Em Milagres, entidade de fiscalização popular pede afastamento do prefeito Lielson

Por Madson Vagner

A AVB Brasil oficializou nessa quarta-feira, 15, um pedido de afastamento do prefeito de Milagres, Lielson Landim (PDT), e todos os seus secretários.

A entidade Agentes Voluntários do Brasil Contra a Corrupção (AVB Brasil), oficializou nessa quarta-feira, 15, um pedido de afastamento do prefeito Lielson Landim (PDT) e todos os seus secretários. O pedido foi protocolado no Tribunal de Justiça do Ceará.

A denúncia tem como base um relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que considerou irregular um decreto emergencial da Prefeitura, tornando seus gestores livres para fazer contratações sem a necessidade de licitação. A decisão do TCE foi apoiada em parecer do Ministério Público de Contas, que também reprovou o decreto.

No mandato do prefeito Lielson, foram, pelo menos, dois decretos de emergência, em 2018 e 2019, um motivado pela seca e outro pelas chuvas. Contra o prefeito Lielson, foi acostado um parecer da controladora Geral do Município, onde ela emite parecer afirmando que não existia situação de emergência no município. Com o pedido de afastamento a controladora deve ser convocada para depor.

A denúncia coloca sob suspeição as contratações sem licitação. Tudo deve ser analisado pelo Tribunal no retorno do recesso, no próximo dia 20.

Crato: prefeitura desmente supostos favorecimentos no sorteio de casas

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Após setores da oposição do Crato espalharem informação de que alguns contemplados no sorteio do Minha Casa, Minha vida teriam sido beneficiados por serem amigos do prefeito José Ailton Brasil (PP), a prefeitura do Crato rebateu as acusações com uma nota, na qual esclarece que o processo de sorteio atendeu a rigorosos controles de fiscalização, inclusive auditados pela Caixa Econômica Federal, razão pela qual não há motivos para questionar a lisura do processo.

Leia a nota na íntegra:

Das Legislações que regem o Programa Minha Casa, Minha Vida, o trabalho é norteado pela Portaria 163 de 06 de Maio de 2016, que institui o Sistema Nacional de Cadastro Habitacional (SNCH) e aprova o Manual de Instruções para seleção de beneficiários do Programa Nacional de Habitação Urbana (PNHU), no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV). A lista final de candidatos habilitados a participar do sorteio é de responsabilidade da Instituição Financeira Contratante (Capítulo I, item 2 desta Portaria), que no caso dos Residenciais São Bento I e II é a Caixa Econômica Federal. Após a divulgação da lista dos contemplados no sorteio do Programa Minha Casa, Minha Vida, se dará início a fase de montagem de dossiês em face dos 982 sorteados, que serão enviados a Instituição Financeira – Caixa Econômica Federal, segundo os termos do Capítulo I, item 5 do Manual de Instruções para Seleção de Candidatos. Neste momento, poderão ser enviados por qualquer interessado, denúncia em face de qualquer dos contemplados, sendo esta redigida a termo pelo Setor de Habitação da Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social do Município do Crato, verificada in loco, anexada ao dossiê, e em ato contínuo, enviada a Instituição Financeira – Caixa Econômica Federal, a quem caberá o posicionamento final sobre os fatos denunciados. Sendo constatada a veracidade dos fatos narrados na denúncia, o respectivo contemplado será excluído da lista final de sorteados, sendo convocado o beneficiário do sorteio constando na lista de cadastro de reserva. De acordo com o Item 9, das Disposições Finais, “O candidato que omitir informações ou as prestar de forma inverídica, sem prejuízo de outras sanções, será excluído, a qualquer tempo, do processo de seleção do empreendimento, podendo concorrer a outro processo de seleção somente após dois anos da ocorrência .” (Item 9.1 da Portaria 163/2016 do Ministério da Cidades). O sistema de sorteio das unidades habitacionais é de responsabilidade de uma empresa independente com larga experiência no ramo, já tendo sido utilizado em sorteios do Programa Minha Casa, Minha Vida em municípios circunvizinhos, como o de Juazeiro do Norte, e também tendo sido auditado pela Caixa Econômica Federal e demais órgãos de controle e fiscalização do MCMV. O Governo Municipal do Crato vem trabalhando para que este processo aconteça com toda lisura, garantindo a transparência para toda a população.

Crato-CE, 16 de Janeiro de 2020.

Caso Sheila: justiça ordena transferência de um dos acusados do assassinato para Fortaleza

POR AGÊNCIA NEWS CARIRI

Após a prisão de dois homens acusados de assassinar a grávida Sheila Cristina Lima Lins, de 34 anos, no bairro São José, em Juazeiro do Norte, no último dia 05, a justiça determinou a transferência de um dos acusados para Fortaleza. Trata-se de Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos. Ele foi levado hoje para um centro de ressocialização na capital, onde cumprirá medida socioeducativa, pois no dia em que supostamente teria cometido o crime ele ainda tinha 17 anos, e a idade mínima para ser preso no Brasil é 18.

O outro acusado, Leandro Cardoso dos Santos, de 24 anos, segue detido na cadeia pública de Juazeiro do Norte. Os dois foram capturados pela polícia na última terça, após ação conjunta entre as Polícias Civil e Militar.

Em entrevista ao NEWS CARIRI, o comandante da Força Tática do 2° BPM, Tenente Lindembergue, revelou que um dos acusados foi localizado pelo setor de Inteligência do Batalhão. “Descobrimos que um suspeito estava utilizando o celular da vítima. Conseguimos chegar até ele e prendê-lo”, afirma.

O acusado Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos, foi detido nas proximidades da praça do Mateus, em Juazeiro. Após a abordagem ele confessou o crime e ainda apontou um co-autor, identificado como Leandro Cardoso dos Santos, de 24 anos, que posteriormente também foi preso pela polícia.

