LOGO-NEWS-CARIRI

Cine Transpetro nas Comunidades exibe filmes em escolas públicas de Mossoró e Carnaubais

Por G1 RN
Por G1 RN

Publicidade

A mostra Cine Transpetro nas Comunidades chega a Mossoró nesta segunda-feira (10) e em Carnaubais nesta terça (11). O projeto vai exibir filmes e fazer oficinas em duas escolas públicas, uma em cada cidade, dentro da proposta que vai percorrer 18 estados brasileiros até novembro.

Em Mossoró, o evento vai acontecer na Escola Estadual Gilberto Rola e em Carnaubais, na Escola Municipal Princesa Isabel. Serão exibidos três curtas-metragens para alunos de até 10 anos, além de dois médias para alunos com idades entre 10 e 14 anos e um longa para alunos a partir de 14 anos.

Entre os filmes selecionados estão: os curtas “A Natureza Agradece”, “Louise” e “Imagine uma Menina com Cabelos de Brasil”, os médias-metragens “Depois que Te Vi” e “A Câmera do João”, além do longa “Menina de Barro”. Os filmes abordam temáticas como direitos humanos, ciência e tecnologia, meio ambiente e sociedade, entre outros.

O projeto realiza ainda oficinas de iniciação à criação cinematográfica, em que os alunos de 11 a 18 anos de idade aprendem técnicas de roteiro, direção, produção e edição e realizam um curta-metragem. Com isso, o Cine Transpetro nas Comunidades procura despertar o interesse de jovens pela produção audiovisual.

“Além de proporcionar aos jovens as ferramentas de conhecimento e informação, o projeto também pretende instigá-los a pensar as ‘novas mídias’, estimulando o olhar interativo no uso dessas ferramentas digitais ‘cotidianas’ como expressão de cidadania”, diz a diretora executiva do projeto, Luciana Boal Marinho.

Filmes selecionados:

Para alunos até 10 anos de idade

A Natureza Agradece (BRASIL / 2018 / 14 min / Livre)

Sinopse: Bernardo vive em um pequeno rancho cheio de diversidade ambiental. Um dia, uma fábrica aparece colocando em risco toda a natureza.

Temática: Direito ao meio ambiente sustentável

Ficha Técnica:

Roteiro: Ana Maria Cordeiro

Edição: Renan Oliveira

Produtora: Mandra Filmes

Louise (BRASIL / 2017 / 05 min / Animação/ Livre)

Sinopse: Durante uma brincadeira de futebol de rua entre quatro garotos, a bola é chutada para longe e cai parto de Louise e Bia. Juca corre para pegar a bola e percebe a habilidade das duas garotas para o futebol e as convida para brincar. Iago não aceita a participação delas, mas Louise não quer ficar fora do jogo.

Temática: Direito das mulheres

Ficha Técnica:

Roteiro: Amanda Gomes, Andressa Fernades, Nathanael Cruz e Círculo de Cultura Surda.

Edição: Andressa Fernandes

Produtora Realizadora: Domingos Coelho e Luiza Camurça

Imagine uma Menina com Cabelos de Brasil (BRASIL / 2016 / 16 min. / Livre)

Sinopse: O cabelo, fronteira final. Entre caretas e escovas, as viagens de uma menina em busca de aceitação.

Temática: Direito das crianças e do adolescente

Ficha Técnica:

Roteiro e Edição: Alexandre Bersot

Produtora Realizadora: Alexandria – Animação em Boa Companhia

Para alunos de 10 a 14 anos de idade

Depois Que Te Vi ( Brasil / Ficção / 16 Minutos /Livre)

Sinopse: Gustavo é um jovem autista que trabalha na farmácia do tio. Ele cumpre metodicamente sua rotina, mas isso muda quando ele sai para fazer uma entrega e vê uma menina passar de bicicleta. A partir daí, seu foco passa a ser essa nova paixão.

Temática: Direitos da pessoa com deficiência

Ficha Técnica

Direção: Vinícius Saramago

Roteiro: Vinícius Saramago

Fotografia: João Casalino

Edição: Talita Ghivelder

Elenco: Jorge Hissa, Roberto Frota e Anna Julia Leite

Produtora: Revoar Filmes

A Câmera do João (BRASIL / 2017 / 22 min / Livre)

Sinopse: Uma faixa de luz passa por uma pequena perfuração, e se faz imagem. João descobriu que fotografias são heranças.

Ficha técnica:

Direção: Tothi Cardoso

Roteiro: Tothi Cardoso

Edição: Maurélio Toscano

Elenco: Lucas Romão, Adilson Maghá, Neusa Borges e Valéria Vieira

Produtora: Dafuq Filmes

Para alunos a partir de 14 anos de idade

Menina de Barro (BRASIL / 2017 / 97 min / 14 anos)

Sinopse: Quando Diana (Rafaela Machado) descobre, ainda aos 12 anos de idade, que é superdotada e portanto muito mais avançada do que as outras pessoas na sua mesma faixa de idade, ela se esforça para se adequar ao ambiente no qual está inserida. Entre a ternura e a dureza, Diana decide que combaterá o bullying em sua escola, por mais que isso a gere problemas muito maiores do que já possuía.

Temática: Direito à vida e a integridade física / Direitos da criança e do adolescente.
Ficha técnica:

Roteiro: Vinícius Machado

Edição: Vinícius Machado, Jorge Neto e Thays Elinne

Produtora: OF Produção Cultural

Fonte: G1.com

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *