LOGO-NEWS-CARIRI

Estudantes de design criam baralho interativo ilustrado com ícones de Alagoas

Cartas ilustradas com temáticas alagoanas atraem pela diversidade e colorido (Foto: Waldson Costa/G1)

Publicidade

Um baralho diferente, que serve como objeto de diversão e decoração capaz de estimular o aprendizado sobre personagens, fatos históricos e curiosos de Alagoas, é a mais nova criação dos estudantes do curso de design da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Rubens Santos e Catarina Novaes.

Desafiados a criarem um objeto souvernir kitsch (espécie de produto que mantém em si a função para que foi desenvolvido) para a disciplina História do Designer, eles produziram o jogo de cartas com a temática Desembaralha Alagoas.

Educativo e interativo, o Desembaralha Alagoas é um projeto que envolve um baralho físico com 54 cartas – sendo 52 entre naipes e números e 2 coringas – que possui interação direta com uma página na internet onde constam informações sobre as ilustrações e os ilustradores.

Confira aqui a página do projeto Desembaralha Alagoas

“Cada uma das imagens que ilustram as cartas fazem referência a um ícone de Alagoas. A ideia é que as pessoas brinquem com o baralho e ao se interessarem pelas imagens vasculhem no site a representação. Lá estar tanto os dados sobre a imagem como dos ilustradores”, conta Rubens Santos.

Nas ilustrações das cartas dos baralhos estão representados algumas personalidades de Alagoas, a exemplo dos músicos Djavan e Hermeto Pascoal, dos escritores Graciliano Ramos, Lêdo Ivo e do dicionarista Aurélio Buarque de Holanda; como também imagens dos folguedos e de outros elementos representativos do estado como a Mulher da Capa Preta, o Sururu, o Farol da Pajuçara, a Garça Torta e a Sereia do Mirante.

“Com a ideia definida convidamos amigos ilustradores para fazerem suas representações. Participaram do projeto colaborando gratuitamente 17 ilustradores que utilizaram técnicas diversas de desenhos que vão de produção feita a grafite à pintura digital, de aquarela e nanquim à tipografias e renderização em 3D”, explica Catarina Novaes.

Fonte: G1

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas