Câmara de Crato encerra ano com avaliação positiva das ações

Câmara de Crato encerra ano com avaliação positiva das ações

Com as atividades parlamentares da última segunda-feira,17 e terça-feira,18, a Câmara Municipal de Crato, encerrou as sessões ordinárias do ano de 2018, no Plenário Paulo Bezerra. O parlamento entra em recesso e retorna aos trabalhos em fevereiro de 2019.

Em nome de todos os parlamentares, o Vereador presidente da casa, Florisval Coriolano, PRTB, destaca o compromisso e a seriedade da câmara do Crato com o desenvolvimento do município. Para o presidente da casa, o ano foi bastante positivo pela aprovação de diversos Projetos de Lei que beneficiam diretamente a população.

O parlamentar agradeceu a colaboração de todos os vereadores, que desempenharam suas funções nas comissões permanentes da casa e aos servidores que colaboraram de forma direta com a condução dos trabalhos na casa Legislativa. Agradeceu a população, que sempre acompanhou as sessões ordinárias e extraordinárias .

Para estreitar a relação entre Poder Legislativo e o povo, foram realizadas diversas audiências públicas, afim de discutir com a comunidade os principais assuntos da cidade. Foram mais de 220 requerimentos aprovados, 71 projetos de lei e 36 projetos de resolução aprovados na casa.

Governo ultrapassa marca de 15 mil militares promovidos em apenas quatro anos

Nesta sexta-feira (21), 1.755 policiais e bombeiros militares foram promovidos, em solenidade no Centro de Eventos do Ceará
O governador Camilo Santana sancionou, em 2015, a lei de sua autoria que permite o fluxo contínuo nas carreiras das corporações. Uma reivindicação histórica das forças militares do Estado. Desde então, nos últimos quatro anos, o Governo do Ceará efetuou a promoção de 15.128 profissionais, entre policiais e bombeiros militares. A marca foi alcançada nesta sexta-feira (21), quando mais 1.755 ascenderam na carreira em cerimônia realizada no Centro de Eventos do Ceará.

A solenidade envolveu promovidos de todas as regiões do Estado, sendo 1.688 policiais e 67 bombeiros. Destes, serão 1.616 promovidos administrativamente e outros 139 na modalidade “promoção requerida”, por meio da qual os militares entram com o processo de reserva e se aposentam com uma patente acima da que desempenhavam – outra conquista da nova lei de 2015.

Diante dos profissionais beneficiados e de seus familiares presentes, o governador Camilo Santana destacou o empenho diário dos policiais e dos bombeiros pela garantia da segurança da população cearense. O chefe do Executivo também garantiu que o Estado continuará investindo em melhorias fundamentais para a corporação.

width=

“Eu tenho muita honra de, no meu governo, já no primeiro ano, ter aprovado a nova lei de promoções para a Polícia Militar e para o Corpo dos Bombeiros, depois a nova carreira da Polícia Civil. Estamos reestruturando o sistema de Segurança Pública, e a valorização do policial é uma forma de reconhecer o seu papel. Antes, o militar muitas vezes demorava 15 ou 20 anos para conquistar uma promoção. Hoje eles já sabem, desde que entram na corporação, a data que serão promovidos.”

Também acompanharam o evento das promoções a vice-governadora e coordenadora do Pacto por um Ceará Pacífico, Izolda Cela, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, além de autoridades policiais e lideranças políticas.

Para o secretário André Costa, a vitória de cada militar é resultado de políticas públicas que pensam na Segurança Pública com olhar humano e focado em assegurar boas condições de trabalho aos policiais e bombeiros.

“A gente investe bastante em tecnologias, olha muito a questão da logística. Garantimos viaturas, armamentos para os nossos policiais. Estamos melhorando as bases, reformando destacamentos no Interior, construindo novas delegacias. Mas, mesmo diante de tudo isso, a gente sabe que o mais importante é o nosso capital humano. São para os nossos profissionais que temos o nosso principal olhar e principal cuidado. São eles que mantêm a segurança das pessoas nas ruas”, disse o titular da SSPDS.

Orgulho e motivação

width=

Com mais de 10 anos de serviço na PM, Cláudia Riveli diz que ganha novo fôlego e mais motivação para o ofício que desempenha. Nesta sexta-feira, ela foi promovida a capitã. “Isso foi muito importante para os oficiais e para os praças. Eu já esperava essa conquista há algum tempo e ela agora chega num momento muito importante. Hoje todos temos um incentivo a mais para continuar trabalhando dando o nosso melhor.”

Marcio Ferreira entrou na Polícia Militar em turma formada em 1998. Ao longo de sua carreira de duas décadas, foi extensa a luta para subir de patente. Mas em 2015 tudo mudou: apenas nos últimos quatro anos, ele recebeu duas promoções, e hoje é primeiro sargento. “Esperamos muitos anos para sermos promovidos pela primeira vez. Por isso, essa lei veio para melhorar e muito a nossa situação. Estamos por merecimento recebendo esta promoção.”

Lei muda perfil das corporações

Assinada pelo governador Camilo Santana em 22 de abril de 2015, a lei que permite as promoções foi aprovada por unanimidade pelos deputados e sancionada no dia 25 de maio, durante a solenidade de comemoração dos 180 anos da Polícia Militar do Ceará. A medida institui um fluxo regular e automático na carreira dos oficiais e praças estaduais. Apenas em 2015, o total de promovidos foi de 8.891 militares, se transformando na maior da história das duas corporações, com 10 cerimônias realizadas em nove cidades: Fortaleza, Sobral, Crateús, Canindé, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Iguatu, Russas e Quixadá. Apenas 29 militares seriam beneficiados naquele ano caso a nova lei não tivesse sido proposta.

Ciclo de Reis – Edição 2018 tem início nesta sexta-feira (21) com grande Cortejo

O Ciclo de Reis – Edição 2018 tem início nesta sexta-feira, 21, com um grande cortejo envolvendo 45 grupos da tradição popular entre lapinhas, reisados, bandas cabaçais, coco, maneiro-pau e bacamarte.

Os grupos e seus brincantes percorrerão a Rua São Pedro desde a Praça Dirceu de Figueiredo – Praça da Prefeitura, passando pela rua São Francisco até o largo do Memorial Padre Cícero. A concentração terá início às 16h.

A programação do Ciclo de Reis prosseguirá no sábado, 22 com a realização da terreirada do Mestre Antônio Bagaceira (Reisado de São Jorge), na rua Manoel Tavares Lopes, 3199, no bairro Frei Damião. Haverá também a terreirada do Mestre P1 (Reisado Frei Damião), na Rua Maria Diva de Carvalho, 12ª , no Bairro Triângulo.

Ao todo, serão 17 dias de programação totalmente gratuita. O Encerramento se dará com outro grande cortejo no dia 06 de janeiro, quando haverá a tradicional queima das lapinhas. A programação pode ser consultada no site www.juazeiro.ce.gov.br.

Confira o roteiro de festas de Natal em Fernando de Noronha

Moradores e turistas de Fernando de Noronha podem escolher entre várias opções para jantar na noite de Natal, na segunda-feira (24). A Pousada Zé Maria, o Bar do Cachorro e o Ginga Bar oferecem jantar com cardápio especial.

No Bar do Cachorro, o forró abre espaço para a ceia. Na entrada, os clientes contam com uma série de opções, entre elas ceviche. O prato principal incluiu risoto de peru, filé suíno e camarão na moranga. As sobremesas terão doces e pudim de amêndoas. Quem participar da ceia também recebe uma taça de espumante. O valor da ceia é de R$ 250, não incluindo o serviço de 10%.

O Ginga Bar, localizado no Bosque Flamboyant, é outro estabelecimento com ceia de Natal. São seis opções de entrada, entre elas pastel de camarão. Entre os pratos principais há o tradicional peru recheado e bacalhau à Gomes de Sá. Nas opções de sobremesa, o cliente pode contar com rabanada. O valor é de R$ 268 e não inclui bebidas nem serviço.

Já na Pousada Zé Maria, o banquete conta com entradas, como damasco recheado e saladas. Os pratos principais têm carnes, frutos do mar e massas, entre eles pernil, bacalhau e penne com lascas de lagosta. O valor do jantar é R$ 298 e não inclui bebidas e serviço.

Fonte: G1

Crédito consignado a aposentados cresce 20% em 2018

Aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) estão pegando mais empréstimos com pagamento diretamente na folha. Segundo o Banco Central, o crédito consignado a aposentados cresceu 20,3% de janeiro a outubro.

O limite para esse tipo de contrato é de 30% do valor do benefício, para empréstimo pessoal, e outros 5% para o cartão de crédito.

Como o limite de parcelas é de 72 e o segurado pode pegar mais de um contrato ao mesmo tempo, são anos de comprometimento de um benefício cujo valor médio é de R$ 1.076,42, entre as aposentadorias por idade, e de R$ 2.174,96, por tempo de contribuição.

A alta nos preços de bens de consumo, agravados neste ano com dólar, combustíveis e energia elétrica caros, aceleraram a distância entre o padrão de vida dos brasileiros antes e depois de se tornarem aposentados.

Com isso, um período que tradicionalmente já é de adaptação fica mais caótico, explica o educador financeiro Reinaldo Domingos. “Tudo aumentou muito mais do que a aposentadoria. Com a defasagem, abre-se um buraco de necessidade.”

Domingos destaca que o momento em que o aposentado pega o primeiro contrato já deve ser um alerta da necessidade de uma readequação à nova realidade financeira. “Seu benefício é R$ 1.000 e não estava dando para pagar tudo. Você pega um empréstimo para resolver essa situação. Agora, não tem mais R$ 1.000 por 36, 60 meses. São muitos anos vivendo com R$ 700”, explica.

“Portanto, sem uma faxina financeira, o risco de entrar num ciclo sem fim é muito grande”, afirma.

Em novembro, 5,8 milhões de idosos a partir de 65 anos estavam negativados, segundo pesquisa do SPC. Com informações da Folhapress.

Fonte: notícias ao minuto

Gigante belgo-brasileira inicia pesquisa de bebidas com maconha

Anheuser-Busch InBev, empresa belgo-brasileira de bebidas e cervejas formada em 2004 pela fusão da belga Interbrew e da brasileira Ambev, assinou contrato com a canadense Tilray para desenvolver produtos não alcoólicos com tetraidrocanabinol e cannabidiol. Foi o primeiro passo da maior cervejaria do mundo neste mercado.

De acordo com o “Meio&Mensagem”, cada empresa planeja investir mais de US$ 50 milhões na parceria, que ficará restrita ao Canadá, país que tem o uso recreativo da maconha legalizado há dois meses. A AB InBev deixará a sua subsidiária canadense, a Labatt, à frente do projeto.

“Pretendemos desenvolver uma compreensão profunda de bebidas não alcoólicas contendo THC e CBD que norteará futuras decisões sobre potenciais oportunidades comerciais”, afirmou Kyle Norrington, presidente da Labatt, em comunicado à imprensa. 

Vale ressaltar que a Coca-Cola também investe no mercado de bebidas à base de maconha.

Fonte: notícias ao minuto