LOGO-NEWS-CARIRI

UFCA cede laboratório e equipamentos para acelerar diagnósticos de Covid-19 no Cariri

Foto: divulgação Famed/UFCA Fonte: https://ufca.edu.br

Publicidade

A Universidade Federal do Cariri (UFCA) disponibilizou ao Governo do Ceará equipamentos para reforçar o diagnóstico de Covid-19 no Cariri. O Laboratório Central de Saúde Pública de Juazeiro do Norte (Lacen regional) foi formalmente comunicado na manhã desta última quinta-feira, 26 de março. Os equipamentos, um termociclador e um RT-PCR (polymerase chain reaction, ou “reação em cadeia da polimerase em tempo real”, em tradução livre), que analisam amostras de pacientes possivelmente com o novo coronavírus, estão atualmente em um laboratório da Faculdade de Medicina (Famed/UFCA), em Barbalha, já calibrados e em local descontaminado. As autoridades estaduais precisam apenas disponibilizar os kits de testagem e deslocar os profissionais até a Universidade para manuseio dos equipamentos.

Atualmente, conforme o diretor da Famed/UFCA, Cláudio Gleidston, os testes para Covid-19 no Ceará estão centralizados no Lacen de Fortaleza, que dispõe apenas de um equipamento para diagnóstico. Para reforçar a capacidade de testes do estado, a Universidade Federal do Ceará (UFC) cedeu dois dos seus equipamentos, que servem habitualmente ao Laboratório de Citogenômica do Câncer do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos (NPDM) da UFC e ao Centro de Diagnóstico de Enfermidades de Organismos Aquáticos (Cedecam).

Com a cessão do equipamento da UFCA, é possível que o Lacen regional consiga realizar os diagnósticos no Cariri, evitando o deslocamento das amostras até Fortaleza.

Conforme o boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), do dia 26 de março de 2020, já foram notificados 4.605 casos de Covid-19 no estado. Destes, apenas 238 (5,2%) já foram descartados, estando quase 90% das notificações, ou 4.129 no total, ainda em investigação. As confirmações ocorreram em sete municípios, entre os quais está Juazeiro do Norte, com um caso confirmado. Dentre os pacientes confirmados com Covid-19 no Ceará, 21 estão hospitalizados, 12 deles em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Já o país registrou, até ontem, 26 de março, 2.915 casos confirmados e 77 mortes por Covid-19.

11 medidas da UFCA para ajudar no enfrentamenteo ao Covid-19

A medida de cessão do referido laboratório compõe a lista de 11 ações de suporte a que se propõe a UFCA, no contexto de enfrentamento do Covid-19, encaminhada ao Ministério da Educação pelos ofícios Nº 57/2020/GR/UFCA e Nº 58/2020/GR/UFCA, em resposta ao ofício-circular Nº 4/2020/CGPO/DIFES/SESU/SESU-MEC. O comunicado do MEC reivindicou das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) um plano de ações de apoio ao enfrentamento ao Covid-19.

Além de ceder seus equipamentos para diagnóstico, a UFCA se colocou à disposição das autoridades para apoiar o enfrentamento ao novo coronavírus:

1 – Com a oferta de seus profissionais médicos para reforço da rede pública de saúde (muitos já vinculados a ela);

2 – Com a manutenção do Serviço de Verificação de Óbito (SVO – único do Cariri);

3 – Com a manutenção do programa de Residência Médica;

4 – Com o apoio de profissionais de Comunicação (assessorados pelos profissionais de saúde da Universidade), para a produção de materiais educativos;

5 – Com a produção de insumos sanitários (como máscaras cirúrgicas, álcool 70% e sabão líquido);

6- Com a disponibilização dos espaços da Universidade e dos veículos oficiais para atividades de enfrentamento de órgãos parceiros;

7 – Com a oferta de cursos livres online para a população em distanciamento social;

8- Com a oferta dos serviços online de Psicologia aos estudantes da UFCA;

9 – Com a disposição da expertise científica do corpo docente e dos alunos de pós-graduação da UFCA no enfrentamento ao vírus

10 – Com a destinação prioritária de insumos e de materiais educativos à população hipossuficiente dos municípios do Cariri.

Termociclador e RT-PCR

De acordo com o diretor da Famed/UFCA, o chamado termociclador qualifica o que há em um material biológico, atestando simplesmente a presença (ou não) de agentes patológicos procurados pelos reagentes específicos. Já o RT-PCR, além de identificar o patógeno buscado, é capaz de demonstrar quantitativamente a sua presença: “O termociclador consegue testar cerca de 6 amostras simultâneas, em aproximadamente 8h. Já o RT-PCR amplia a capacidade de testagem simultânea para algo em torno de 20 amostras. Como esse exame demanda muitos reagentes e, até ontem, o Lacen só dispunha de um equipamento para testagem, então o laboratório vem esperando o acúmulo de algumas amostras para a execução do exame”, detalha.

Até 25 de março de 2020, 413.467 casos de Covid-19 haviam sido confirmados em todo o mundo. Deles, quase 41 mil foram notificados apenas em 25 de março. O total de óbitos por Covid-19 no mundo chegou a 18.433. Desses, pouco mais de 2 mil foram registrados apenas nas 24 horas anteriores à publicação do boletim da Sesa. Os três primeiros casos confirmados no Ceará foram divulgados no último dia 15 de março, pela secretaria.

Em meio à pandemia, os testes para detectar a presença do novo coronavírus – demorados e caros – são um gargalho para a supressão da doença. A Alemanha, que dispõe de um dos melhores sistemas de saúde do globo, vem conseguindo fazer 500 mil testes por semana, o que contribui para que o país europeu tenha uma das menores taxas de letalidade por Covid-19 do Velho Continente, pelo fato de o alastramento da doença ser melhor dimensionado.

Já no Brasil, a capacidade é inferior a 7 mil testes por dia, segundo o Ministério da Saúde. Assim, se a capacidade de testagem for ocupada por pessoas com sintomas leves, o tratamento de casos graves se torna inviável.

Para enfrentar o gargalo da testagem, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, no último dia 19, os primeiros oito kits específicos para o diagnóstico de Covid-19. Segundo a agência, “os novos produtos são testes rápidos voltados para uso profissional e permitem a leitura dos resultados, em média, em 15 minutos. Os dados devem ser interpretados por um profissional de saúde, com auxílio de informações clínicas do paciente e de outros exames”. Ontem, vieram novas seis aprovações, totalizando 17 testes para facilitar o diagnóstico do novo coronavírus no Brasil.

Serviço Faculdade de Medicina (Famed/UFCA) R. Divino Salvador, 284 – Alto do Rosário, Barbalha – CE famed@ufca.edu.br

Fonte: https://ufca.edu.br

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas