualidade de vida e segurança da população em meio à pandemia. As medidas possuem impacto direto na garantia da prestação de serviços essenciais para famílias de baixa renda, por exemplo.

Benefício garantido

Do outro lado da cidade, no Planalto Ayton Senna, a vendedora autônoma Ana Paula Coelho também teve a renda comprometida quando decidiu não sair de casa para evitar contaminação pelo coronavírus. Paulinha, como é conhecida no bairro, é vendedora ambulante de roupas e vende, porta a porta, peças para todos os estilos.

A vendedora, que também foi beneficiada com a isenção das faturas da Cagece, diz sentir-se grata com o benefício. “Não é fácil ser autônoma nesse momento. A quarentena está interferindo diretamente na minha renda. Foi um alívio muito grande pegar minha conta de água esse mês e ver que estava zerada. Nós, que somos autônomos, só temos dinheiro se fizermos as vendas, ou seja, não tem dinheiro se não sair de casa. A gente pensa nas contas se acumulando, se preocupa e só consegue agradecer quando chega uma ajuda tão grande quanto essa, uma conta a menos,” agradece.

Ainda em Fortaleza, no bairro Vicente Pinzón, Márcia Rogéria, que ficou desempregada no início da pandemia também já percebe de perto o efeito das medidas adotadas pelo Governo do Ceará. Ela trabalhava como recreadora em um shopping da cidade e teve os serviços dispensados com o encerramento temporário das atividades devido ao coronavírus.

No caso de Márcia Rogéria, que hoje conta apenas com a renda do marido, o benefício chegou em dose dupla. Nos últimos dias ela recebeu isentas as contas de água e energia elétrica. “Fiquei muito feliz quando recebi a conta da Cagece e a de energia zeradas. Foi uma economia muito grande nesse momento, porque também temos que pagar aluguel e outros serviços que não podem faltar. Estamos utilizando o dinheiro que a gente economizou com esse benefício para comprar alimento”, explica Márcia.

No extremo sul do Ceará, no município de Mauriti, Ananda Brilhante, prestadora de serviços autônomos também foi surpreendida com a conta de água zerada. “É um momento muito complicado e, sem dúvida, uma medida muito prudente por parte do governo e da Cagece. Como sou autônoma, a isenção da conta de água foi uma grande ajuda”, relata.

Novos hábitos na relação com a água

Durante o isolamento social, com mais gente em casa, o uso responsável da água é um desafio que muitas famílias precisam ficar atentas. Isso porque o Ceará ainda atravessa um estado crítico de escassez hídrica e, portanto, é importante que a população mantenha hábitos de uso responsável da água, sem deixar de lado a higienização necessária no combate ao coronavírus.

A contrapartida da população vem de pequenos e novos hábitos na relação com água que é consumida em casa. Débora Teixeira, tatuadora e ilustradora, mora com a família no bairro Passaré, em Fortaleza. Ela conta que o benefício da isenção da conta de água deixou a família mais tranquila e reconhece a importância do uso responsável da água.

“Quando recebemos o benefício ficamos mais tranquilos. Mas sabemos que ele só foi possível porque conseguimos manter o consumo dentro do padrão de 10 m³. Aqui em casa já fazíamos uma economia bacana. Até porque, esse cuidado com o uso da água é algo que construímos ao longo de anos”, ressalta a tatuadora.

Débora mora em um apartamento com o marido e duas crianças, filhos do casal. Diariamente, a tatuadora adota medidas simples e que fazem toda a diferença no consumo de água, como explica a tatuadora. “Aqui em casa, 80% da água de lavagem das roupas é reutilizada. Durante a quarentena, por exemplo, como estamos sempre em casa, diminuímos as roupas de uso diário, optando por peças mais leves que permitam lavagens mais econômicas, explica”.

Na casa da professora Maria de Jesus, os cuidados com o consumo de água também estão à vista o tempo inteiro. “Aqui em casa economizamos água de várias formas. Primeiro, temos organizado por escrito os dias da semana de lavar roupas. Só lavamos quando acumulam peças. A água do enxágue, por exemplo, vai para lavagem do quintal, do banheiro e da parte mais externa na casa, inclusive para descarga, uma vez que não acionamos a caixa acoplada do vaso sanitário de maneira nenhuma. É esse tipo de cuidado que nos permite usar apenas 8 metros cúbicos de água por mês, há vários anos, ensina.

