LOGO-NEWS-CARIRI

Região do Cariri sai da zona vermelha da seca grave, segundo o Monitor das Secas

Chuva-Marciel-Bezerra

Publicidade

Por Rafael Pereira/Agência  News Cariri

Relatório mensal do Monitor das Secas do Nordeste, da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), revela que a Região do Cariri incluindo parte da Região Centro-sul e Inhamuns do Estado, passou para “seca moderada”, deixando a “seca grave”.  Isso significa que a ocorrência de período secos diminuíram em abril, época em que se deixa o período chuvoso e entramos em um período de  menos chuvas durante o ano.

No entanto o observatório ainda revela que há reservatórios e poços com níveis baixos de água e algumas faltas d’agua.

De 400 a 500 milimetros foram o volume de chuvas acumulado no trimestre chuvoso segundo o Monittor das Secas da Funceme. Só na Região do Cariri choveram entre 185 mm no mês de Abril, mas o esperado e considerado ideal são chuvas de 178,5 milímetros só nesse mês.

As chuvas do último final de semana, segundo a Funceme, choveram apenas 39,2 milímetros em Umari, no sábado, primeiro lugar no Cariri, e 12 mm em Crato, no domingo, também primeiro lugar nos municípios da região. Portanto houve um recuo das chuvas, não só no Cariri mas em todo o Estado nos meses de abril e maio.

No mapa abaixo da Funceme revela como se deu a distribuição da seca no Nordeste durante o mes de abril. A Região do Cariri está na área bege, ou seja com seca moderada:

Foto: reprodução Funceme

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *