Em Milagres, entidade de fiscalização popular pede afastamento do prefeito Lielson

Por Madson Vagner

A AVB Brasil oficializou nessa quarta-feira, 15, um pedido de afastamento do prefeito de Milagres, Lielson Landim (PDT), e todos os seus secretários.

A entidade Agentes Voluntários do Brasil Contra a Corrupção (AVB Brasil), oficializou nessa quarta-feira, 15, um pedido de afastamento do prefeito Lielson Landim (PDT) e todos os seus secretários. O pedido foi protocolado no Tribunal de Justiça do Ceará.

A denúncia tem como base um relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que considerou irregular um decreto emergencial da Prefeitura, tornando seus gestores livres para fazer contratações sem a necessidade de licitação. A decisão do TCE foi apoiada em parecer do Ministério Público de Contas, que também reprovou o decreto.

No mandato do prefeito Lielson, foram, pelo menos, dois decretos de emergência, em 2018 e 2019, um motivado pela seca e outro pelas chuvas. Contra o prefeito Lielson, foi acostado um parecer da controladora Geral do Município, onde ela emite parecer afirmando que não existia situação de emergência no município. Com o pedido de afastamento a controladora deve ser convocada para depor.

A denúncia coloca sob suspeição as contratações sem licitação. Tudo deve ser analisado pelo Tribunal no retorno do recesso, no próximo dia 20.

Crato: prefeitura desmente supostos favorecimentos no sorteio de casas

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Após setores da oposição do Crato espalharem informação de que alguns contemplados no sorteio do Minha Casa, Minha vida teriam sido beneficiados por serem amigos do prefeito José Ailton Brasil (PP), a prefeitura do Crato rebateu as acusações com uma nota, na qual esclarece que o processo de sorteio atendeu a rigorosos controles de fiscalização, inclusive auditados pela Caixa Econômica Federal, razão pela qual não há motivos para questionar a lisura do processo.

Leia a nota na íntegra:

Das Legislações que regem o Programa Minha Casa, Minha Vida, o trabalho é norteado pela Portaria 163 de 06 de Maio de 2016, que institui o Sistema Nacional de Cadastro Habitacional (SNCH) e aprova o Manual de Instruções para seleção de beneficiários do Programa Nacional de Habitação Urbana (PNHU), no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV). A lista final de candidatos habilitados a participar do sorteio é de responsabilidade da Instituição Financeira Contratante (Capítulo I, item 2 desta Portaria), que no caso dos Residenciais São Bento I e II é a Caixa Econômica Federal. Após a divulgação da lista dos contemplados no sorteio do Programa Minha Casa, Minha Vida, se dará início a fase de montagem de dossiês em face dos 982 sorteados, que serão enviados a Instituição Financeira – Caixa Econômica Federal, segundo os termos do Capítulo I, item 5 do Manual de Instruções para Seleção de Candidatos. Neste momento, poderão ser enviados por qualquer interessado, denúncia em face de qualquer dos contemplados, sendo esta redigida a termo pelo Setor de Habitação da Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social do Município do Crato, verificada in loco, anexada ao dossiê, e em ato contínuo, enviada a Instituição Financeira – Caixa Econômica Federal, a quem caberá o posicionamento final sobre os fatos denunciados. Sendo constatada a veracidade dos fatos narrados na denúncia, o respectivo contemplado será excluído da lista final de sorteados, sendo convocado o beneficiário do sorteio constando na lista de cadastro de reserva. De acordo com o Item 9, das Disposições Finais, “O candidato que omitir informações ou as prestar de forma inverídica, sem prejuízo de outras sanções, será excluído, a qualquer tempo, do processo de seleção do empreendimento, podendo concorrer a outro processo de seleção somente após dois anos da ocorrência .” (Item 9.1 da Portaria 163/2016 do Ministério da Cidades). O sistema de sorteio das unidades habitacionais é de responsabilidade de uma empresa independente com larga experiência no ramo, já tendo sido utilizado em sorteios do Programa Minha Casa, Minha Vida em municípios circunvizinhos, como o de Juazeiro do Norte, e também tendo sido auditado pela Caixa Econômica Federal e demais órgãos de controle e fiscalização do MCMV. O Governo Municipal do Crato vem trabalhando para que este processo aconteça com toda lisura, garantindo a transparência para toda a população.

Crato-CE, 16 de Janeiro de 2020.

Caso Sheila: justiça ordena transferência de um dos acusados do assassinato para Fortaleza

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Após a prisão de dois homens acusados de assassinar a grávida Sheila Cristina Lima Lins, de 34 anos, no bairro São José, em Juazeiro do Norte, no último dia 05, a justiça determinou a transferência de um dos acusados para Fortaleza. Trata-se de Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos. Ele foi levado hoje para um centro de ressocialização na capital, onde cumprirá medida socioeducativa, pois no dia em que supostamente teria cometido o crime ele ainda tinha 17 anos, e a idade mínima para ser preso no Brasil é 18.

O outro acusado, Leandro Cardoso dos Santos, de 24 anos, segue detido na cadeia pública de Juazeiro do Norte. Os dois foram capturados pela polícia na última terça, após ação conjunta entre as Polícias Civil e Militar.

Em entrevista ao NEWS CARIRI, o comandante da Força Tática do 2° BPM, Tenente Lindembergue, revelou que um dos acusados foi localizado pelo setor de Inteligência do Batalhão. “Descobrimos que um suspeito estava utilizando o celular da vítima. Conseguimos chegar até ele e prendê-lo”, afirma.

O acusado Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos, foi detido nas proximidades da praça do Mateus, em Juazeiro. Após a abordagem ele confessou o crime e ainda apontou um co-autor, identificado como Leandro Cardoso dos Santos, de 24 anos, que posteriormente também foi preso pela polícia.

Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos

Felipe Melo projeta evolução no Palmeiras e elogia Luxemburgo

Felipe Melo projetou evolução em sua nova posição no Palmeiras. O volante virou zagueiro em 2020 após ter conversado com o técnico Vanderlei Luxemburgo. No primeiro teste da temporada, o jogador atuou como titular na partida contra o Atlético Nacional que terminou empatada sem gols – o Palmeiras venceu nos pênaltis por 10 a 9. Depois do duelo, ele elogiou o treinador e também comentou sobre ter assumido a braçadeira de capitão da equipe.

 “Difícil dizer em qual (posição) é mais difícil. Tudo é muito treinamento, é pática. É como dirigir um carro, você vai dirigindo e ficando bom. Claro que com muita prudência e muita responsabilidade. Mas a gente chama o Luxemburgo de professor porque ele nos ensina. Estou na mão de um dos melhores treinadores da história do futebol, e a tendência é melhorar”, projetou.

Felipe Melo também analisou as mudanças na função e lembrou que já atuou até como goleiro. Na ocasião, o jogador defendia o Galatasaray, da Turquia, e teve de ir para o gol depois de o uruguaio Fernando Muslera cometer pênalti e ser expulso nos minutos finais. Ele defendeu a cobrança de Türkdogan, e o Galatasaray venceu por 1 a 0.

“No meio de campo, tem que combater a todo momento. Na entrevista que o Luxemburgo deu, ele falou que não é que eu não possa jogar no meio de campo, mas que ele vê como um momento importante em que eu possa ajudar. Já joguei de atacante, zagueiro, lateral, meio-campista, inclusive de goleiro e peguei um pênalti. Agradeço a oportunidade de começar o ano jogando, como capitão da equipe. Não importa sua idade, você tem sempre que aprender”, disse o atleta de 36 anos.

O agora zagueiro ainda minimizou ter sido escolhido para usar a braçadeira de capitão. Até o ano passado, o volante Bruno Henrique era a primeira opção para ser o capitão do Palmeiras.

“Foi passado, eu me sinto feliz. Mas vou ser bem sincero: já me sentia capitão da equipe. Capitão não é aquele que leva a braçadeira. O Bruno Henrique não deixa de ser capitão da equipe, o Dudu e Gustavo (Gómez) também não deixam. Somos vários homens que temos esse espírito de liderança e carregamos os demais. Normal”, afirmou Felipe Melo.

Fonte: Noticias ao minuto

Grêmio faz acordo e anuncia rescisão do contrato de Tardelli

A apagada passagem de Diego Tardelli pelo Grêmio chegou ao fim. Nesta quinta-feira, o clube gaúcho anunciou a rescisão do contrato com o atacante de 34 anos, que, assim, fica livre no mercado. O vínculo com o jogador tinha validade até o final da temporada 2021.

 “O Grêmio anuncia que alcançou um acordo com o atleta Diego Tardelli para a rescisão de contrato entre as partes e o vínculo se encerra imediatamente. O clube deseja ao jogador sucesso na sequência de sua carreira”, afirmou o clube gaúcho em seu perfil no Twitter.

Tardelli chegou ao Grêmio em fevereiro 2019, como principal contratação da equipe para a temporada, mas não conseguiu exibir em campo o que se esperava dele. Demorou a se adaptar, foi reserva nos primeiros meses e só no fim do ano conseguiu adquirir status titular. No total, disputou 47 jogos, com sete gols marcados.

Durante a última temporada, inclusive, teve sua postura criticada publicamente pelo técnico Renato Gaúcho e também por Romildo Bolzan, presidente do clube gaúcho, que no fim de 2019 declarou que Tardelli havia lhe indicado o desejo de sair do Grêmio, algo que agora se concretizou.

O Grêmio não revelou se houve acordo financeiro para acertar a rescisão do vínculo com Tardelli, que retornou ao futebol brasileiro após quatro anos atuando no Shandong Luneng, da China. E, livre no mercado, deve entrar na mira de clubes do futebol nacional, onde atuou anteriormente por Atlético Mineiro, com duas passagens de sucesso e status de ídolo, São Paulo, onde iniciou a sua carreira, Flamengo e São Caetano.

Fonte: Noticias ao minuto

Pedro volta ao Flamengo 7 anos após dispensa e ficar escondido no clube

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O munda da bola girou, deu voltas e o atacante Pedro, virtual novo reforço do Flamengo, está voltando ao seu ponto de partida. Cria do clube, o jogador regressa para retomar uma história interrompida em 2013, quando foi dispensado pela comissão técnica do sub-16 do time carioca.

 A vocação para a artilharia começou no futsal do Fla, mas o fim da linha veio quando se dedicava com mais exclusividade aos gramados. Fã da “bola pesada”, treinava às escondidas no ginásio, ainda que a ordem fosse de dedicação integral ao gramado. Nesta época, um dos grandes amigos era Bruno Guimarães, hoje no Athletico.

Morador do bairro do Méier (zona norte do Rio de Janeiro), Pedro era figurinha carimbada na arquibancada do Maracanã e do Nilton Santos. Ao deixar o clube do coração, viu interrompido o sonho de brilhar vestindo vermelho e preto, plano que está em vias de ser retomado a partir de agora.

O fim do ciclo na Gávea foi duro, mas logo viria a recompensa. O jovem ficou um mês parado, tentou a sorte no Bangu por um tempo e depois foi pro Duquecaxiense. Mesmo com idade de juvenil, foi promovido aos juniores, jogou pela equipe por um ano e meio até fazer um movimento que mudaria o destino.

Ao chamar a atenção do Artsul, de Nova Iguaçu, foi contratado e desandou a fazer gols. Observado por um profissional da captação do Fluminense, fez testes por três meses em Xerém até ficar em definitivo. A partir daí, passou a viver o outro lado da rivalidade Fla x Flu.

Na base tricolor, o centroavante se destacou desde 2014, ano de sua chegada ao clube. Com boa técnica e capacidade de finalização, Pedro logo se destacou e foi peça importante no título do Brasileiro sub-20 em 2015.

Nas Laranjeiras, o garoto foi “adotado” por Fred, que enxergava nele um enorme potencial. A consolidação, no entanto, só veio em 2018. Em 40 jogos, marcou 19 vezes, mas foi parado por uma cirurgia no joelho direito. À época da lesão, estava convocado por Tite para amistosos da seleção brasileira.

O retorno aos campos durou longos sete meses, mas seu nome já estava no radar rubro-negro. O namoro esquentou de vez após o pedido expresso de Jorge Jesus por um “avançado”. A cúpula do Fla acenou com 12 milhões de euros (R$ 55,6 milhões), mas a oferta foi imediatamente rechaçada pelo presidente tricolor Mário Bittencourt. Tempos depois, ele acertaria com a Fiorentina.

Em baixa na Fiorentina, o atleta deixou escancarada sua vontade de voltar ao Rio de Janeiro para vestir as cores do Rubro-Negro. De olho em uma vaga na Olimpíada de Tóquio, ele chegará em patamar diferente daquele de anos atrás. Ao fim do empréstimo de uma temporada, o clube carioca terá de desembolsar cerca de 10 milhões de euros (R$ 46,4 milhões) para tê-lo em definitivo, quantia menor do que a oferecida ao Flu. Após muitas idas e vindas, o destino está perto de proporcionar uma nova chance para Pedro e o Flamengo.

Fonte: Noticias ao minuto

Flávio Pena é demitido e deixa o cargo de diretor financeiro do Cruzeiro

O diretor financeiro do Cruzeiro, Flávio Pena, foi demitido nesta manhã. Em contato com a reportagem, Flávio confirmou que após uma reunião com atual diretor executivo do clube, André Argolo, foi comunicado do seu desligamento. A informação foi publicada pela Rádio Itatiaia e confirmada pelo GloboEsporte.com. O Cruzeiro confirmou a demissão do diretor.

– Acho que me ligam politicamente à gestão anterior, não sou político, mas tudo bem. Espero que o Cruzeiro tenha junto a essa gestão capacidade de se reconstruir. Quem me comunicou foi o André Argolo, de forma muito comovida, mas é isso aí, eu acho que eles estão tentando reduzir custo também. Meu salário era um salário de mercado, mas eles consideram um salário alto.

Flávio Pena era um dos integrantes da gestão de Wagner Pires de Sá que continuavam do clube. O ex-presidente e parte dos seus aliados renunciaram no fim do ano passado aos cargos, após a queda histórica do Cruzeiro à Série B.

– Importante que eu saia também com um propósito de que a minha imagem não seja vinculada a nenhuma dessas pessoas que saíram. Meu cargo era técnico. Desejo todo o sucesso para o Cruzeiro. Eu acho que o clamor da torcida hoje por essa reconstrução do Cruzeiro, vai dar tudo certo. O comitê tá indo num caminho certo mesmo de apurar o que aconteceu no passado e como dizem eles: “doa a quem doer”.

Fonte: Globo esporte.com

Cientistas afirmam que existem quatro tipos de envelhecimento

Já reparou que nem todos envelhecemos à mesma velocidade? Um estudo publicado no periódico científico Nature Medicine aponta que alguns indivíduos podem ser considerados mais jovens ou velhos do que outros de acordo com determinados biomarcadores moleculares – e independentemente da idade biológica.

 Segundo os cientistas envolvidos na pesquisa tal deve-se ao processo que ocorre nas moléculas de cada indivíduo.

A pesquisa

Os cientistas seguiram 106 indivíduos saudáveis durante dois anos, realizando análises ao sangue com regularidade e examinando outras amostras biológicas, que revelassem alterações moleculares. Nesse período de tempo foram detectados marcadores novos e outros já conhecidos associados ao envelhecimento.

Posteriormente, a equipe formulou padrões de envelhecimento distintos nos voluntários, chamados ‘ageotypes’ ou ‘tipos de envelhecimento’. Tendo como base para a criação dessas categorias as variantes moleculares de cada pessoa que foram sofrendo alterações gradualmente.

No final do estudo os investigadores concluíram que existem quatro vias biológicas do envelhecimento: imunológico, renal, hepático ou metabólico.

O estudo inédito sugere que segundo o ‘ageotype’, é possível saber, se em anos vividos alguém está mais propenso a vir a sofrer de diabetes, câncer ou doenças coronárias – podendo quem sabe evitar milhões de casos de morte precoce.

Todavia, os cientistas ainda não sabem ao certo como determinadas pessoas têm um ‘ageotype’ ou outro e estão atualmente conduzindo mais pesquisas, de modo a alcançarem um melhor entendimento sobre o tema.

Fonte: Noticias ao minuto

Quarta morte por suspeita de contaminação de cerveja é confirmada

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Polícia Civil de Minas Gerais confirmou nesta quinta-feira (16) a terceira morte por suspeita de intoxicação por dietilenoglicol presente na cerveja Belorizontina, da fabricante Becker. Ao todo, quatro pessoas morreram com sintomas que podem estar ligados a ingestão do produto. Um desses casos, entretanto, ainda está sendo investigado.

 A nova vítima, um homem de 89 anos, estava internada no Hospital MaterDei, no centro-sul de Belo Horizonte. Ele tinha sintomas da síndrome nefroneural, causada pela substância, e teve sua morte confirmada por volta das cinco horas e 25 minutos desta quinta. 

Até o momento, o dietilenoglicol foi encontrado em três lotes da Belorizontina. A substância, usada na indústria para evitar que os líquidos congelem ou evaporem, é tóxica. Sua ingestão impede funcionamento normal dos rins, causa alterações neurológicas, vômito e diarreias, podendo levar à morte em alguns casos.

Nesta quarta (15), o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) informou, após inspeções dentro da cervejaria Becker, que a água usada na produção da cerveja estava contaminada com dietilenoglicol e monoetilenoglicol. As duas substâncias são proibidas em alimentos.

Além disso, o ministério aponta que a análise das amostras indica que a contaminação ocorreu dentro da cervejaria.

A empresa diz que o dietilenoglicol não faz parte de nenhum dos processos de fabricação dos seus produtos e que está colaborando com as investigações.

Na terça (14), Paula Lebbos, diretora de marketing da cervejaria, pediu que consumidores não bebessem a cerveja Belorizontina, independente do lote. Segundo Lebbos, a empresa é constantemente vistoriada e os processos são auditados. A diretora se diz surpresa com o caso.

Na última semana, o ministério fechou, em caráter cautelar, a unidade Três Lobos da empresa na capital mineira. Foram apreendidos 139 mil litros de cerveja engarrafada e 8.480 litros de chope. A empresa foi notificada a fazer recolhimento de todos os produtos (cervejas e chopes) produzidos de outubro de 2019 até o momento.

O primeiro caso foi notificado em 30 de dezembro de 2019. As secretarias de saúde da capital e do estado foram avisadas de que um paciente com insuficiência renal aguda e alterações neurológicas havia sido internado na rede privada de saúde de Belo Horizonte.

No dia seguinte um novo caso foi notificado. O paciente foi internado em um hospital em Juiz de Fora.

Até a quarta-feira (15), pelo menos 18 casos estavam sob investigação da Polícia Civil, que apura ainda se houve sabotagem ou vazamento e utilização incorreta da substância.

Em dezembro, a cervejaria registrara um boletim de ocorrência contra um ex-funcionário que ameaçou de morte um supervisor da empresa (dentro do local de trabalho) após ser notificado de sua demissão.

Fonte: Noticias ao minuto

Homens entram armados em escola e atiram em três adolescentes no Ceará

FORTALEZA , CE (FOLHAPRESS) – Três adolescentes foram baleados na noite desta quarta-feira (15), enquanto jogavam futebol na quadra de uma escola no bairro José Walter, periferia de Fortaleza. Eles não têm ferimentos graves, segundo informações iniciais do Centro Educacional Doris Johnson.

 Dois homens entraram armados no local e efetuaram os disparos. Duas das vitimas são alunos da escola, enquanto a terceira estava apenas assistindo ao jogo, que fazia parte de um projeto social organizado por uma igreja evangélica.

O colégio é particular, mas com parte dos alunos mantidos com bolsa.

As três vítimas foram socorridas por funcionários e moradores da região e encaminhadas ao Hospital Distrital Gonzaga Mota do José Walter, conhecido como Gonzaguinha, também no bairro José Walter.

O centro educacional informou que entregou as imagens das câmeras de segurança à polícia para ajudar na identificação dos autores dos disparos e, apesar de dizer que o caso foi isolado, cobrou mais segurança.

A região tem atuação forte de facções criminosas, que nas últimas semanas voltaram a se enfrentar em diversas regiões de Fortaleza e da região metropolitana pelo controle de áreas relacionadas ao tráfico.

Em 2019, o Ceará registrou diminuição em 50% nos homicídios se comparado com 2018. O governo do estado atribui a queda ao isolamento dos líderes das três principais facções que atuam mais forte no estado, o PCC, o Comando Vermelho e a local GDE (Guardiões do Estado).

Alguns deles foram transferidos a presídios federais durante os ataques criminosos que afetaram todo o Estado no início e em meados de 2019.

Fonte: Noticias ao minuto

Mais Nutrição distribuiu 185 toneladas de alimentos e beneficiou 14 mil pessoas

Inaugurada em junho de 2019 na Ceasa-CE em Maracanaú, a Fábrica de Polpas e Sopas do Programa Mais Nutrição vem servindo de exemplo de como reduzir o desperdício de alimentos e proporcionar a segurança alimentar de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade assistidos por instituições cearenses. Instituições de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú são contempladas com a iniciativa.

O Mais Nutrição realizou doações para 75 instituições de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú, beneficiando 14.287 pessoas, entre crianças, adolescentes, adultos e idosos. Desde sua inauguração até o mês de janeiro deste ano, foram distribuídos para as entidades 185.307 kg de produtos “in natura” e mix desidratados. O projeto faz parte do Programa Mais Infância Ceará, idealizado pela primeira-dama do Estado, Onélia Santana.

A primeira-dama ressaltou os “bons resultados do programa”. “São 185 toneladas de alimentos, que antes seriam desperdiçados e hoje estão sendo aproveitados com o objetivo de garantir a segurança alimentar e o desenvolvimento integral das crianças e adolescentes, além de reduzir o desperdício de alimentos”, destacou.

“São entidades que fazem trabalho voltado para crianças e adolescentes nas áreas de arte e cultura, desenvolvendo atividades esportivas e cursos e precisavam dessa alimentação. Foram realizados seminários, capacitações com as entidades para sabe como lidar com esses alimentos, para não estragar ao chegar nas instituições e há também equipe multidisciplinar para fazer visitas de monitoramento nas entidades”, completou Onélia Santana.

Mais Nutrição

O Mais Nutrição tem como objetivo o combate ao desperdício de alimentos, aproveitando frutas e legumes em boas condições de consumo, mas que não apresentam condições para serem comercializados, doados por permissionários da Ceasa-CE e empresas privadas. As doações são feitas “in natura” ou através de sopa desidratada e polpas de fruta, produzidas na fábrica do programa.

Débora Melo, nutricionista do Mais Nutrição, explica como a sopa é feita. “Primeiro, selecionamos os legumes aptos para consumo; depois é feita a higienização no cloro com produtos específicos para eliminar os microorganismos e depois vai para o descasque. Em seguida, o alimento passa pelo processo de cubetação e é levado para as telas das estufas, onde ficará desidratando pelo tempo específico do tipo do alimento, alguns 5 e outros até 10 horas,” diz ela.

A nutricionista explica ainda que para a fabricação das polpas, as frutas passam por um processo parecido. “Começa pela seleção e higienização. Depois, as frutas vão para a despolpadeira, depois são envasadas para congelamento e armazenamento para serem doadas”, destaca Débora Melo.

Irmã Cristina é presidente da Associação Madre Verônica, situada em Fortaleza, criada há três anos para ajudar a manter o projeto humanitário que atua na comunidade há 16 anos, atendendo 60 crianças. Ela comemora a inclusão da associação no Mais Nutrição. “Foi uma benção de Deus. Agora temos alimento saudável para os lanches das crianças e dos nossos voluntários, que faz a diferença no nosso cardápio. As crianças comem com prazer as frutas e apreciam demais os sucos,” esclarece ela.

Irmã Cristina explica ainda que o Mais Nutrição deu à associação o que faltava. “Muita coisa mudou, pois agora as crianças podem se alimentar de frutas e verduras. As que não gostavam, talvez por falta do hábito, estão aprendendo a comer. Agradecemos ao Governo do Estado, através da primeira-dama, e à Ceasa-CE por essa iniciativa e por proporcionar aos nossos pequenos condições para crescerem saudáveis”, destaca.

Além da Ceasa-CE, o Programa Mais Nutrição conta também com a parceria da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Instituto Agropolos do Ceará, Associação dos Permissionários da Ceasa (Assucece) e grupo M. Dias Branco.