Incêndio em pátio de empresa de ônibus em Salvador destrói ao menos 62 coletivos

Ao menos 62 ônibus do transporte público de Salvador foram destruídos por incêndio durante a madrugada desta segunda-feira (29). As chamas atingiram os coletivos que estavam na garagem da empresa CSN, localizada na Avenida Santiago de Compostela, no Parque Bela Vista, por volta de 1h da madrugada. Além disso, outros 16 coletivos foram parcielamente queimados.

A empresa faz parte da concessionária Integra Salvador Norte, que opera na orla da capital baiana, com ônibus que atendem especialmente às regiões da Boca do Rio, Nordeste de Amaralina, Pituba, Vale das Pedrinhas e Itapuã.

O prejuízo, segundo o secretário de Mobilidade Urbana, Fábio Mota, é calculado em cerca de R$ 20 milhões. Já Marcelo Santana, diretor da CSN, afirmou que o levantamento ainda está sendo feito, mas que eles acreditam que o prejuízo fique entre R$ 8 milhões e R$ 12 milhões.

Durante parte da madrugada, as chamas podiam ser vistas de longe e uma fumaça espessa se espalhou pela região. Foi possível ouvir diversas explosões.

Uma mulher, funcionária da empresa, foi atendida pelos bombeiros por conta da inalação da fumaça, mas não precisou ser encaminhada para o hospital.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, as chamas foram apagadas por volta das 4h25. Sete viaturas foram enviadas ao local do incêndio.

Segundo o Sindicato dos Rodoviários de Salvador, a Secretaria de Mobilidade de Salvador havia contabilizado, inicialmente, que 48 ônibus tinham sido queimados, com base em informações dos aparelhos de GPS dos veículos. Entretanto, o sindicato aponta que havia coletivos que estavam com o GPS desligado e que, por isso, o número real de ônibus destruídos subiu para, ao menos, 62.

Por meio de nota, a empresa CSN disse que todas as providências já estão sendo tomadas para normalizar a operação.

Ainda não há confirmação sobre o que causou as chamas, mas informações iniciais apontam que o incêndio começou em um veículo e se espalhou para os demais, que estavam estacionados no pátio da empresa.

De acordo com o secretário de Mobilidade Urbana de Salvador, Fábio Mota, veículos extras já foram colocados na rua na manhã desta segunda-feira, mas a pasta ainda não tem detalhes de quantos ônibus estão substituindo os que foram queimados.

“Vamos trabalhar muito para amanhã [terça-feira] normalizar o sistema de transporte da cidade”, prometeu o secretário.

Fonte: G1 Nordeste

Acessibilidade de pessoas com deficiência será tema de evento em Petrolina

Pessoas com deficiência terão a oportunidade de discutir questões relacionadas à acessibilidade durante um encontro no dia 21 de fevereiro, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. As inscrições começam nesta segunda-feira (29) e seguem até o dia 16 de fevereiro. Os interessados podem se inscrever presencialmente, das 8h às 16h, no Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam), ou através de telefone ou e-mail.

O objetivo principal do evento é identificar as dificuldades de acesso enfrentadas pelas pessoas com deficiência, no município. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos de Petrolina, “a principal dificuldade de acesso [em Petrolina], ainda é a ausência de rampas ou obstrução em calçadas”.

O encontro será mediado pela secretária-executiva da mulher e acessibilidade de Petrolina, Talita Andrade, e também contará com a participação de Paula Figueiredo, diretora e Engenheira da Ammpla; Helio Araújo, professor e pessoa com deficiência; Sirlene Caxias, presidente do Conselho da Pessoa com Deficiência; Maria Emiliana Freire, Diretora do Núcleo de Apoio Psicopedagógico aos Portadores de Necessidades Especiais (Nappne); Paulo César, pessoa com deficiência visual; e um representante da Secretaria de Infraestrutura.

Pessoas com deficiência em Petrolina

A Prefeitura Municipal de Petrolina não possui dados atuais referentes ao número de pessoas com deficiência na cidade, mas informou que mais de 5 mil pessoas com deficiência estão inseridas no Cadastro Único para receber o Benefício de Prestação Continuada (BPC), no município.

Serviço

Inscrições

E-mail: secmulhereacessibilidade@gmail.com
Telefone: (87) 3867-3516
Presencial: Ceam: Avenida Gilberto Freire, s/n, Vila Mocó.

Evento

Data: 21.02 (quarta-feira)
Local: auditório do Ceam
Horário: 9h

 Fonte: G1 Nordeste

Autoridades de saúde investigam suspeita de febre amarela em João Pessoa

Um caso suspeito de febre amarela está sendo investigado em João Pessoa, a informação foi divulgada na manhã desta segunda-feira (29) pelo secretário de saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio.

De acordo com o secretário de saúde, o rapaz com suspeita de ter contraído febre amarela é de João Pessoa, mas viajou recentemente para São Paulo, que é zona endêmica da doença e não teria se imunizado antes da viagem.

“O rapaz mora em João Pessoa, estuda em São Paulo, ele viajou para São Paulo próximo do natal por volta de 20 ou 21 de dezembro, não procurou o nosso Centro de Imunização, não estava vacinado contra febre amarela. Ele voltou mais ou menos depois de um mês, sentiu-se mal procurou a UPA em um primeiro momento, e depois procurou em um segundo momento com sintomas mais agravados”, disse o secretário.

Segundo Adalberto Fulgêncio, os sintomas que o rapaz sentiu são muito semelhantes aos sintomas da dengue e que a Vigilância Ambiental já identificou o local onde o rapaz mora e está fazendo vistorias no local, procurando focos de Aedes aegypti. O secretário enfatizou que não está de forma nenhuma confirnado que o rapaz está com febre amarela.

A assessoria do Hospital Universitário Lauro Wanderley confirmou que o jovem está internado na unidade, no setor de Doenças Infecto Parasitárias (DIP) passando por exames, mas que não há um diagnóstico do caso dele ainda.

Ainda conforme o secretário, amostras do sangue do rapaz foram cometadas e enviadas para um laboratório em Belém, onde é realizado o diagnóstico preciso.

“As UPAS estão preparadas para fazer exames preliminares, para coletar amostras e identificar a doença, e quem for viajar especialmente para São Paulo, Minas Gerais e interior do Rio de Janeiro, voltando para João Pessoa e apresentar sintomas, como sintomas de dengue, a gente pede todo o estudo. Estamos acompanhando esse caso, os hospitais públicos e priivados de João Pessoa, estão orientados para qualquer suspeita procurar nossa vigilância”, finalizou o secretário Adalberto Fulgêncio.

Fonte: G1 Nordeste

Confiança da indústria fica estável em janeiro ante dezembro de 2017

A confiança da indústria medida pela Fundação Getulio Vargas (FGV) ficou em 99,4 pontos em janeiro, estável em relação a dezembro do ano passado, quando havia alcançado o maior nível desde janeiro de 2014 (99,6 pontos). Na métrica de médias móveis trimestrais, a confiança manteve a tendência de alta, ao avançar 1,2 ponto, para 98,8 pontos.

A coordenadora da Sondagem da Indústria, Tabi Thuler Santos, explica que a estabilidade em janeiro é resultado de movimentos de melhora das avaliações do setor sobre a situação atual, piora das expectativas e estabilidade do nível de utilização da capacidade instalada. “Essa combinação mostra que, apesar da evolução favorável dos meses anteriores, o ainda elevado grau de incerteza econômica torna o setor inseguro quanto à velocidade de recuperação da economia nos próximos meses”, avaliou.

Segundo a FGV, mesmo com a estabilidade entre dezembro e janeiro, a maioria dos segmentos da indústria (12 de 19) registrou avanço no período. O Índice de Situação Atual (ISA) subiu 2,4 pontos, para 100,9 pontos, ultrapassando a barreira entre pessimismo e otimismo (100 pontos) e alcançando o maior nível desde setembro de 2013 (102,4 pontos). Já o Índice de Expectativas (IE) caiu 2,4 pontos, para 98,0 pontos, retornando ao mesmo nível de novembro.

A melhor avaliação dos empresários sobre os estoques foi o principal fator a contribuir para a evolução do ISA em janeiro. A parcela de empresas que avaliam o nível de estoques como insuficiente caiu de 5,6% para 5,4%, mas a parcela das que o consideram excessivo caiu em maior proporção, de 9,1% para 8,0% do total.

Já a principal influência para a queda do IE no mês foi das expectativas em relação à evolução do total de pessoal ocupado nos três meses seguintes. Houve queda da proporção de empresas prevendo aumento no volume de pessoal, de 19,0% para 17,8%, e diminuição da proporção das que esperam redução, de 12,5% para 12,3%.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) também ficou estável entre dezembro e janeiro, em 74,7%, o maior desde dezembro de 2015 (75%). Na métrica de médias móveis trimestrais, o Nuci avançou 0,1 ponto porcentual, também para 74,7%.

A edição de janeiro de 2018 coletou informações de 1.089 empresas entre os dias 2 e 25 deste mês. A próxima divulgação da Sondagem da Indústria da FGV ocorrerá em 28 de fevereiro de 2018. A prévia deste resultado será divulgada no dia 23 de fevereiro.

Fonte: Notícias ao Minuto

Recrutadores apontam profissões que estarão em alta em 2018

O ano começou ainda no vermelho quando o assunto é a geração de emprego. Em 2017, 20.832 vagas foram fechadas de acordo com o dados do Caged, divulgados na última sexta-feira pelo Ministério do Trabalho.

No entanto, 2018 apresenta perspectivas mais promissoras para os desempregados em comparação aos dois anos anteriores, segundo o presidente da consultoria Produtive, Rafael Souto, e o presidente da STATO, Rubens Prata.

Com o clima de otimismo, a revista Exame destacou nove áreas de especialização em que deve haver demanda de profissionais.

Saúde e farmácia

Profissional de educação física/fitness, farmacêutico, gerente nacional de vendas, gerente de acesso para indústria farmacêutica, diretor de governement/ public affairs para indústria farmacêutica, gerente de business development, gerente de compliance para toda indústria de saúde.

TI

Engenheiro ou cientista de dados, segurança da informação, analista de Business Intelligence (BI), scrum máster, gerente de expansão de TI, arquiteto de soluções.

Marketing e vendas

Gerente de transformação digital – marketing, Diretores de transformação digital: de e-commerce, de marketing ou o de TI (CIO), Analista ou gerente de mídias digitais, gerente de marketing e produto, profissional de marketing digital, profissional Inteligência de mercado, gerentes nacionais/ regionais de vendas.

Petróleo e gás

Geólogo / geofísico/ petrofísico, Analista econômico para o setor de óleo e gás, gerente regulatório, engenheiros com conhecimento em operação e manutenção para energia sólica e solar, engenheiro de fluido, gerente de manutenção.

Recursos humanos

Profissional de remuneração e benefícios, analista de desenvolvimento humano organizacional, business partner, diretor de RH.

Direito

Sócio/gerente de contencioso cível, advogado eleitoral, advogado de relações institucionais, advogado consultivo trabalhista (escritório de advocacia), sócio tributário (escritório de advocacia), advogado de arbitragem, diretor de compliance, gerente jurídico generalista.

Finanças

Diretor financeiro, diretor de impostos, controller, business partner de finanças, profissional de operações estruturadas, analista contábil de report, gerente de compliance e risco, executivo de novos negócios e M&A, executivo de planejamento financeiro.

Engenharia

Engenheiro com foco em agronegócio e gerente de saúde, segurança e meio ambiente.

Fonte: Notícias ao Minuto

Fernando Santana e vereadores visitam obras em Barbalha

O secretário Fernando Santana e os Vereadores Vevé Siqueira, Marcus Alencar, Daniel Cordeiro, ex Vereador Antônio Everardo visitaram importante obra do Governo do Estado em Barbalha: o calçamento da estrada e passagem molhada do Sítio Onça. “Era um sonho dos moradores do pé de serra do Caldas, hoje já é uma realidade”, disse o vereador André Feitosa.

Fonte: Flávio Pinto News