Francisco Jonh Nogueira dos Santos, de 18 anos

Cientistas afirmam que existem quatro tipos de envelhecimento

Já reparou que nem todos envelhecemos à mesma velocidade? Um estudo publicado no periódico científico Nature Medicine aponta que alguns indivíduos podem ser considerados mais jovens ou velhos do que outros de acordo com determinados biomarcadores moleculares – e independentemente da idade biológica.

 Segundo os cientistas envolvidos na pesquisa tal deve-se ao processo que ocorre nas moléculas de cada indivíduo.

A pesquisa

Os cientistas seguiram 106 indivíduos saudáveis durante dois anos, realizando análises ao sangue com regularidade e examinando outras amostras biológicas, que revelassem alterações moleculares. Nesse período de tempo foram detectados marcadores novos e outros já conhecidos associados ao envelhecimento.

Posteriormente, a equipe formulou padrões de envelhecimento distintos nos voluntários, chamados ‘ageotypes’ ou ‘tipos de envelhecimento’. Tendo como base para a criação dessas categorias as variantes moleculares de cada pessoa que foram sofrendo alterações gradualmente.

No final do estudo os investigadores concluíram que existem quatro vias biológicas do envelhecimento: imunológico, renal, hepático ou metabólico.

O estudo inédito sugere que segundo o ‘ageotype’, é possível saber, se em anos vividos alguém está mais propenso a vir a sofrer de diabetes, câncer ou doenças coronárias – podendo quem sabe evitar milhões de casos de morte precoce.

Todavia, os cientistas ainda não sabem ao certo como determinadas pessoas têm um ‘ageotype’ ou outro e estão atualmente conduzindo mais pesquisas, de modo a alcançarem um melhor entendimento sobre o tema.

Fonte: Noticias ao minuto

Mais Nutrição distribuiu 185 toneladas de alimentos e beneficiou 14 mil pessoas

Inaugurada em junho de 2019 na Ceasa-CE em Maracanaú, a Fábrica de Polpas e Sopas do Programa Mais Nutrição vem servindo de exemplo de como reduzir o desperdício de alimentos e proporcionar a segurança alimentar de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade assistidos por instituições cearenses. Instituições de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú são contempladas com a iniciativa.

O Mais Nutrição realizou doações para 75 instituições de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú, beneficiando 14.287 pessoas, entre crianças, adolescentes, adultos e idosos. Desde sua inauguração até o mês de janeiro deste ano, foram distribuídos para as entidades 185.307 kg de produtos “in natura” e mix desidratados. O projeto faz parte do Programa Mais Infância Ceará, idealizado pela primeira-dama do Estado, Onélia Santana.

A primeira-dama ressaltou os “bons resultados do programa”. “São 185 toneladas de alimentos, que antes seriam desperdiçados e hoje estão sendo aproveitados com o objetivo de garantir a segurança alimentar e o desenvolvimento integral das crianças e adolescentes, além de reduzir o desperdício de alimentos”, destacou.

“São entidades que fazem trabalho voltado para crianças e adolescentes nas áreas de arte e cultura, desenvolvendo atividades esportivas e cursos e precisavam dessa alimentação. Foram realizados seminários, capacitações com as entidades para sabe como lidar com esses alimentos, para não estragar ao chegar nas instituições e há também equipe multidisciplinar para fazer visitas de monitoramento nas entidades”, completou Onélia Santana.

Mais Nutrição

O Mais Nutrição tem como objetivo o combate ao desperdício de alimentos, aproveitando frutas e legumes em boas condições de consumo, mas que não apresentam condições para serem comercializados, doados por permissionários da Ceasa-CE e empresas privadas. As doações são feitas “in natura” ou através de sopa desidratada e polpas de fruta, produzidas na fábrica do programa.

Débora Melo, nutricionista do Mais Nutrição, explica como a sopa é feita. “Primeiro, selecionamos os legumes aptos para consumo; depois é feita a higienização no cloro com produtos específicos para eliminar os microorganismos e depois vai para o descasque. Em seguida, o alimento passa pelo processo de cubetação e é levado para as telas das estufas, onde ficará desidratando pelo tempo específico do tipo do alimento, alguns 5 e outros até 10 horas,” diz ela.

A nutricionista explica ainda que para a fabricação das polpas, as frutas passam por um processo parecido. “Começa pela seleção e higienização. Depois, as frutas vão para a despolpadeira, depois são envasadas para congelamento e armazenamento para serem doadas”, destaca Débora Melo.

Irmã Cristina é presidente da Associação Madre Verônica, situada em Fortaleza, criada há três anos para ajudar a manter o projeto humanitário que atua na comunidade há 16 anos, atendendo 60 crianças. Ela comemora a inclusão da associação no Mais Nutrição. “Foi uma benção de Deus. Agora temos alimento saudável para os lanches das crianças e dos nossos voluntários, que faz a diferença no nosso cardápio. As crianças comem com prazer as frutas e apreciam demais os sucos,” esclarece ela.

Irmã Cristina explica ainda que o Mais Nutrição deu à associação o que faltava. “Muita coisa mudou, pois agora as crianças podem se alimentar de frutas e verduras. As que não gostavam, talvez por falta do hábito, estão aprendendo a comer. Agradecemos ao Governo do Estado, através da primeira-dama, e à Ceasa-CE por essa iniciativa e por proporcionar aos nossos pequenos condições para crescerem saudáveis”, destaca.

Além da Ceasa-CE, o Programa Mais Nutrição conta também com a parceria da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Instituto Agropolos do Ceará, Associação dos Permissionários da Ceasa (Assucece) e grupo M. Dias Branco.