Grupo Cariri Center anuncia abertura de nova loja no Crato ainda neste ano

Por Agência News Cariri

A rede de supermercados Cariri Center, que contabiliza quatro lojas em Juazeiro do Norte, anunciou que irá instalar uma nova unidade no Crato. A confirmação veio após reunião dos representantes do grupo gestor da rede com o prefeito do Crato Zé Ailton Brasil, nesta terça-feira, 13.

Segundo os dirigentes do grupo, o mais novo empreendimento deve ser inaugurado em dezembro deste ano. A previsão é que a instalação da loja proporcione a criação  de 50 empregos diretos.

Cagece promove ações de estímulo ao voluntariado no Cariri

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) inicia nesta terça-feira (13) uma série de ações em diferentes instituições beneficentes de Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha. A companhia irá promover atividades como palestras, apresentações lúdicas e oficinas por meio do programa Voluntariado, iniciativa da companhia que tem o objetivo de incentivar ações voluntárias em instituições, bem como promover a política de responsabilidade social de modo a aproximar a companhia de entidades beneficiadas. As atividades seguirão até a próxima quinta-feira (15).

A abertura acontecerá na sede da unidade da Cagece em Juazeiro do Norte, onde a equipe do programa receberá representantes e membros das instituições. As atividades acontecerão nos locais onde funcionam as entidades cadastradas no programa: o Orfanato Jesus Maria e José, a instituição José Bezerra de Menezes e o Abrigo de Amparo aos Moradores de Rua, de Juazeiro; a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), do Crato e a Instituição de Apoio à Criança com Câncer, de Barbalha.

Na ocasião, a equipe do Voluntariado fará uma apresentação sobre a atuação programa e o trabalho desenvolvido nas instituições cadastradas. Além disso, haverá apresentações lúdicas do teatro de fantoches da Cagece, sessão de cinema, mobilização para doação de sangue e oficina de confecção de artigos artesanais com a equipe do programa Reciclocidades, outra iniciativa da companhia que tem o objetivo de formar grupos produtivos para reciclagem reutilizando materiais que seriam descartados como jornal, papel, garrafas pet, entre outros.

De acordo com Elias Lino, auxiliar administrativo da Cagece e um dos organizadores do evento, a expectativa é bastante positiva. “É um momento gratificante e com a expectativa boa, ainda mais com a receptividade positiva das instituições para participarem desse momento”, explica. Segundo Fabiana Carvalho, coordenadora do programa Voluntariado da Cagece, o objetivo é promover maior aproximação entre as instituições e a companhia. “A expectativa é envolver o maior número de voluntários e proporcionar momentos de aproximação entre os colaboradores e as instituições nesse primeiro momento do programa na unidade da Cagece na região”, conclui.

*Saiba mais*

O programa Voluntariado da Cagece realiza o cadastramento de instituições beneficentes para contribuir com ações como o mutirão de digitação solidária de cupons fiscais realizada pelos colaboradores da companhia, cujo valor digitado é direcionado para as instituições. Além disso, o programa também promove visitas às entidades cadastradas para oferecer momentos de aproximação com as pessoas que são atendidas pelas instituições de caridade.

Programa Tempo de Justiça será implantado nas comarcas de Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha

Os representantes do Sistema de Justiça e os coordenadores do Programa Tempo de Justiça anunciaram, durante a reunião de trabalho do Comitê de Governança, na manhã desta segunda-feira (12) a implantação do programa nas comarcas de Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha, a partir de janeiro de 2020. Dentre outros assuntos, foram apresentados os resultados alcançados obtidos através da ferramenta de monitoramento em relação às comarcas de Fortaleza, Sobral, Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha. Também entrará em funcionamento a Central de Monitoramento do Programa Tempo de Justiça numa sala já preparada no Fórum Clóvis Beviláqua.

A mesa diretora dos trabalhos foi composta pelo desembargador-presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE), Washington Luis Bezerra de Araújo; o procurador-geral de Justiça, Plácido Barroso Rios; a defensora pública-geral, Mariana Lobo; o delegado-adjunto, Sérgio Pereira; e o assessor executivo do Pacto por um Ceará Pacífico, Cássio Franco. Também participaram da reunião os magistrados, promotores de Justiça, defensores públicos que atuam nas Varas do Júri de Fortaleza e dos municípios da Região do Cariri, bem como delegados e peritos.

O procurador-geral de Justiça Plácido Rios lembrou que o Tempo de Justiça conquistou o 1º lugar no prêmio do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), na categoria “Redução da Criminalidade”. “Não tenho dúvida de que o Programa está consolidado e, o mais importante, ele serviu para aprendermos a lidar com humildade no trato entre as instituições. Temos a obrigação de darmos essa resposta com a obtenção de resultados positivos”, disse o PGJ.

Já o promotor de Justiça Manuel Pinheiro revelou que Fortaleza é capital que possui a situação mais confortável do País, com a diminuição de prazos dos julgamentos sobre crimes contra a vida. “Não estamos medindo forças entre as instituições, mas somando esforços para a redução do tempo de julgamentos com a apuração de responsabilidades. Pelo sistema, sabemos que etapas do processo consomem mais tempo”, ponderou. Ele assegurou que o desenvolvimento do Painel de Controle do Programa Tempo de Justiça só foi possível em razão da lealdade e da transparência do Tribunal de Justiça e da Polícia Civil em compartilhar seus dados.

Mostra de teatro leva espetáculos a 13 cidades do Cariri

Riso, drama, ludicidade, musicalidade. As artes cênicas são capazes de misturar inúmeros elementos para fazer o público se emocionar, refletir e debater os mais diversos temas. Como uma forma de levar todo esse potencial para diversos locais, o Sesc Juazeiro do Norte realiza, de 12 a 27 de agosto, a edição 2019 da Mostra de Teatro de Rua. Este ano, a mostra envolve toda a região leste do Cariri, com espetáculos em 13 cidades.

Mais que incentivar a cultura, a ideia da mostra é preservar e estimular as manifestações artísticas de rua, ocupando os mais diversos espaços como lugares de expressão e divulgação das artes cênicas. Para isso, foram escolhidos para receber as apresentações espaços públicos nas cidades de Juazeiro do Norte, Barbalha, Jardim, Missão Velha, Mauriti, Milagres, Jatí, Granjeiro, Porteiras, Brejo Santo, Aurora, Penaforte e Caririaçu.

Cinco espetáculos de quatro grupos compõem o roteiro de apresentações. As atrações foram escolhidas com base tanto nas particularidades artísticas de cada uma, quanto na facilidade que têm para dialogar com diversos públicos, independentemente de questões como idade ou escolaridade. Entre as produções que vão ser apresentadas, existem grupos de Fortaleza, Juazeiro do Norte e também da Paraíba.

Programação

Espetáculo: Circo do K’Os – Os Clássicos da Palhaçaria

Grupo K’Os Coletivo – Fortaleza/CE

Classificação Livre

O Circo do K’Os  – Os Clássicos da Palhaçaria apresenta reprises clássicas com três palhaços que só se metem em enrascada. Pinguelão, Pipiu e Tramela aprontam uma atrás da outra. As cenas se desenrolam com muitas gags e números tradicionais do palhaço brasileiro. Formado para grandes plateias e com o intuito de atingir um público diverso, segue uma estrutura de rua, podendo ser apresentado em praças, parques, escolas e/ou locais alternativos. 

Datas e locais:

12/08 – 19h – Barbalha – Praça Paulo de Muluca.

13/08 – 15h – Jardim – Escola Dr. Romão

13/08 – 20h – Comunidade Barro Vermelho – Barbalha – Pátio da Igreja Nossa Senhora da Saúde)

Espetáculo: Guerra de Cup&Cake

Grupo K’Os Coletivo – Fortaleza/CE

Tempo de Duração 50

Classificação Livre

Conta a história de dois mestres cucas experts em doces que lutam por um mesmo objetivo: o prêmio de maior e melhor confeiteiro de cidade de Mascavo.

Um Chama Cup e o outro Cake. O que eles não esperavam é que nessa briga, eles juntos iriam criar um doce que passaria a ser conhecido em todo mundo: o Cupcake.

Data e local:

14/08 – 19h – Missão Velha (Praça José Macedo Coelho – Briquedopraça)

Espetáculo: Chafurdo

Grupo: Dona Zefinha – Itapipoca – CE

Duração: 50

Classificação Indicativa Livre

Em Ch@furdo, três irmãos se reúnem para realizar uma apresentação musical improvisada com a maioria dos instrumentos feitos de materiais alternativos. Ao longo do espetáculo, vão descobrindo, junto do público, diversas formas de composição musical. O irmão mais velho tenta a todo o momento reger e organizar a apresentação, façanha que se torna difícil uma vez que o irmão mais novo sempre se desconcentra atrapalhando os números e deixando o irmão do meio entre a obrigação e a brincadeira.

Data e local:

15/08 – 19h – Mauriti (Praça Padre Cícero)

16/08 – 19h – Milagres (Praça Sete de Setembro)

17/08 – 19h – Juazeiro do Norte (Estacionamento do Sesc Juazeiro do Norte)

Espetáculo: As Presepadas de Benedito

Grupo: Mamulengo, Arte do Riso – Juazeiro do Norte – CE

Duração: 50

Classificação Indicativa Livre

Um espetáculo de teatro de bonecos que brinca com cenas lúdicas e engraçadas próprias do Nordeste, onde de tudo acontece. Apresentado pela maestria do personagem Benedito, um vaqueiro muito afamado na região que com suas espertezas e coragem sempre se sai das diversas situações. O espetáculo é recheado com muitas passagens musicais, atua sempre acompanhado por uma dupla formada por zabumba e pífano. O improviso e as brincadeiras com a plateia tornam o espetáculo mais descontraído e participativo.

Data e local:

19/08 – 17h – Jatí (CRAS – Centro de Referência de Assistência Social)

20/08 – 15:30h – Granjeiro (Pátio do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social)

26/08 – 19h – Penaforte (Praça Central Querubins Bringel)

27/08 – 15h – Distrito São Gonçalo – Juazeiro do Norte (Quadra da Escola José Araújo)

27/08 – 19h – Caririaçu (Centro Cultural Raimundo de Oliveira Borges)

Espetáculo: Troca-se Histórias por Brincadeiras

Grupo Arretado Produções Artísticas – Joao Pessoa/PB

Tempo de Duração 50

Classificação Livre

Contando histórias e ganhando brincadeiras: espetáculo constrói universo interativo, dinâmico e lúdico. Dengoso é um palhaço aventureiro, que anda em parceria com seu sobrinho Pitoco, um menino curioso, músico e brincalhão Andando de cidade em cidade, os dois trocam suas histórias por brincadeiras. O espetáculo trata de temas, tais como: relações humanas, encantamento, interatividade e seu conteúdo é a cultura popular nordestina.

Data e local:

21/08 – 19h – Porteiras (Praça da Liberdade)

22/08 – 15:30h – Brejo Santo (Pátio do CEI – Professora Maria Leoneide Leandro Lima)

23/08 – 16h – Distrito Tipi – Aurora (Vila Tipi – Praça da Matriz)

23/08 – 20h – Aurora

Sobre o Sesc

O Sesc, instituição integrante do Sistema Fecomércio, oferece ações de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Promoção Social. Os trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo, empresários e seus dependentes são os beneficiados pelo Sistema, mas os serviços também podem ser acessados pela população em geral.

 

Atlético confirma lesão de Diego Costa, que deve ser desfalque na abertura do Espanhol

O Atlético de Madrid pode ter um desfalque importante nas primeiras rodadas do Campeonato Espanhol. O clube informou nesta terça-feira que o atacante Diego Costa sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda e não tem prazo para retornar aos gramados depois de ter passado por exames médicos.

A lesão de Diego Costa aconteceu no último minuto do amistoso em que o Atlético de Madrid venceu por 2 a 1 a Juventus no sábado passado, em Estocolmo. O atacante havia entrado no segundo tempo no lugar de Morata, e o clube espanhol resolveu fazer exames logo que retornou para a Espanha.

A estreia do Atlético de Madrid no Campeonato Espanhol está marcada para o próximo domingo, dia 18 de agosto. Em casa, o time recebe o Getafe às 17h (de Brasília) pela primeira rodada da competição nacional.

Fonte: globo esporte

Cristiano Ronaldo elogia Messi, mas diz: “A diferença é que eu ganhei a Champions com clubes diferentes”

Embora tenham uma rivalidade amenizada nos últimos anos, Cristiano Ronaldo e Messi seguem disputando os holofotes do futebol mundial. E o astro português retomou a discussão sobre quem é o melhor do planeta com uma declaração que promete trazer à tona o embate entre os fãs dos dois craques. Em entrevista à “Dazn”, o jogador da Juventus elogiou o argentino, mas também fez uma ponderação.

– (Messi) É um jogador excelente, que será lembrado não só pelas Bolas de Ouro, mas por sempre estar no topo, ano após ano, como eu. A diferença para mim é que eu joguei em clubes diferentes e também ganhei a Champions League com clubes diferentes – disse CR7.

Antes de disputar mais uma edição da Liga dos Campeões com a camisa da Juventus, Cristiano Ronaldo afirmou que se identifica com a competição, afirmando que “não há muitos jogadores que tenham cinco títulos de Champions”. Ao falar sobre a tentativa de buscar mais prêmios individuais, afirmou que seu foco está, primeiramente, nos objetivos do clube.

– Quero conseguir o prêmio para o time, pois os prêmios coletivos te levam aos individuais. Você se levanta diariamente com a meta de conseguir alguma coisa. Não é só levantar para ganhar dinheiro. Dinheiro não me falta, graças a Deus. Quero ganhar um lugar na história do futebol, ganhar cada vez mais.

Perguntado sobre sua boa forma física aos 34 anos, o craque da Juve brincou ao dizer que “custa muito manter o nível”.

– Este corpo atlético e esbelto não cai do céu. Falo brincando, mas é verdade. Por trás dos troféus, há muito trabalho.

Fonte: Globo esporte

Se Neymar fechar com o Barcelona, Real Madrid pode investir pesado no meia Pogba

A permanência de Pogba no Manchester United parece cada vez mais distante, pelo menos é o que aponta a imprensa inglesa. E a transferência do francês está diretamente ligada com a possibilidade de Neymar jogar ou não no Real Madrid. Caso o brasileiro seja contratado pelo Barcelona, aí o time galáctico vai colocar todas as suas fichas no meia, em uma negociação que pode bater 150 milhões de libras (R$ 724 milhões). Os jornais “Mirror” e “Daily Star” destacam nesta terça-feira a situação do jogador dos Red Devils.

A pressão por reforços aumenta no Real Madrid após a pré-temporada, na qual o time teve resultados abaixo do esperado. Apesar da chegada de Hazard, nomes como Isco, Bale e James Rodríguez não parecem agradar o técnico Zidane, que busca ainda outro reforço de peso para o meio de campo.

Uma das questões apresentadas pela imprensa inglesa para uma possível saída de Pogba é que a janela de transferências da Premier League já está fechada, o que deixaria o Manchester United sem chances de contratar um substituto. Uma possibilidade é vender o francês e investir na janela de janeiro, no inverno europeu.

Corinthians diz ter chegado a acordo por dívida do Itaquerão

SÃO PAULO (FOLHAPRESS) O presidente do Corinthians afirmou nesta segunda-feira (12), durante reunião do Conselho Deliberativo, no Parque São Jorge, que o clube chegou a um acordo com a Odebrecht para diminuir a dívida total pela construção da arena em Itaquera.

O mandatário confirmou à Folha que informou aos conselheiros que a dívida atual com a construtora será de R$ 160 milhões, conforme acordo firmado com a empresa, que deverá ser assinado em até duas semanas. Ele não detalhou em quantas parcelas o montante será pago.

Além deste débito, o clube vai seguir pagando o financiamento feito junto ao BNDES com aval da Caixa, que atualmente está em R$ 470 milhões, segundo a construtora. No total, o Corinthians ainda teria a pagar por seu estádio R$ 630 milhões.

O valor informado por Andrés na reunião no Parque São Jorge é cinco vezes menor do que a Odebrecht estimava receber, conforme a Folha mostrou em 18 de julho deste ano. A empresa estimava receber cerca de R$ 800 milhões.

“O problema é que a soma não existe, pois inclui juros. Ah, hoje o estádio é R$ 1,3 bilhão, mas isso com os juros de 15 anos. Na verdade, o número é muito menor”, garantia o diretor financeiro do clube, Matias Romano Ávila.

Além dos juros, o Corinthians contestava o valor cobrado pela Odebrecht pois alegava que partes da obra da arena não foram feitas. A construtora contestava esta versão e assegurava que fez tudo o que estava previsto no orçamento.

Fonte: noticias ao minuto

Sem Rogério Ceni, Fortaleza volta a vencer após três rodadas

No duelo que fechou a 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, na noite desta segunda-feira, o Fortaleza voltou a vencer após três jogos para retomar a briga na parte de cima da tabela. Mesmo jogando fora de casa, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), já sem o técnico Rogério Ceni, que se transferiu para o Cruzeiro, o time cearense surpreendeu o CSA e venceu por 2 a 0. Bruno Melo e Edinho fizeram os gols da partida, ambos no primeiro tempo.

Com a vitória, o Fortaleza ganhou duas posições e, com 17 pontos, assumiu a 12ª colocação, a sete pontos do Corinthians (24), primeiro time dentro do G6. Já o CSA vive um momento totalmente diferente. Com apenas uma vitória em 14 jogos, o time alagoano amarga a zona de rebaixamento, na 19ª e penúltima colocação, com oito pontos.

O Fortaleza foi preciso quando foi ao ataque e abriu o placar logo aos 4 minutos. Juninho cobrou falta na área e Bruno Melo apareceu sozinho para cabecear para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Jordi. Após o susto, o CSA passou a fazer pressão pelo empate.

Aos 15, Jonatan Gomez recebeu de Didira e chutou de primeira, da entrada da área, mas a bola, que tinha destino certo, desviou na defesa e acabou saindo pela linha de fundo. No lance seguinte foi a vez de Carlinhos ter uma boa chance para deixar tudo igual no placar. Aos 16, o lateral se livrou da marcação, invadiu a área e chutou cruzado, mas parou em uma defesa de dois tempos do goleiro Felipe Alves.

A resposta do Fortaleza, porém, veio novamente em forma de gol. Aos 36, Romarinho lançou para Edinho na área, que ganhou na velocidade dos zagueiros para bater na saída do goleiro, ampliando o placar para o time visitante. Nos minutos finais, a partida seguiu movimentada, mas sob controle do time cearense.

Na volta do intervalo, o CSA exerceu uma certa pressão nos primeiros minutos, mas foi o Fortaleza que criou a primeira chance do segundo tempo. Aos 8, Vásquez cruzou rasteiro na área com precisão, mas quando Edinho foi completar para o gol, a defesa do CSA conseguiu afastar o perigo no momento certo.

Já, aos 15, foi a vez de enfim o CSA criar uma boa jogada. Alan Costa lançou Euler, que limpou o zagueiro e bateu cruzado, mas parou em uma boa defesa do goleiro Felipe Alves. Nos minutos finais, aos 42, o experiente atacante Alecsandro também teve uma chance de marcar o gol de honra do time da casa, mas de voleio mandou a bola no travessão. Até por conta disso, o jogo terminou mesmo com a vitória do Fortaleza por 2 a 0.

Os dois times voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. No sábado, o Fortaleza recebe o Internacional, no Castelão, às 17h. No domingo, o CSA visita o Fluminense, no Maracanã, às 16h.

FICHA TÉCNICA:

CSA 0 x 2 FORTALEZA

CSA – Jordi; Apodi (Dawhan), Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Jean Kléber, João Vitor, Jonatan Gómez e Didira (Euller); Ricardo Bueno (Bustamente) e Alecsandro. Técnico: Argel Fucks.

FORTALEZA – Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Roger Carvalho e Bruno Melo; Felipe, Juninho e Mariano Vazquez (Marlon); Edinho (Osvaldo), Romarinho (André Luís) e Welligton Paulista. Técnico: Marconne Montenegro (interino).

GOLS – Bruno Melo, aos 4, e Edinho, aos 36 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO – Gilberto Castro Junior (PE).

CARTÕES AMARELOS – Didira, João Vitor e Alan Costa (CSA) e Gabriel Dias (Fortaleza).

RENDA E PÚBLICO – Não divulgados.

LOCAL – Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Fonte : Noticias ao minuto

Walmart muda de nome no Brasil e prevê investir R$ 1,2 bi

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A rede de varejo Walmart Brasil decidiu mudar sua marca no país para Grupo Big. A troca ocorre cerca de um ano após 80% de suas operações terem sido adquiridas pela empresa de investimentos Advent. Os atuais gestores da companhia tinham um prazo de até três anos para seguir usando a marca americana, contados da data da compra da empresa.

Pesaram na decisão de antecipar a mudança, de um lado, a possibilidade de reduzir o pagamento de royalties e, de outro, o plano de mudar o perfil da rede já apresentando ela com uma nova marca.

A companhia informa que tem como plano reforçar o investimento no canal atacarejo e em clubes de compras.Nessa direção, afirma que irá converter 10 hipermercados em lojas da rede de atacarejo Maxxi que hoje tem 43 unidades. Em comunicado, a empresa afirma que essa bandeira deve ser estratégica para a empresa e atender consumidores finais e comerciantes

O Walmart prevê investimentos de R$ 1,2 bilhão no Brasil nos próximos 18 meses. O objetivo é a modernização e a ampliação de suas lojas. Elas terão maior foco nos formatos de atacarejo, explorados por rivais como GPA e Carrefour. As concorrentes planejam investimentos para 2019 de, ao menos, R$ 1,6 bilhão.

Ricardo Rodrigues, diretor de gestão de cadeia de suprimentos da AGR Consultores, diz acreditar que o direcionamento de esforços do Walmart em relação ao atacarejo (que oferece preços menores do que as demais modalidades) é consequência de uma perda de espaço generalizada dos hipermercados.

“O atacarejo é visto por grande parte dos consumidores como modelo que traz melhores oportunidades de compra do que o hipermercado, que reinou soberano até a virada do milênio”, afirma.

Segundo Rodrigues, a virada do Grupo Big em relação ao atacarejo acontece tardiamente, com marcas como Assaí e Roldão já bem posicionadas no setor, mas ainda é possível atuar com competitividade nessa área.

Rodrigues diz considerar positiva a mudança da marca da empresa, levando em conta que, em sua visão, o nome Walmart tinha pouco apelo junto ao consumidor brasileiro. “Walmart era uma marca que tocava o ‘top of mind’ de poucos consumidores, talvez alguns que viajavam mais para fora viam alguma diferenciação”, diz.

O agora Grupo Big opera atualmente com cerca de 550 lojas e 50 mil funcionários em 18 estados, além do Distrito Federal. A companhia afirma ser o terceiro maior conglomerado de varejo alimentar do Brasil.Em relação ao hipermercado, a companhia afirma ter, após pesquisas, optado por adotar suas marcas regionais, que possuiriam vínculo emocional com consumidores.

As lojas do modelo nas regiões Sul e Sudeste passarão a se chamar BIG, enquanto no Nordeste, todos os hipermercados serão Big Bompreço”, afirmou a companhia em comunicado à imprensa. “Até junho de 2020, a expectativa é concluir a reforma de 100 hipermercados”, diz o comunicado.

A empresa também afirma que irá reformular sua estratégia de preços e ampliar o sortimento de produtos em 30%. A bandeira Sam’s Club terá, em um período de um ano, dez novas lojas. A primeira será inaugurada no início deste semestre e, até o final do ano, mais três unidades serão abertas, segundo a rede.”

Desde janeiro, a companhia fechou 24 unidades: 13 da bandeira Todo Dia (lojas de bairro), 9 hipermercados e 2 supermercados. A avaliação é que essas lojas apresentavam baixo desempenho.Outras 20 lojas estão em processo de conversão e passam por reforma para que possam operar a partir de outra bandeira do grupo.

Também como parte da reestruturação da empresa, o agora Big anunciou em maio que iria interromper as atividades no comércio eletrônico. Desde 2017, o site da empresa funcionava como marketplace (plataforma para vendas de produtos de terceiros). Foram demitidos na época 70 dos 90 funcionários responsáveis pela operação.

A empresa afirmou que, no futuro, deveria buscar uma convergência entre o canal físico e o digital, indicando que planeja um retorno ao comércio eletrônico no futuro.

Fonte: noticias ao minuto

Presidente acerta ao pôr Coaf no Banco Central, diz Toffoli

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, classificou como acertada a decisão do presidente Jair Bolsonaro de transferir o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do Ministério da Economia para o Banco Central.

“A solução que o ministro Paulo Guedes e o presidente Jair Bolsonaro estão dando a este tema é muito correta do ponto de vista internacional: colocar o Coaf no Banco Central para evitar que um determinado ministério, que um determinado local seja aquele que apure, que investigue, que fiscalize. […] Isso é equilíbrio entre os Poderes.”

Criado em 1998, o Coaf é um órgão de inteligência financeira que investiga operações suspeitas e se tornou pivô neste ano de uma investigação contra o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

O Coaf recebe informações de setores obrigados por lei a informar transações suspeitas de lavagem de dinheiro, como bancos e corretoras. O conselho analisa amostras dos informes e, se suspeitar de crime, encaminha o caso para o Ministério Público.

Durante o mensalão, ofícios do Coaf entregues à CPI dos Correios indicaram, por exemplo, grande volume de saques em espécie por parte da empresa de Marcos Valério, operador que abasteceu esquema de pagamentos a políticos da base petista.

Mais recentemente, o Coaf identificou movimentações atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio. O órgão aponta que Queiroz movimentou R$ 1,2 milhão de janeiro de 2016 a janeiro de 2017 –entraram em sua conta R$ 605 mil e saíram cerca de R$ 600 mil, quantia considerada incompatível com o seu patrimônio.

Toffoli participou nesta segunda (12) de debate promovido pelo Lide, grupo que reúne líderes empresariais fundado pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), quando era empresário.

O presidente do Supremo deu a declaração sobre o Coaf após o advogado Ives Gandra Martins elogiar a decisão de suspender todas as investigações no país baseadas em dados sigilosos do Coaf sem autorização judicial, tomada por Toffoli em julho. A suspensão era um pedido da defesa do senador Flavio.

A decisão do magistrado provocou forte reação de procuradores, que viram na medida um ataque contra a Operação Lava Jato. “Num determinado momento qualquer decisão, começou a ser dito, era para acabar com a Operação Lava Jato. Não vai. A Lava Jato só existe graças ao STF. Se não fosse o STF, não haveria isso”, rebateu Toffoli.

“O que não se pode permitir é que se apropriem das instituições. [E mais do que isso,] se apropriar de um fundo de R$ 2,5 bilhões. É disso que se trata”, disse, se referindo à tentativa do procurador Deltan Dallagnol, chefe da Lava Jato, de criar fundo bilionário com recursos recuperados da Petrobras.

Mensagens obtidas pelo site The Intercept Brasil e analisadas pela Folha de S.Paulo apontam que Deltan incentivou colegas em Brasília e Curitiba a investigar sigilosamente os ministros do Supremo Toffoli e Gilmar Mendes. A legislação não permite que procuradores de primeira instância, como é o caso dos integrantes da força-tarefa, façam apurações sobre ministros de tribunais superiores.

Fonte: Noticias ao minuto