DIA ESTADUAL EM COMEMORAÇÃO À LEI MARIA DA PENHA (7 DE AGOSTO)

O Dia Estadual em comemoração à Lei Maria da Penha em 7 de agosto de cada ano, é uma comemoração dos Estados brasileiros do Rio Grande do Norte [Lei Nº 9.499 de 8 de julho de 2011] e Rio Grande do Sul [Lei Nº 13.273 de 3 de novembro de 2009], com objetivo de valorizar e apoiar a realização de encontros, exposições, estudos, debates, eventos e demais atividades relacionadas à família e às mulheres potiguares e gaúchas. Essa data comemorativa de norte-rio-grandenses e sul-rio-grandenses tem por fim, marcar a data da sanção da “Lei Maria da Penha” ou Lei Nº 11.340 de 7 de agosto de 2006, que então instituiu instrumentos jurídicos com o fim de tentar garantir proteção para as mulheres brasileiras que sejam vítimas de violência doméstica. A referida Lei Federal do Brasil, determinou que os agressores sejam presos em flagrante ou tenham prisão preventiva decretada. Além disso, aumentou a pena máxima de um para 3 anos de detenção e acabou com o pagamento de cestas básicas por parte dos agressores, o que era comum até então nas Terras Brasilis. Esse instrumento legal surgiu a partir da luta da mestre em parasitologia e farmacêutica bioquímica brasileira, Maria da Penha Maia Fernandes, nesse tempo com 38 anos de idade, que foi vítima de violência doméstica durante 23 anos de casamento, e que sofreu duas tentativas de assassinato em 1983, enquanto vítima do seu então marido, o economista e professor universitário colombiano naturalizado brasileiro, Marco Antonio Herredia Viveros, no domicílio ocupado nessa época pelo casal na cidade brasileira de Fortaleza-CE.

Pneus Ribeiro – Maior loja de Pneus do Cariri recebe homenagem da Bridgestone

A maior Loja de Pneus da região do Cariri, Pneus Ribeiro, representante das marcas Bridgestone e Firestone, foi homenageada na manhã da última quinta-feira (19), pela direção das marcas, com uma comenda em reconhecimento pelos anos de sucesso da empresa.

As Lojas Pneus Ribeiro comemora nesse mês de julho, 30 anos de existência. Reconhecida em toda região e estados vizinhos, pela a diversidade de pneus disponível para todos os veículos e máquinas,a empresa que foi fundada pelo empresário missaovelhense, Dario Ribeiro e se firmou no mercado no setor de pneus e serviços diferenciado.

O empresário, Dario Ribeiro, disse a nossa reportagem que recebeu a comenda com muita alegria e disse que o reconhecimento é resultado de muito esforço e dedicação aos clientes.

Camarote do Rei faz sucesso na Expocrato 2018

Por Agência News Cariri

Considerado um dos melhores camarotes, o “Camarote do Rei” faz sucesso em mais uma edição da Expocrato na Região do Cariri.  Com ingressos que se esgotam rápido, Gilberto Ricarte, é destaque quando se fala em  prestar um serviço de qualidade para os clientes.

Nos nove dias de shows, os que escolheram esse camarote possuem uma total exclusividade com acesso ao lounge Premium, bar, Buffet, banheiro e  ainda segurança privada para curtir as atrações sem preocupações.

Hoje os que optaram pelo Camorete curtirão uma noite agradável ao som de Gustavo Lima, Marília Mendonça, Léo Santana, Solteirões e Bulê de caminhão. Os interessados em adquirir o seu ingresso, basta ir nos seguintes endereços ou comprar pelo site.

Site: WWW.brilheteriavirtual.com

Armazém confiança- Barbalha-CE- Rua do vídeo-57

Cariri Garden Shopping-loja 54

Loja oficial- Rua Doutor Miguel Lima Verde- 533

Protesto contra desocupação de terreno de hotel em Igarassu complica o trânsito no Grande Recife

anifestantes bloquearam os dois sentidos da BR-101 Norte no quilômetro 47,5, entre os municípios de Igarassu e Abreu e Lima, no Grande Recife, na manhã desta quinta-feira (19). Após a desinterdição do local, os integrantes do ato seguiram para a Estrada de Mangue Seco, em Igarassu, onde o protesto segue acontecendo.

O grupo protesta contra a desocupação de um terreno pertencente ao Gavoa Praia Hotel, no bairro de Mangue Seco, em Igarassu. O cumprimento da reintegração de posse é feito pelo 17º Batalhão da Polícia Militar e pelo Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco.

Protesto causou engarrafamento na BR-101, em Igarassu, no Grande Recife, na manhã desta quinta (19) (Foto: Reprodução/WhatsApp)Protesto causou engarrafamento na BR-101, em Igarassu, no Grande Recife, na manhã desta quinta (19) (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Protesto causou engarrafamento na BR-101, em Igarassu, no Grande Recife, na manhã desta quinta (19) (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Durante o ato, os manifestantes atearam fogo em pneus, interditando o trânsito na via e causando engarrafamento. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) , a manifestação na BR-101 Norte teve início por volta das 5h10 e foi encerrada no local às 6h07. Já de acordo com o 17º Batalhão da PM, a rodovia foi liberada por volta das 5h50.

Manifestantes atearam fogo em protesto na BR-101 em Igarassu (Foto: Reprodução/WhatsApp)Manifestantes atearam fogo em protesto na BR-101 em Igarassu (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Manifestantes atearam fogo em protesto na BR-101 em Igarassu (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Fonte: G1

Pernambuco elege mais seis patrimônios vivos e passa a ter 57 titulados

Pernambuco ganhou mais seis patrimônios vivos após eleição nesta quarta (18) na sede do Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio Cultural (CEPPC), no Recife. Com isso, o estado passa a contar com 57 titulados.

Os seis escolhidos foram o Cavalo-Marinho Estrela de Ouro, de Condado, na Zona da Mata; o mestre de reisado Gonzaga de Garanhuns; a mestra cirandeira e carnavalesca Cristina Andrade; o grupo Sociedade 12 de Outubro (Banda Saboeira); a Organização Religiosa Africana Santa Bárbara Nação Xambá (Casa Xambá); e o Mestre Zé de Bibi.

Ao todo, 59 candidatos concorreram à titulação neste ano. Eles apresentaram documentos para atestar critérios como participação em atividades culturais há, pelo menos, 20 anos e aptidão para repassar seus conhecimentos e técnicas para aprendizes, conforme está determinado pela Lei 12.196/2002, que regula o Registro do Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco.

Após realizarem uma defesa das suas candidaturas em audiências públicas promovidas pelo CEPPC no antigo plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), os contemplados recebem os títulos em 17 de agosto, quando é celebrado o Dia Nacional do Patrimônio Histórico.

Confira os eleitos:

Pastoril Cristina de Andrade em apresentação no Recife (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)Pastoril Cristina de Andrade em apresentação no Recife (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

Pastoril Cristina de Andrade em apresentação no Recife (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

Cristina Andrade

Com 71 anos, a mestra cirandeira e carnavalesca cantou em corais de blocos como Após Fun, Bloco do Amor, Diversional da Torre e Urso Cangaçá. Desde criança, coleciona atuações em folguedos como o Pastoril Estrela Brilhante e a Ciranda Dengosa.

Gonzaga de Garanhuns recebe o título no mesmo ano em que comemora 75 anos (Foto: Fernando Veríssimo/Divulgação)Gonzaga de Garanhuns recebe o título no mesmo ano em que comemora 75 anos (Foto: Fernando Veríssimo/Divulgação)

Gonzaga de Garanhuns recebe o título no mesmo ano em que comemora 75 anos (Foto: Fernando Veríssimo/Divulgação)

Gonzaga de Garanhuns

Um dos nomes de destaque do reisado em Pernambuco, ele tem 74 anos e já soma mais de seis décadas de atividade na área. Além disso, publica cordéis desde a década de 1970 e é autor de obras de referência sobre Garanhuns, cidade onde vive, e é integrante da Academia de Letras do município.

Grupo mantém a tradição há quatro gerações da mesma família (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)Grupo mantém a tradição há quatro gerações da mesma família (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

Grupo mantém a tradição há quatro gerações da mesma família (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

Cavalo-Marinho Estrela de Ouro de Condado

O grupo foi fundado em julho de 1979 nesse município da Zona da Mata e tem como sede o Centro Àgora de Tradição e Criação, espaço utilizado também como escola de tradição popular. O mestre Biu Alexandre participa do grupo desde a infância e herdou a brincadeira de seu pai, o mestre Pedro de Quina, que também atuou no Cavalo-Marinho Estrela de Ouro de Condado.

Grupo trabalha na formação de jovens músicos de Goiana (Foto: Costa Neto/Divulgação)Grupo trabalha na formação de jovens músicos de Goiana (Foto: Costa Neto/Divulgação)

Grupo trabalha na formação de jovens músicos de Goiana (Foto: Costa Neto/Divulgação)

Sociedade 12 de Outubro (Banda Saboeira)

Com 169 anos de história, é o segundo grupo com mais tempo de atividade no Brasil, segundo a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe). A banda atua na formação de músicos profissionais em diversos instrumentos musicais e é considerada uma referência para a cultura musical de grupos da Zona da Mata Norte de Pernambuco.

Nação Xambá ajuda a preservar o imaginário afro-brasileiro (Foto: Ricardo Moura/Divulgação)Nação Xambá ajuda a preservar o imaginário afro-brasileiro (Foto: Ricardo Moura/Divulgação)

Nação Xambá ajuda a preservar o imaginário afro-brasileiro (Foto: Ricardo Moura/Divulgação)

Organização Religiosa Africana Santa Bárbara Nação Xambá (Casa Xambá)

A Nação Xambá conta com 88 anos de história de atuação na comunidade onde está situado o Quilombo do Portão do Gelo, em Olinda. Além disso, a Casa de Xambá foi considerada o primeiro quilombo urbano da América Latina. O Coco da Xambá, Afoxé Ylê Xambá e Grupo Bongar estão entre as ações de destaque do grupo.

José Evangelista de Carvalho, o Zé de Bibi, é um dos representantes do cavalo-marinho e do mamulengo (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)José Evangelista de Carvalho, o Zé de Bibi, é um dos representantes do cavalo-marinho e do mamulengo (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

José Evangelista de Carvalho, o Zé de Bibi, é um dos representantes do cavalo-marinho e do mamulengo (Foto: Jan Ribeiro/Divulgação)

Mestre Zé de Bibi

Com mais de 50 anos de atividade artística, o mestre é um dos representantes do cavalo-marinho e do mamulengo. José Evangelista de Carvalho mantém o Sítio Histórico e Museu do Cavalo-Marinho em Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco, e foi vencedor do Prêmio Culturas Populares, do Ministério da Cultura em 2007

Fonte: G1