Jornal critica ‘bagunça’ em vestiário do PSG e relembra polêmicas

poucos meses após a polêmica envolvendo Neymar e Cavani, o PSG é palco de nova confusão nos bastidores, agora entre Thiago Silva e Pastore.

O brasileiro afirmou que o argentino tinha o desejo de deixar o clube, mas foi desmentido por Pastore nas redes sociais.

“Nunca falei com o Thiago Silva sobre meu problema ou sobre meu futuro. Nunca coloquei pressão em ninguém. Não é meu estilo. Ele não estava sabendo do problema que eu tive e me fez atrasar. Sempre fui leal. Não é verdade que quero sair do clube. Quero encerrar a minha carreira aqui”, postou no Instagram.

Nesta sexta, o L’Équipe, um dos principais diários esportivos da França, criticou a falta de controle no vestiário do time parisiense:

“O assunto dos atrasos faz ressurgir as tensões. Os argentinos e Cavani ainda não esquecem a viagem de Neymar ao Brasil com a autorização dos dirigentes”, cita trecho da reportagem. “As declarações de Thiago Silva após os atrasos de Cavani e Pastore, seguido da resposta do argentino, dão ideia da bagunça no PSG. A direção, e Unai Emery, também mostram clara falha no comando”, diz o jornal.

Fonte: Notícias ao Minuto

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *