LOGO-NEWS-CARIRI

Vendedores de carros interditam rua contra pagamento de taxa para trabalhar em praça

Por Gilcilene Araújo, G1 PI

Publicidade

Vendedores autônomos que comercializam carros na praça localizada em frente ao ginásio Verdão, no Centro de Teresina, realizaram na manhã desta sexta-feira (29) uma manifestação e interditaram a rua João Batista. Eles atearam fogo em pneus e em pedaços de madeira para protestar contra a instalação de gradeamos na praça e pagamento de taxa para trabalhar no local.

Segundo os comerciantes, as grades foram colocadas pela empresa que ganhou a parceria público-privada para administrar o ginásio Verdão.

“Fomos surpreendido com a decisão da empresa. Eles disseram para a gente que para permanecer no local deveríamos pagar R$ 5 por dia ou R$ 110 por mês. Não concordamos com isso, porque estamos no local há 25 anos. Na época, o prefeito era o professor Wall Ferraz e não existia nada no entorno da praça. E não aceitamos pagar para ficar em um local que é nosso. Praça pública não pode ser privatizada”, declarou Ivan Cabral, presidente do Sindicato dos Corretores.

O presidente também afirmou que as vendas diminuíram bastante, desde o momento que a empresa decidiu colocar as grades. “Estamos lutando pelo que é nosso. Estamos perdendo dinheiro, porque desde que as grades foram colocadas diminuiu bastante as vendas”, disse.

Ainda segundo o presidente, os comerciantes vão entrar como mandado de segurança no Ministério Público Estadual para que os promotores possam intervir nesta situação. O G1 entrou em contato com o governo do estado, que ficou de posicionar sobre o caso.

Fonte:  G1.com

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas