Prefeito de Assaré começa a equilibrar as contas deixadas pelo seu antecessor

Por Roberto Bulhões

Ao receber a prefeitura do municipio de Assaré com débitos em folhas de pagamentos e prestadores de serviços, o prefeito Libório leite começa a equilibrar as financias. Em janeiro e fevereiro conseguiu pagas as folhas dos funcionários dentro do mês e quitou ainda a folha de pagamento deixada na gestão anterior, no montante de R$ 901.612,88. Um parte foi quitada em janeiro e o restante em 26 de fevereiro de 2021. Segundo o prefeito, seu desejo era ter colocado tudo em dia ainda em janeiro, mas, devido ao bloqueio do Fundo de Participação do Municipio – FPM, só foi possível agora. Libório Leite disse que o o bloqueio do FPM se deu devido a parcelamentos junto ao PASEP, deixados pela administração passada, mas aos poucos vai conseguindo se equilibrar. 

Acreditando que até junho consiga por a casa em ordem, o prefeito de Assaré esteve recentemente em Brasilia, onde conseguiu, junto ao deputado José Airton, a Indicação Parlamentar para a reforma do Hospital Nossa Senhora das Dores. JoséAirton destinou uma Emenda Parlamentar Individual, no valor de R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais) para reforma do hospital do municipio de Assaré, um sonho da população.

Ainda em Brasília, o prefeito  Libório Leite esteve reunido com o Coordenador do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). As audiências foram intermediadas pelo Ex-Deputado Federal e atual prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa. Na pauta do FNDE, o prefeito apresentou ao Coordenador, demanda já cadastradas junto ao órgão, que tratam de reformas em escolas, retorno da construção da creche abandonada na Amoeda e melhorias no âmbito educacional do município.

 

Com entregas em Canindé, Crato e Tauá, Governo do Ceará chega a 824 leitos de UTI para Covid-19

Somados aos de enfermaria, o Estado já ultrapassou a quantidades de três mil leitos exclusivos para o atendimento de pacientes infectados com o Coronavírus

Os municípios de Canindé, Crato e Tauá foram contemplados, cada um, com a abertura de dez novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de pacientes com Covid-19, na manhã desta segunda-feira (1). Com essas novas unidades, a rede de saúde do Governo do Ceará passa a contar com o total de 824 leitos somente de UTI e mais de três mil se somados os de enfermaria, comentou o Governador Camilo Santana durante transmissão pelas redes sociais.

“Hoje, já estamos com 2.287 leitos de enfermaria em todo o Ceará exclusivamente para Covid. A previsão é chegarmos a 2.600 leitos de enfermaria agora no mês de março. De UTI, se eu contar com os 10 leitos de pediatria que vamos abrir agora à tarde, são 824, e a nossa meta é chegar a 1.074 leitos exclusivos de Covid. Estamos fazendo um esforço do que for necessário e possível para que a gente garanta a quantidade de leitos de UTI necessários para a população cearense”, detalhou o chefe do Executivo estadual.

Essa descentralização de leitos segue o planejamento de garantir à população cearense o acesso aos serviços de saúde mais próximo de casa e, consequentemente, diminuir a busca pelos equipamentos em Fortaleza. “Quanto mais leitos de UTI nós tivermos de forma regionalizada, menor é a pressão sobre a Capital, deixando os hospitais de Fortaleza para atender a demanda da Macrorregião Metropolitana de Saúde. Além disso, estamos ampliando em Caucaia, Maracanaú e Itapipoca”, disse Camilo Santana.

Para o secretário estadual da Saúde, Dr. Cabeto, esse trabalho contínuo para garantir atendimento, mesmo com uma jornada cansativa de combate à pandemia, mostra o valor dos profissionais. “Sempre que a gente abre um espaço é sinal que um grupo muito grande de pessoas está trabalhando. Essa capacidade de ampliar leitos representa uma capacidade de se superar com quase um ano de pandemia, com muitas perdas, mas com muita esperança. Esperança de que nós estamos fazendo nossa parte, estamos nos doando e que nós vamos sair disso muito melhor”, destacou o titular da pasta.

Rozário Ximenes, prefeita de Canindé, demonstrou sua felicidade com a chegada dos novos leitos e a esperança de que o trabalho conjunto vencerá esse período conturbado. “Esse é um momento difícil que Canindé está passando e toda a região. Estamos nessa luta juntos para poder vencer essa batalha que é tão difícil”, disse a gestora municipal.

Busca por vacinas

Nesta terça-feira (2), Camilo Santana se reunirá, em Brasília, com o laboratório que representa a vacina russa Sputinik V para tratar de uma possível compra do imunizante. Ele afirmou que, além dessa tratativa, o Governo do Ceará vem dialogando com outras empresas na intenção de adquirir vacinas para além das que vêm sendo disponibilizadas pelo Plano Nacional de Imunização, do Governo Federal. “Estamos tendo contato com os Estados Unidos, Europa, China para que a gente possa trazer a maior quantidade de vacinas para imunizar o mais rápido a população”, pontuou.

Até que a imunização da população se torne realidade, o governador reforçou que é preciso a colaboração de todos nesse momento desafiador. “Só há uma forma de vencer essa pandemia: é quando todo mundo estiver vacinado. Até lá, a única maneira que nós temos é nos prevenindo, e nos prevenir é não aglomerar, é ficar em casa, é reduzir a circulação do vírus e usar máscara. Isso não é orientação do governador, é orientação dos especialistas, médicos e cientistas”, comentou Camilo Santana.

Mortes por Covid-19 crescem pelo terceiro mês seguido no Ceará

 

O número de mortes por Covid-19 continuou acelerando no Ceará em fevereiro, o mês mais letal da pandemia desde agosto de 2020. Até esta segunda-feira (1º), a Secretaria da Saúde confirmou 573 óbitos pela doença apenas no mês passado. A letalidade é ainda maior porque parte dos óbitos ocorridos em fevereiro ainda aguarda confirmação.

As mortes por Covid-19 no desaceleraram entre maio e novembro, mas voltaram a crescer em dezembro e seguiram acelerando nos dois meses seguintes.

Em dezembro, o governador Camilo Santana havia afirmado que as aglomerações ocasionadas em festejos de fim de ano haviam influenciado no aumento de casos e mortes pela doença.

No Brasil, fevereiro já é o segundo mês mais letal desde o início da pandemia, com mais de 30 mil óbitos.

As médias móveis diárias calculadas pelo consórcio de imprensa estão acima de mil mortes por dia há 39 dias. No dia 25, o Brasil registrou o recorde de mortes em 24 horasdesde o início da pandemia: 1.582 pessoas morreram.

Ocupação dos leitos de UTI

 

Os casos e mortes por Covid-19 crescem em todas as regiões do estado e também em todo o país. No Ceará, o agravamento da crise sanitária ocorre também nos hospitais, onde mais de 90% dos leitos de UTI estão ocupados.

A cidade de Fortaleza terminou o mês de fevereiro com 94,1% das UTIs específicas para Covid-19 ocupadas. Os dados são da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), por meio da plataforma IntegraSUS, cujos dados foram colhidos às 7h30 desta segunda-feira (1º). A ocupação nas enfermarias é de 88,6%.

Medidas restritivas

 

O Ceará está sob o decreto mais restritivo desde o fechamento de todos os serviços não essenciais, em abril de 2020. Na sexta-feira (26), o governador Camilo Santana (PT) ampliou o toque de recolher e reduziu ainda mais o horário de funcionamento de comércios e serviços até o dia 7 de março.

Fonte: G1/Ceará

Acessibilidade: prefeitura do Crato implanta identificação em braille no paço municipal

A prefeitura do Crato iniciou a implantação de identificação em braille dos departamentos que compõem a estrutura do poder executivo na sede do paço municipal. A novidade foi informada pelo gestor cratense, Zé Aílton Brasil, por meio de suas redes sociais.

“Na reforma e requalificação dos espaços internos do prédio do Largo Júlio Saraiva, na Prefeitura Municipal do Crato, está sendo priorizado esse serviço, inclusive com a inserção das inscrições em Braille, a sinalização no piso, placas, e iremos implantar o elevador para o acesso ao primeiro andar. Com isso, ampliamos a inclusão nos espaços públicos, nas diversas formas de comunicação, possibilitando mais mobilidade e a organização dos diversos departamentos de atendimento ao público”, disse.

O prefeito ainda afirmou que “a acessibilidade é essencial nos espaços públicos e queremos avançar cada vez para que as pessoas possam usufruir da sua condição de ir e vir, como garantia essencial”.

Instituto anjos reúne 200 crianças no Crato em live educativa

Por Raquel Oliveira

Um novo projeto de um impacto social extraordinário nasce no Nordeste através do Instituto Anjos da Enfermagem – o Brinquedo Cantado pretende reunir música, educação, saúde e entretenimento, especialmente para crianças e suas famílias. O projeto conta ainda com a participação de cantores das mais diversas linhas e pretende envolver mais de 1.000 crianças .

 

Realizado por meio de lives, o Brinquedo Cantado deu seu start nesse dia 27 de fevereiro no município do Crato e fez a criançada cantar, dançar, sorrir e ainda aprender muito.

 

Em meio a mais um momento onde se faz urgente o isolamento social, 200 crianças da escola municipal do Crato ganharam de presente muitos sorrisos e aprenderam formas responsáveis de se cuidarem contra a Covid-19.

 

Os palhaços Mondrogo e Espirro, representados pelos artistas Tio Flavinho e Yarley Tavares, conseguiram levar informação com leveza e de quebra, fizeram crianças e papais saírem do chão, pularem de um pé só e darem muitas gargalhadas.

 

Há 17 anos, desenvolvemos projetos de grande impacto social, principalmente em hospitais, agora estamos também junto à atenção primária de saúde. E nesse momento acompanhando as necessidades mundiais de ajuda humanitária no enfrentamento do COVID-19, não seria diferente. Como autora do projeto e presidente do Instituto, posso dizer que esse será um dos projetos mais impactantes do Instituto, porque ele une saúde, educação e cultura, de forma única e poderá envolver artistas de todo Brasil. Com a pandemia as crianças vivem um momento nunca visto, de isolamento, sem aulas, longe dos amiguinhos… Então com essas lives levamos informação, educação e entretenimento”, explicou a Presidente Fundadora do Instituto Anjos, Jakeline Duarte.

 

As lives realizadas gratuitamente para as crianças, teve o apoio da Prefeitura do Crato, através das secretarias de Cultura e Educação. Cinco colégios escolhidos pela Secretaria de Educação foram selecionados para participar desse fim de semana pra lá de especial. Cada live, com 10 crianças, levou em torno de 1h. Tempo mais do que suficiente para fazer a garotada esquecer por um instante do momento que todos estão passando. “Amamos por aqui. Obrigada pela iniciativa e disposição, neste momento tão difícil, de tirar um tempinho do dia de vocês para nos ensinar de uma forma tão descontraída e divertida”, destacou a Francisca Roberta, mãe do Aquiles, aluno da escola Pastoral do Menor.

O Projeto Brinquedo Cantando é o segundo projeto do Instituto patrocinado pela Secretaria Especial de Cultura e com o apoio de empresas privadas como: Cirúrgica Fernandes, Universidade Paraíso e Colégio Paraíso.

O objetivo é que as lives sejam assistidas por pelo menos mil crianças como o Brenno Yarley, que não poupou elogios “gente foi legal demais, adorei, parabéns viu. Deus abençoe vocês”.

Além do Crato outras quatro cidades também irão receber o projeto. São elas: Juazeiro do Norte, Brejo Santo, Farias Brito e Nova Olinda.

Espero que possamos chegar ao máximo de famílias possíveis. Nosso propósito é levar educação, tecnologia, segurança, aprendizado e acesso a música e a cultura. Queremos envolver todos nesse grandioso projeto pioneiro e categoricamente impactante”, finalizou Jakeline Duarte.

A próxima cidade a receber o Brinquedo Cantado será a terra natal da Presidente Jakeline Duarte, Farias Brito, onde será realizado, inclusive, um mini documentário.

IBGE atualiza dados geográficos de estados e municípios brasileiros

O IBGE lança hoje (1º) a atualização de três estudos anuais de Geociências: Malha Municipal Digital 2020, Atualização dos Mapas Municipais das Estimativas Populacionais e Áreas Territoriais de Estados e Municípios.

O IBGE promoveu uma série de atualizações na Malha Municipal Digital, que incorpora a representação político-administrativa dos estados e municípios brasileiros subsidiando novos Mapas Municipais e novas Áreas Territoriais. Nesse conjunto de dados estão aplicadas todas as determinações advindas de decisões jurídicas, novas leis estaduais e relatórios/pareceres técnicos confeccionados pelos respectivos órgãos estaduais responsáveis tendo reflexos em áreas e limites considerados nas Estimativas Populacionais 2020.

Ao todo, o Brasil tem 5.568 municípios, mais o distrito insular de Fernando de Noronha e o Distrito Federal, resultando no valor da extensão territorial do Brasil em 8.510.345,538 km². Nesta atualização, o cálculo da Área Territorial do Brasil em 2020 foi ajustado em 49,624 km² (0,001%) do valor publicado em 2019 (8.510.295,914 Km²), em razão dos seguintes fatores:

– Ajustes da hidrografia aos melhores insumos cartográficos disponíveis na fronteira internacional do estado do Acre com Bolívia e Peru;

– Nas áreas estaduais, foram realizados ajustes ao melhor insumo cartográfico nas divisas entre Goiás com os estados de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Tocantins; do estado do Maranhão com os estados do Piauí e Tocantins; e na divisa entre Alagoas e Sergipe (Rio São Francisco);

O IBGE também atualizou os Mapas Municipais de 265 municípios que tiveram mudanças de área e de limites entre maio de 2019 e junho de 2020. Os estados com mais municípios atualizados foram o Mato Grosso (141 municípios) e o Rio Grande do Sul (53 municípios).

geociencias.PNG
Todas as atualizações passam a influenciar estudos e pesquisas demográficas do IBGE. Embora a Malha Municipal Digital, os Mapas Municipais e as respectivas Áreas Territoriais sejam utilizados como referência para diversas atividades por órgãos públicos, privados e pela sociedade em geral, o IBGE não tem como atribuição a definição e delineamento dos limites do território.

Petrobras eleva preços da gasolina pela 5ª vez no ano e do diesel pela 4ª

Litro da gasolina nas refinarias acumula alta de 41% desde o início do ano. Já o diesel subiu 34% no mesmo período. Gás de cozinha também fica mais caro.

A Petrobras vai elevar mais uma vez os preços da gasolina e do diesel nas refinarias a partir de terça-feira (2), informou a companhia nesta segunda-feira, por meio da assessoria de imprensa. A nova alta vem pouco mais de uma semana após o presidente Jair Bolsonaro pedir a substituição do presidente da petroleira.

O preço médio de venda da gasolina passará a ser de R$ 2,60 por litro, alta de R$ 0,12 por litro (4,8%), enquanto o diesel passará a média de R$ 2,71 por litro, aumento de R$ 0,13 por litro (5%).

É a quinta alta do ano nos preços da gasolina, e a quarta no valor do litro do diesel. Em dezembro, o litro da gasolina custava em média R$ 1,84. Já o do diesel saía a R$ 2,02.

Com os novos reajustes, o litro da gasolina nas refinarias acumula alta de 41,3% desde o início do ano. Já o diesel subiu 34,16% no mesmo período.

Alta também no gás de cozinha

 

Também vai ficar mais caro, a partir de terça, o gás de botijão. O preço médio de venda da Petrobras para as distribuidoras passará a ser de R$ 3,05 por kg (equivalente a R$ 39,69 por 13kg), refletindo um aumento médio de R$ 0,15 por kg (equivalente a R$ 1,90 por 13kg) – uma alta de cerca de 5%.

Troca de comando

 

As sucessivas altas nos combustíveis este ano irritaram o presidente Jair Bolsonaro, que indicou o general Joaquim Silva e Lunapara substituir o atual presidente Roberto Castello Branco do comando da estatal, como mostra o vídeo abaixo. O mandato de Castello Branco, no entanto, termina em 20 de março, e ele segue no cargo.

A troca provocou um forte forte abalo nas ações da companhia, que chegou a perder R$ 75 bilhões em valor de mercado em um só dia.

Lucro recorde

 

A Petrobras encerrou o quarto trimestre de 2020 com lucro recorde de R$ 7 bilhões, apesar do momento de crise. Segundo a Economatica, o resultado é tanto recorde nominal entre as empresas brasileiras como também quando se ajustam os valores dos maiores lucros da história pela inflação.

Fonte: G1

Homem morre ao sofrer descarga elétrica em cima de um poste na cidade de Várzea Alegre

Um eletricista morreu no Hospital São Raimundo Nonato na cidade de Várzea Alegre na noite deste domingo (28). Izac Nunes de 35 anos de idade, estava trabalhando quando sofreu uma descarga elétrica e veio a óbito no hospital por volta das 20 horas.

O homem residia rua D, quadra C, do bairro Novo Iguatu, naquele município. No momento da descarga, Izac estava consertando uma fiação de um poste de energia quando caiu após o choque.

Uma equipe da polícia militar esteve no local e o resgataram até o hospital onde o mesmo veio a falecer. Izac era funcionário da Enel Distribuidora Ceará. O corpo do homem foi levado a Perícia Forense de Iguatu para realização de necropsia.

Novo formato: Conexão Secitece volta em 2021 com lives, videoaulas e podcasts

Todo mês, um tema central será abordado com a participação de especialistas e mediação do secretário Inácio Arruda. Em março, a programação será dedicada às mulheres

Em tempos de distanciamento social, o projeto “Conexão Secitece – Todos ligados na Ciência” retoma suas atividades em 2021 com novidades. Agora, além das lives e webinares, a iniciativa contará com novo formato e inclusão de podcasts e videoaulas – tudo para levar conhecimento para um público cada vez maior através do uso de várias plataformas de comunicação digital.

Todo mês, haverá a escolha de um tema central, abordado sob diversos aspectos, com a participação de especialistas das áreas de empreendedorismo, inovação, saúde, educação, ciência e tecnologia. A mediação ficará por conta do secretário Inácio Arruda.

Para março, mês dedicado à Mulher, os assuntos debatidos serão: “Mulheres na Ciência e o combate à Covid-19” (Live), “Mulheres empreendedoras: independência e autonomia em um mundo desigual” (Podcast) e “Como se organizar sem surtar?” (Videoaula). As lives terão transmissão pelo YouTube, Linkedin e Facebook da Secitece, enquanto os podcasts ficarão salvos no Spotify. Já as videoaulas serão liberadas após inscrição gratuita por meio da plataforma de eventos Sympla.

Em 2020, o projeto promoveu 10 lives, que podem ser assistidas diretamente no YouTube da Secitece. Nomes como Antônio Silva Lima (Consórcio Nordeste), Ênio Pontes (Proifes), Eurico Arruda (USP), Helena Nader (SBPC), Keny Colares (Unifor), Márcia Castro (Harvard), Melissa Medeiros (Unichristus), Mônica Martins (Uece) e Xavier Neto (Saúde) já deram sua contribuição nos eventos virtuais.

O Conexão Secitece é uma realização do Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, com o objetivo de popularizar o conhecimento científico utilizando ferramentas de comunicação digital e adoção de uma linguagem acessível e descomplicada.

Câncer: mulheres devem ficar atentas a sinais mesmo em meio à pandemia

Câncer de útero, endométrio e mama emitem sinais. O médico ginecologista e obstetra Lucas Ribeiro Nogueira, que integra a equipe do Hospital e Maternidade José Martiniano de Alencar (HMJMA), da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), explica que esses sinais indicam sempre a necessidade de avaliação e, portanto, as mulheres devem procurar atendimento médico. “Mesmo durante a pandemia, (elas) devem procurar um serviço de saúde da mulher. Câncer também é uma urgência, uma prioridade”, destaca.

A recomendação do especialista é para todas as mulheres, mas, principalmente, para aquelas que não estão “em dia” com os exames preventivos de rotina. “A paciente que está com a prevenção em dia, negativa, no último ano ou dois, essa paciente, em geral, pode ficar tranquila. O tempo de aparecimento não é rápido. Mas as pacientes que estão com prevenção atrasada, ou não costumam fazer, têm de ficar atentas para alguns sinais”, orienta.

Sangramento após relação sexual; corrimentos com cheiro forte, lembrando o cheiro de carne estragada; saída de líquidos diferentes, fora daqueles corrimentos mais comuns (amarelado ou que coça). Tudo isso deve ser avaliado por um especialista de forma adequada. “Esses exames são feitos pelo ginecologista, ele vai avaliar o colo do útero e verificar se tem alguma mudança importante”, ressalta Nogueira, frisando ainda que não se deve adiar a visita ao médico.

Endométrio

Já o câncer de endométrio não tem uma forma específica de prevenção, mas também apresenta sinais de alerta. “A paciente que nos preocupa mais é aquela que já terminou o ciclo menstrual normalmente e está tendo sangramentos mesmo após a menstruação”, argumenta Lucas. Segundo ele, essa paciente tem de procurar a assistência médica para avaliar um possível espessamento do endométrio, “se há risco de câncer, para não atrasar o tratamento mesmo durante a pandemia”.

Foi o caso enfrentado pela agricultora Antônia Eliziane Chagas Vieira, que passou por dores e sangramentos regulares por quatro meses até ser encaminhada para o Hospital Martiniano de Alencar, onde foi diagnosticada e operada. “Eu fiz dois procedimentos, um menor e outro maior, em 31 de julho de 2020, e fiquei internada por cinco dias. Tive de tirar meu útero, não tenho filhos. Como Deus não quis, a gente tem de receber. Pelo menos pude preservar minha vida”, diz, aliviada, a moradora do município de Caridade, a 95 km de Fortaleza. Eliziane seguiu com tratamento contra o câncer e hoje celebra os bons resultados. “Graças a Deus, não senti mais nada. As revisões estão sempre bem”.

Câncer de mama

No caso do câncer de mama, exames como mamografia e os ultrassons feitos durante a rotina médica da paciente auxiliam a prevenir e diagnosticar a doença precocemente. Eles são feitos de forma anual, a partir de certa idade. “As pacientes que não fizeram exames ou estão com eles atrasados, têm de ficar atentas principalmente a mudanças nas suas mamas. O autoexame das mamas, hoje em dia, é utilizado muito mais como uma forma de a paciente reconhecer o normal das suas mamas, e, neste momento de pandemia, o autoexame pode ter um impacto interessante se a paciente conhece o normal das suas mamas e percebe alguma alteração”, explica o médico.

As mulheres, de uma forma geral, devem ficar atentas ao surgimento de nódulos. Mas também a alterações na pele, como úlceras, feridas ou a mudanças de textura da pele do seio, como inchaços e aspectos que lembram uma casca de laranja. Pele avermelhada; saída de secreções, como pus; saída de sangue, todos esses casos precisam ser avaliados. Aqueles que forem considerados suspeitos ou já conhecidos como câncer, mesmo durante a pandemia, poderão seguir com atendimento na rede pública — o serviço está em funcionamento devido ao grau de risco.

“Há um compromisso nosso com a população. Nosso serviço é humanizado. Se a paciente não pode esperar, se o tratamento não pode ser adiado, como são todos os casos de câncer, ela tem o atendimento mantido. Aqui no Martiniano de Alencar, estamos suspendendo apenas serviços eletivos”, ressalta a diretora geral da unidade de média complexidade, Silvana Sátira. Ela continua: “Cirurgias e casos de urgência seguem sua rotina de tratamento, tanto com aqueles que já são nossos pacientes quanto com aqueles encaminhados pela (Central de) Regulação do Estado. A saúde de nossos pacientes é nossa prioridade, sempre”.

Homem é espancado até a morte na zona Rural de Missão Velha

Um homicídio foi registrado na cidade de Missão Velha-CE, na tarde desde domingo (28). O jovem José Robson de Oliveira Silva de apenas 19 anos de idade foi assassinado a pauladas na localidade do sítio Geral, na zona rural do município. O jovem residia no local e foi açoitado próximo a sua própria residência.

O homicídio ocorreu por volta das 21 horas, Robson ainda chegou a ser socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado ao Hospital Geral de Missão Velha, mas não resistiu aos ferimentos.

Ao dar entrada no hospital, uma equipe médica tentou reanimar o jovem, que por conta da gravidade dos ferimentos, não resistiu e veio a óbito. Esse foi o segundo homicídio de fevereiro e quarto do ano no município.

Médico que fez lipoaspiração em Liliane Amorim é indiciado por homicídio culposo pela polícia

As investigações acerca da morte da modelo e digital influencer, Liliane dos Santos Amorim, de 26 anos, ocorrida em janeiro deste ano, foram encerradas, na última sexta-feira (26), com a conclusão do inquérito policial instaurado na Delegacia Regional do Crato, na Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Estado. No inquérito, conduzido pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), o médico cirurgião plástico – responsável pela cirurgia – foi indiciado por homicídio culposo devido à imprudência e negligência do profissional. O documento foi enviado ao Poder Judiciário na manhã desta segunda-feira (1º), onde segue para apreciação.

Para o delegado Luiz Eduardo da Costa Santos, titular da Delegacia Regional do Crato e responsável pelas investigações, a perícia realizada no corpo da vítima, bem como os elementos comprobatórios colhidos durante a investigação policial não deixam dúvidas de se tratar de um homicídio culposo. “Com tudo o que foi investigado e todos os elementos colhidos no curso das investigações, ficou evidente que se trata da possibilidade de um homicídio culposo, onde o médico não previa o risco de produzir o resultado. Contudo, por falta de cuidados e cautelas, teria causado o resultado grave”, frisou Luiz Eduardo.

O delegado explicou ainda que o crime culposo, no caso do homicídio, pode se caracterizar por três elementos: a imperícia, a imprudência e a negligência, mas no caso da morte de Liliane, foram constatados dois deles: a imprudência e a negligência. “Dentre os três requisitos, ficaram muito claras a imprudência e a negligência por parte do médico. A imprudência demonstrada quando ocorreu a alta médica de Liliane, ainda com muitos sintomas e dores. Segundo depoimentos, a vítima chegou a sair do hospital de cadeira de rodas. Entendemos, desta forma, que houve uma alta prematura, pois o médico foi consultado quanto à permanência dela no hospital. Ele afirmou que não havia necessidade e então ela foi conduzida a casa dela, onde começou toda a complicação. Foram dias com muitas dores, sonolência, enjoos”, explica.

O delegado Luiz Eduardo ressaltou ainda que a partir dos dias da vítima em casa, se caracterizou a negligência. “Porque não houve assistência necessária à paciente, que se queixava de diversos sintomas, além de não conseguir se alimentar ou dormir, e o médico se encontrava fora da cidade. Ele não fazia atendimento presencial e não deixou ninguém para fazer o atendimento. O que foi constatado foi uma assistência virtual, o que não se pode conceber no caso grave como este”, revela.

No decorrer das investigações, a Polícia Civil do Ceará descobriu que, durante o tempo que a vítima precisou ficar internada após a cirurgia plástica, o médico cirurgião, após pagar parte das despesas com as custas médicas, passou a pressionar que familiares da digital influencer a transferisse para outro hospital, para atendimento fornecido de forma gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), devido não ter mais condições de custear os gastos com a vítima. Apurações apontam ainda que o médico cogitou a possibilidade de entrar na Justiça contra o Estado para obrigá-lo a custear as despesas médicas gastas com a paciente.

No total, foram ouvidas 24 testemunhas, entre familiares e amigos da vítima, profissionais da saúde que participaram da cirurgia e que a acompanharam enquanto ela esteve internada, além do médico que foi indiciado. Junto ao inquérito seguem ainda documentos como o laudo produzido pela Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), prontuários hospitalares/relatórios médicos das clínicas que prestaram atendimentos à vítima desde o primeiro internamento. Todo o material corroborou com as apurações da Polícia Civil. Dessa forma, o médico cirurgião foi indiciado por homicídio na modalidade culposa, presente no parágrafo 3º do artigo 121, combinado com o artigo 18, que trata do crime culposo, ambos previstos no Código Penal.

Laudo determinou causa da morte

No último dia 1º de fevereiro, a Polícia Civil do Ceará recebeu da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) o laudo cadavérico que apontou a causa da morte da digital influencer. O documento com 12 páginas apontou que houve choque séptico de foco abdominal e infecção de partes moles, decorrente de lesão intestinal secundária e traumatismo abdominal penetrante, provocado por instrumento perfurante. Com o documento, os policiais civis da Delegacia Regional do Crato seguiram com as investigações sobre o caso que resultou no indiciamento do médico.

O delegado Luiz Eduardo explicou ainda que o laudo da Pefoce foi fundamental para as investigações. “O grande auxílio da Pefoce, que fez um laudo bem detalhado e sistemático, permitiu com que a gente concluísse que tudo (a morte) começou com a perfuração (ocorrida durante a cirurgia)”, explicou.

Os fatos

A vítima, que tinha 26 anos, foi internada depois de sofrer complicações após a realização de uma cirurgia plástica, ocorrida no dia 9 de janeiro deste ano. Ela morreu em uma unidade hospitalar, no Centro de Juazeiro do Norte, no dia 24 de janeiro, dez dias após dar entrada na emergência do hospital, se queixando de dores.

Os primeiros levantamentos indicaram que a cirurgia plástica, a qual a vítima se submeteu, foi realizada em uma unidade hospitalar na cidade do Crato. Dessa forma, após o registro da ocorrência na delegacia de Juazeiro do Norte, o caso foi transferido para a delegacia do Crato, que concluiu as investigações.