Solteira, mulher faz casamento sem noivo para realizar sonho

Vestido de noiva branco, cristais Swarovski, madrinhas, bolo, véu, marcha nupcial e lua-de-mel. A italiana Laura Mesi, de 40 anos, organizou uma festa de casamento como manda a tradição, mas com uma exceção: sem noivo.

A mulher resolveu organizar o primeiro casamento “single” da Itália para realizar seu sonho de infância. A festa, para 70 convidados, ocorreu em um espaço de agroturismo em Vimercate, na Lombardia. A cerimônia foi conduzida por uma amigo da noiva e não tem valor legal ou religioso.

“Há dois anos, tomei uma decisão corajosa: de me casar comigo”, contou a noiva. “Ao contrário do que muitos pensam, isso não vem de nenhum sentimento de recompensa ou vingança. Tenho muitos amigos e uma relação belíssima com os homens.

Apenas entendi que vivo bem comigo mesma, e esta é a dimensão da minha felicidade e da minha realização”, confessou. Laura mora sozinha há cinco anos e, nos últimos dois, começou a pensar em seu “casamento”. “Eu queria me casar, mas sozinha, comigo mesma”, disse a italiana, ressaltando que vários amigos e familiares tentaram fazê-la desistir da ideia.

“A coragem de fazer isso é uma prova de maturidade”, comentou. “Antes de qualquer coisa, é preciso amar a si mesmo. E é possível viver um conto de fadas sem príncipes”, disse.

Fonte: ANSA

Eunício assina ordem de serviço para construção da barragem Lago de Fronteiras

Um sonho de 28 anos que se torna realidade, em benefício da população de Crateús e região. Foi assinada, nesta sexta-feira (22), a ordem de serviço para a construção da barragem Lago de Fronteiras, no município de Crateús. A cerimônia realizada na sede do IFCE contou com a presença do presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), e do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, além de líderancas políticas locais, regionais e da própria população.

Com investimento do Governo Federal de mais de R$ 182 milhões, a barragem Lago de Fronteiras trará diversos benefícios para a região dos Sertões de Crateús, como projetos de abastecimento, irrigação, aquicultura, lazer e controle de cheias do Rio Poty. A população tanto urbana quanto rural do município e adjacências será atendida pela iniciativa, o que representa um alcance superior a 300 mil pessoas beneficiadas.

Eunício destacou que a luta para trazer realizações para o Nordeste é muito árdua. “O Lago de Fronteiras estava na gaveta há 28 anos. Quando assumi a presidência da República, falei com o ministro Helder e com o Dnocs para dar urgência às obras. O que me move é o sentimento de tornar realidade ações como essa. Durante a obra, serão gerados novos empregos. Depois, a água vai levar dignidade às famílias”, declarou.

Eunício aproveitou a ocasião para fazer uma prestação de contas de sua atuação na presidência do Senado em benefício do Ceará. Ao anunciar que todas as agências do Banco do Brasil que foram implodidas em ações criminosas vão voltar a funcionar, ele informou que o Senado vai pautar matérias relativas à segurança pública, que atualmente é a principal preocupação da população nordestina, conforme pesquisa de opinião realizada pelo Legislativo.

Os cerca de 488 milhões de m³ de água que serão acumulados pela barragem Lago de Fronteiras servirão para abastecimento humano e para a economia. O volume destinado à irrigação vai atender a aproximadamente 5.000 hectares de produção agrícola dos perímetros irrigados Platô Poty 1 e 2, Realejo, Graça Ampliação e Novo Oriente, além de ações de piscicultura local e indústrias.

Ao falar da satisfação de participar deste ato histórico, Helder Barbalho fez uma homenagem aos funcionários do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas, que tanto se empenharam para que as obras poludessem começar de imediato. Ao relatar as demais ações do ministério, com destaque para a Transposição do São Francisco e o aporte de recursos ao Cinturão das Águas do Ceará, ele ressaltou que sua missão é fortalecer o Nordeste, inclusive diante do estímulo constante que recebe de Eunício.

O prefeito de Crateús Marcelo Machado afirmou ser esse dia um marco de união em prol de melhorias para a região. “Vamos garantir essa conquista, e precisamos de muitas outras, como a geração de emprego e renda. Esse é o caminho para a redenção não só de Crateús, mas para toda a região”, destacou, ao agradecer o apoio dado por Eunício.

Ângelo Guerra, diretor geral do Dnocs, defendeu que a população acompanhe de perto o andamento da obra. Ele fez questão de ressaltar que a passagem de Eunício na Presidência da República foi preponderante para a retomada do projeto Lago de Fronteiras. Foi Eunício que assinou o decreto autorizando as desapropriações necessárias à realização das obras, bem como a garantia dos recursos.

Marcaram presença na solenidade os deputados federais Genecias Noronha, Moses Rodrigues, Domingos Neto, Gorete Pereira e Raimundo Gomes de Matos, os deputados estaduais Danniel Oliveira, Leonardo Araújo, Carlos Felipe, Bruno Pedrosa, o presidente do PMDB-CE, Gaudêncio Lucena, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores de diversos municípios, entre personalidades e autoridades.

Jennifer Lopez diz que não consegue falar com família desde o furacão

Lopez revelou nas redes sociais, nesta quinta-feira (21), que ainda não teve notícias da família que vive em Porto Rico, após a passagem do furacão Maria.

“Eu e a minha prima ainda não conseguimos contatar as nossas famílias lá”, começou por afirmar num vídeo. “O que é mais importante na minha mente e de muitos outros é descobrir a melhor maneira de ajudar. O Porto Rico precisa da nossa ajuda”, alertou.

Também os artistas Ricky Martin, Daddy Yankee, Marc Anthony e Rosie Perez falaram sobre o assunto nas redes sociais. “Apenas consigo pensar no que está acontecendo em Porto Rico. A devastação é incontestável”, afirmaram.

A cantora de 48 anos, apesar de ter nascido em Nova York, é filha de porto-riquenhos. Já Ricky Martin nasceu na capital do país, San Juan.

Fonte: Noticias ao Minuto

Com maré baixa, populares cercam corpo de baleia encalhada em praia de Salvador; Limpurb inicia remoção

Com a maré baixa em Salvador nesta sexta-feira (22), populares cercam o corpo da baleia jubarte que encalhou na região da Cidade Baixa e acompanham o trabalho de remoção do corpo do animal, que é feito pela Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb).

De acordo com a Limpurb, o serviço de retirada da baleia começou por volta das 9h30, quando a maré ficou baixa e possibilitou o acesso da equipe ao animal, na praia de Pedra Furada. A baleia encalhou na quinta-feira (21).

Conforme a Limpurb, a operação no local deve seguir até a alta da maré, durante a tarde, quando os trabalhadores precisarão parar as atividades no local.

O Projeto Baleia Jubarte, que coleta dados sobre os mamíferos no país, está a caminho da praia para fazer necrópsia do animal. Por volta das 11h, os biólogos da entidade ainda não tinham chegado.

Segundo a Limpurb, a baleia jubarte será desossada, e todo o material recolhido será encaminhado para o Aterro Metropolitano da Capital (AMC), localizado no CIA. Ainda não há previsão de quando a remoção será concluída.

A baleia foi encontrada morta a cerca de 50 metros da faixa de areia da praia da Boa Viagem, em Salvador, no final da manhã da quinta-feira. Ainda não é possível determinar o tamanho e nem o sexo do animal. As causas da morte do animal serão estudadas pelo Projeto Baleia Jubarte.

Temporada de reprodução

De acordo com o Projeto Baleia Jubarte, foram registrados 93 encalhes de baleias jubarte no Brasil até a quinta-feira. Só na Bahia, segundo a entidade, foram 38. O estado lidera o rankig de encalhes dos mamiferos no país.

Conforme especialistas, as baleias migram para o litoral baiano todos os anos para acasalar e dar à luz filhotes. A temporada de reprodução ocorre entre os meses de julho e outubro, no inverno.

Os animais são atraídos para a região por conta das águas quentes, apesar da época do ano. As aparições são mais comuns no sul do estado. Nessas regiões, é normal encontrar empresas de turismo especializadas no passeio de barco para observação de baleias.

Durante os passeios, é possível ver como os mamíferos se comportam. Especialistas dizem que, embora sejam enormes, as baleias têm um excelente senso de localização e, dificilmente, se aproximam dos barcos porque conseguem perceber a presença da embarcação à distância.

Fonte G1

Presídio no Recife em que detento foi morto teve 29 armas de fogo apreendidas em 2017

Em 2017, 29 armas de fogo foram encontradas dentro do Presídio Juiz Antônio Luiz Lins de Barros (PJALLB), que integra o Complexo do Curado, na Zona Oeste do Recife. A informação foi divulgada, nesta sexta-feira (22), pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp-PE). A unidade é a mesma em que um detento de 35 anos foi assassinado, na noite de quarta-feira (20), e que uma pistola Taurus .380 foi apreendida durante uma revista, no dia seguinte.

Segundo a Secretaria Executiva de Ressocialização de Pernambuco (Seres), foram encontradas 50 armas de fogo ao longo de todo o ano de 2016, contra 21 achadas no ano anterior, em presídios de todo o estado.

Em média, de acordo com os números do sindicato, são apreendidas três armas por mês no presídio. De acordo com João Carvalho, presidente do sindicato que representa os agentes penitenciários, o balanço diz respeito ao período entre 1º de janeiro e 21 de setembro.

Das armas de fogo apreendidas, nove são pistolas e 20 são revólveres, encontrados durante revistas ou mesmo após tentativas ou assassinatos dentro do presídio. Outras duas unidades compõem o Complexo Prisional do Curado.

“O grande problema é o posicionamento do presídio em relação às casas, com trechos que têm distância pouco maior que três metros. A maioria dos materiais ilícitos é arremessada por cima do muro das unidades. Nas bordas internas, os presos, soltos no complexo, se aproximam e recolhem o que é jogado. Geralmente não se arrisca a tentar em entrar com drogas e armas se existe tamanha facilidade em jogar os produtos”, acredita Carvalho.

Fonte: G1

Convivência com gatos na infância reduz risco de asma

Cientistas acabaram de trazer novos argumentos para se defender a convivência entre bichos e crianças. Em extenso estudo feito pelos Institutos Nacionais de Saúde, nos Estados Unidos, foi avaliada a influência de certos alérgenos na saúde respiratória de 560 crianças. A conclusão principal? Estar exposto, desde bebê, a certas substâncias que os gatinhos soltam deixaria as crianças mais resistentes à asma por volta dos 7 anos de idade. Os estudiosos notaram uma associação similar em relação aos cachorros, mas os resultados não foram considerados estatisticamente significativos.

A descoberta vai contra crenças antigas de que, ao reduzir o contato com alérgenos dentro do ambiente doméstico, acabamos afastando a doença. E olha que todos os participantes do estudo possuíam grande tendência a desenvolver a condição, já que pelo menos um dois pais tinha alergia ou asma. Além disso, as crianças cresceram em áreas extremamente urbanizadas (e, portanto, poluídas) dos Estados Unidos, como Baltimore, Boston e Nova York.

O relatório ainda confirmou dados que já apareciam em outros trabalhos. Por exemplo: a influência de alguns hábitos e problemas de saúde da mãe no bem-estar respiratório de seus filhos. É o caso do tabagismo durante a gestação e de depressão e estresse durante os três primeiros anos de vida dos pequenos – tudo isso aumentou o risco de as crianças apresentarem asma.

Fonte: Editora Abril

Revelado plano para salvar a Terra após impacto com asteroide

Um grupo de cientistas do Instituto Meteorológico Finlandês desenvolveu e apresentou planos para realizar uma missão espacial com o objetivo de salvar a Terra do impacto catastrófico de asteroides, risco sempre iminente tomado em conta o número de meteoritos que se movem no espaço perto da Terra.

A proposta consiste na criação de uma frota de 50 pequenos satélites equipados com hélices elétricas inovadoras impulsadas pelo vento solar (uma corrente de partículas emitidas pelo Sol e “carregadas” eletricamente), que voariam até se aproximar de 300 rochas de vários tamanhos, que atualmente flutuam no espaço, para estudar seu “comportamento” durante três anos. Desta forma, eles coletariam dados de interesse vital sobre asteroides potencialmente perigosos e comparariam seu tamanho, forma, estrutura química e características da sua superfície.

Cada um desses nanosatélites, de cerca de cinco quilogramas, seria equipado com pequenos telescópios (com apenas quatro centímetros de comprimento) capazes de tirar fotos com resolução de até 100 metros. Sua missão individual seria visitar aproximadamente seis ou sete asteroides e depois voltar à Terra para entregar os dados obtidos.

Além disso, os nanosatélites usariam luz infravermelha para determinar a estrutura mineral desses corpos celestes a uma distância de mil quilômetros. Toda a missão custaria cerca de 71 milhões de dólares (R$ 223 milhões).

“Os asteroides são muito diferentes entre si e até agora só vimos um pequeno número deles. Para compreendê-los melhor, precisamos estudá-los in situ e em grande número. A única maneira de fazer isso é usar pequenas naves espaciais”, explicou o autor principal do estudo, Pekka Janhunen, do Instituto Meteorológico Finlandês, apresentando o plano para o Congresso Europeu de Ciências Planetárias em Riga, Letônia, em 19 de setembro, informou o jornal britânico Daily Mail.

A NASA já detectou centenas de meteoros potencialmente perigosos e se esforça para prever futuras aproximações da Terra, bem como seus impactos. “Esses asteroides podem realmente representar ameaça à Terra”, disse Janhunen. Com informações do Sputnik News. 

Crato: DIABÉTICOS VIVEM DRAMA NA CIDADE

Por Moisés Rolim

A cada dia pior, a saúde do Crato vai andando aos trancos e barrancos. As reclamações são as mais variadas possíveis, desde a falta de atendimento e também de medicamentos.

Os distritos como Ponta da Serra estão sofrendo e vendo o povo a míngua, pois atendimento tem quantidade marcada e a população só pode ser atendida parte do dia já que o posto vive mais fechado do que aberto segundos os moradores do Distrito. Os exames que deveria ser feitos com celeridade, demoram mais de três (03) meses e quando feito para ser entregue é uma eternidade.

Para não fugir do padrão desorganização e falta de zelo com o povo, ou melhor, com a vida humana do povo Cratense, falta insulina e os diabéticos vão sofrendo e se não quiserem morrer a míngua precisam se virar de qualquer jeito. Nem mesmo as ordens judiciais estão sendo cumpridas, segundo entrevista presidente da Associação dos Diabéticos do Cariri Edson Saraiva.

Sinais e Sintomas

O desencadeamento de diabetes tipo 1 é geralmente repentino e dramático e pode incluir sintomas como:

Sede excessiva
Rápida perda de peso
Fome exagerada
Cansaço inexplicável
Muita vontade de urinar
Má cicatrização
Visão embaçada
Falta de interesse e de concentração
Vômitos e dores estomacais, frequentemente diagnosticados como gripe.

Os mesmos sintomas acima podem também ocorrer em pessoas com diabetes tipo 2, mas geralmente são menos evidentes. Em crianças com diabetes tipo 2, estes sintomas podem ser moderados ou até mesmo ausentes.
No caso do diabetes tipo 1, estes sintomas surgem de forma abrupta e às vezes podem demorar a ser identificados. Já no diabetes tipo 2, esses sintomas podem ser mais moderados ou até mesmo inexistentes.

Não se sabe ao certo por que as pessoas desenvolvem o diabetes tipo 1. Sabe-se que há casos em que algumas pessoas nascem com genes que as predispõem à doença, mas outras têm os mesmos genes e não têm diabetes. Outro dado é que, no geral, o diabetes tipo 1 é mais freqüente em pessoas com menos de 35 anos, mas vale lembrar que ela pode surgir em qualquer idade.