Após empate, Darlan Lobo aprova investigação de demissões na saúde em Juazeiro

Durante sessão ordinária virtual, nesta quinta-feira (23), a Câmara Municipal aprovou a abertura de investigação das denúncias de demissões, sem justa causa, no hospital São Lucas e Upa em Juazeiro do Norte. Os equipamentos são administrados pela Aceni (Associação das Crianças Excepcionais de Nova Iguaçu). A votação terminou empatada, 7 a 7, e com voto de minerva, Darlan aprovou o requerimento e ressaltou que diante da pandemia a fiscalização deve acontecer de forma mais intensa.

Os vereadores cobram do Secretário de Saúde e do prefeito Arnon Bezerra, informações sobre funcionários que trabalham a cerca de 20 anos no Hospital e foram demitidos sem aviso prévio e justa causa, o mesmo aconteceu na UPA do bairro Limoeiro. Os funcionários terceirizados alegam que estariam sendo perseguidos, e que “em um momento tão difícil, no combate ao Coronavírus,quanto mais funcionários, melhor.”

Na ocasião, o presidente Darlan Lobo cobrou mais uma vez da gestão, os valores arrecadados e gastos até aqui para o combate à doença, as contratações efetuadas com licitação e dispensa de licitação, além do cronograma e planejamento de ações para o combate da COVID-19.

“É um momento difícil para toda a população, tem gente sofrendo e morrendo na porta de hospitais, nos jornais as notícias são sempre preocupantes e alarmantes, por isso, temos solicitado constantemente mais transparência da gestão municipal, e mais detalhes sobre as ações pensadas para nosso município”, enfatizou Darlan.

Avenida Padre Cícero é parcialmente interditada por causa da obra do Anel Viário

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

O trecho da Avenida Padre Cícero, na altura do teleguincho, Crato está parcialmente bloqueado nesta sexta-feira em virtude da execução do serviço de concretagem nas obras do viaduto do Anel Viário. Com a interdição, motoristas que trafegam pela avenida com sentido ao Crato estão tendo que pegar desvio. Desde cedo o Detran instalou cones no local para orientar os condutores sobre a mudança no percurso.

De responsabilidade da Superintendência de Obras Públicas (SOP), as obras do Anel viário do Cariri contemplam a duplicação de 6,84 km de rodovia, além do viaduto, obras de drenagem e bueiros, sinalizações horizontal e vertical e proteção ambiental.

O investimento nesta etapa é de R$ 38.668.421,54, com recursos do Governo do Ceará e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). A previsão é que a obra seja entregue até o início do segundo semestre deste ano, melhorando o fluxo de veículos na região e encurtando distâncias para acessar universidades e serviços públicos.

Juazeiro do Norte: Fila por merenda escolar dá a volta no quarteirão

Em busca dos kits de merenda escolar distribuídos pela prefeitura de Juazeiro do Norte, dezenas de pessoas formaram uma longa fila na tarde desta sexta-feira (24) na calçada da escola João Alves de Figueiredo, na avenida Castelo Branco.

Cada kit está avaliado em R$ 86,38, sendo composto por 16 itens do cardápio da alimentação escolar. Desde quando começaram as entregas, os alimentos estão sendo distribuídos nas próprias escolas, mesmo com a possibilidade de aglomerações, o que contraria as recomendações dos órgãos de saúde federal, estadual e municipal.

Dicas de filmes e livros: a importância do entretenimento de qualidade durante a pandemia

O lazer é fator fundamental e também considerado válvula de escape associado à saúde mental da humanidade. A mente necessita relaxar, especialmente abstrair as informações negativas do dia a dia, para poder atravessar um momento de complexidade de ordem mundial gerado pela pandemia da Covid-19.

No Cariri, os gestores de cultura do Sesc entendem bem esta necessidade. Entre longas atividades na elaboração de programações culturais deste período, reunindo diversos artistas e lives de apresentações, Sérgio Magalhães (supervisor de cultura do Sesc Juazeiro do Norte) e George Belisário (supervisor de cultura do Sesc Crato) sabem aproveitar bem o tempo de lazer que possuem. Os técnicos dão dicas de filmes e livros que podem ser grandes aliados nos momentos da pausa necessária de entretenimento durante o isolamento social.

No quesito filmes, Sérgio Magalhães indica três disponíveis pela Netflix:

1 – Série: Nada Ortodoxa

Desse ano de 2020, que revela a história de uma menina/mulher nascida e criada em comunidade ortodoxa judaica em Nova York. Com o desenrolar da história, ela foge para Berlim, sua cidade natal, onde vai em busca de liberdade após um casamento arrumado pela família em Nova York. “Gostei muito porque trata de uma busca a partir do lugar de fala dela enquanto mulher judia em busca de liberdade. Vale muito a pena assistir, principalmente por se tratar de uma história sobre mulher e o seu lugar na sociedade num contexto totalmente patriarcal”, relata Sérgio.

2 – Filme: O Poço

Filme de 2019, a trama se passa em uma prisão, com uma grande plataforma onde a comida é distribuída de forma vertical, subindo e descendo. São várias prisões com diversos presos dentro. “Gostei muito da história porque é algo bem atual, que se pode comparar com a sociedade de hoje no mundo inteiro, um paralelo comum e bem específico, em que o autor faz alusão ao livro Dom Quixote (Miguel de Cervantes) quanto a Bíblia”, analisa Sérgio. A busca dos personagens é sair desse poço e a chave para isso pode estar nas suas próprias atitudes.

3 – Série: A Vida e a História de Madam C.J. Walker

Uma séria curta que fala sobre a vida da primeira negra americana que conseguiu ergue um império por conta própria, tornando-se a primeira bilionária do mundo trabalhando com produtos de beleza para cabelos crespos. “A série é muito boa, sobretudo, porque se trata de uma mulher que está lutando dentro de uma sociedade machista, rodeada de homens poderosos, para poder se sobressair como empresária, e tudo só depende dela mesmo para erguer o seu império. Também outros elementos bem pertinentes no filme que hoje são bem presentes além de ser uma história de superação”, define o gestor de cultura do Sesc Juazeiro do Norte.
Livros indicados por George Belisário:

1 – De leitura rápida e fácil, “Ideias para adiar o fim do mundo”, de Ailton Krenak, é um livro pequeno na sua estrutura, porém “gigante em conteúdo”, como enfatiza e indica o supervisor de cultura do Sesc Crato. Conforme a sinopse, o livro traz uma parábola sobre os tempos atuais de um dos maiores pensadores indígenas. “É um exemplar maravilhoso. Ideal para podermos refletir um pouco sobre tudo que está acontecendo com aquilo que chamamos de civilização”, destaca Belisário.

2 – Primeiro livro da série tetralogia napolitana, de Helena Ferrante, “A Amiga Genial” nos conta a história da vida de duas amigas, Lenu e Lila. Se passa em Nápoles, na Itália dos anos 60. Traz assuntos relacionados à mulher, casamento, família, escolhas profissionais, filhos. “Super indico o livro dessa grande escritora italiana. Um belíssimo romance, muito bom de se apreciar”, comenta George.

3 – Romance histórico, do autor José de

Almeida Júnior “O homem que odiava Machado de Assis”, é a terceira indicação de Belisário. “Muito gostoso de ler, bom para descontrair um pouco nesse período de pandemia, usufruindo do tempo disponível durante o isolamento, e ainda conhecer um pouco sobre a figura de Machado de Assis e sua vida, claro que, a parir de uma história reinventada. Curiosidades do Brasil colônia e tudo mais que acontecia naquela época com o olhar bem divertido. Vale super a pena a leitura”, pontua o gestor de cultura do Sesc Crato

Juazeiro terá mais 30 leitos para covid-19 ainda em abril

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

A Secretaria da Saúde de Juazeiro do Norte pretende entregar mais 30 leitos exclusivos para pacientes com a Covid-19 até o fim de abril. As vagas estão sendo montadas nas instalações da Unidade de Pronto Atendimento do bairro Lagoa Seca.

Segundo a pasta, o local também vai contar com uma ala de tratamento semi-intensivo, que terá quatro leitos equipados com respiradores.

Atualmente a rede municipal de Saúde de Juazeiro possui 30 leitos de enfermaria para tratar casos da Covid-19. Todos no Hospital Maternidade São Lucas. Cinco deles estão ocupados.

Até o início de maio, a Secretaria pretende iniciar a construção de um hospital de campanha no centro multiuso vapt-vupt. Serão criados 128 leitos de enfermaria para atender casos de média e baixa complexidade.

Postos de saúde do SUS terão consulta virtual

Plataforma on-line vai possibilitar que os profissionais dos postos de saúde façam teleconsultas médicas, de enfermagem e multiprofissionais. Foco são os pacientes crônicos

Pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) poderão ter consultas virtuais nos postos de saúde da Atenção Primária, a partir do mês que vem. A iniciativa permitirá que profissionais de saúde tenham acesso a uma plataforma para realização de consultas virtuais médicas, de enfermagem e multiprofissionais, no âmbito da Atenção Primária. O Consultório Virtual é mais uma das estratégias do Ministério da Saúde para diminuir a propagação do novo coronavírus e levar assistência à população, além de investir em soluções de telemedicina e telessaúde.

A ferramenta on-line servirá para que os profissionais de saúde consigam fazer as teleconsultas, dando continuidade ao cuidado de pacientes com hipertensão e diabetes, entre outras condições, de forma ágil, cômoda e segura. Cerca de 20 mil médicos e enfermeiros que atuam nas unidades de Saúde da Família de todo país terão acesso e treinamento para a navegação no sistema. Eles também contarão com manutenção e suporte técnico 24 horas por dia. Os profissionais que aderirem receberão, gratuitamente, certificação para a prática de telemedicina e telessaúde.

A plataforma do Consultório Virtual é mais uma ação entre os serviços do TeleSUS. A população já conta com atendimento pré-clínico por telefone, chat on-line e aplicativo, sendo possível ser acompanhada e monitorada de forma remota nos casos suspeitos de COVID-19. Para os profissionais de saúde está disponível um canal telefônico para tirarem dúvidas com outros profissionais e esclarecerem diagnósticos.

O Consultório Virtual é uma parceria entre a Secretaria de Atenção Primária à Saúde (SAPS) com o Hospital Albert Einstein, por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS) e o valor previsto para execução é de R$ 4,023 milhões.

Para o secretário Nacional de Atenção Primária à Saúde, Erno Harzheim, a telemedicina e a telessaúde podem auxiliar na expansão da capacidade de atendimento da rede de serviços prestados na Atenção Primária. “Investir em tecnologia é uma estratégia eficiente para diminuir a propagação do vírus e para minimizar os impactos indiretos causados pela pandemia, como o adiamento de atendimentos relacionados a outras doenças, principalmente as crônicas”, ressalta Harzheim.

Com os serviços do TeleSUS, a população pode receber atendimento e tirar dúvidas sobre os sinais e sintomas da COVID-19 sem sair de casa. Com o Consultório Virtual da Saúde da Família os pacientes poderão dar continuidade ao acompanhamento de condições crônicas e outros problemas com as equipes que já os conhecem e com quem tem forte relação de cuidado. “Países que estão obtendo maior êxito no combate à infecção pelo novo coronavírus utilizam estratégias de telemedicina e telessaúde como instrumento central de identificação, orientação, atendimento e acompanhamento de casos”, explicou o secretário da SAPS.

A recomendação é que, por meio das consultas remotas, durante a Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN), se evite, sempre que possível, a exposição da população e dos profissionais de saúde ao vírus. O projeto, além de viabilizar a plataforma de Consultório Virtual, vai dar segurança a todos, ao permitir assinatura com certificação digital do ICP-Brasil para os médicos da Atenção Primária. A primeira versão da plataforma estará inicialmente disponível para os médicos, com expansão para os enfermeiros e equipe multiprofissional, na segunda quinzena de maio.

Operacionalização

A plataforma permitirá aos médicos e profissionais da Atenção Primária registrar a consulta a distância, emitir atestados e receitas e enviar endereço eletrônico para videoconferência com seus pacientes. Os dados serão validados e o suporte da plataforma fará contato, por e-mail ou telefone, para a emissão da certificação digital, que será gratuita e com validade de cinco anos. Para proteção do profissional, a certificação será realizada a distância, em razão da Medida Provisória nº 951, de 15 de abril de 2020. O projeto prevê também, nos próximos meses, a disponibilização de aplicativo e endereço eletrônico para agendamento virtual, acesso às informações clínicas, atestados e receitas.

A teleconsulta se dará pelo canal com que o paciente tenha mais afinidade, podendo ser realizada por telefone ou videoconferência. A escolha pelo tipo de modalidade de atendimento está condicionada à situação clínica, e a decisão cabe ao profissional e à pessoa a ser atendida. Ao final do atendimento, o paciente receberá no seu e-mail o desfecho da consulta e pesquisa de satisfação. O cidadão poderá solicitar o atendimento por demanda espontânea ou programada, fazendo uma solicitação de agendamento de consulta a distância para a equipe de saúde normalmente responsável por seu atendimento.