Infecção urinária durante a gravidez pode prejudicar mãe e filho

As infecções urinárias afetam até 10% das grávidas e cobram extrema cautela nessa fase. Isso porque estão entre as causas de parto prematuro. “A gestação interfere na imunidade da mulher e provoca alterações anatômicas, com o útero pressionando a bexiga. São fatores que predispõem à cistite”, explica a ginecologista Mariana Maldonado, do Rio de Janeiro.

Mulheres com histórico de infecções prévias devem alertar seus médicos para monitorar as bactérias na urina durante todo o pré-natal. A cistite nesse período pode não apresentar sintomas, o que dificulta a detecção.

Feito o diagnóstico, o tratamento deve ser iniciado imediatamente: existem antibióticos seguros para gestantes. Nos quadros assintomáticos, há ainda a opção de recorrer a suplementos de vitamina C, que deixam a urina e a região menos propícias à proliferação dos micro-organismos.

4 dicas para prevenir a infecção urinária na gestação

1. Mantenha o pré-natal em dia
A recomendação é fazer exames de urina pelo menos três vezes nesse período.

Apresentado por PLUSBELLE
Plusbelle, sua nova aliada da beleza
2. Converse com seu médico
Compartilhe se sentir ardência ou dor ao urinar para apurar o motivo.

3. Não adie a ida ao banheiro
Fazer xixi com maior regularidade reduz o risco de infecções na região.

4. Invista nas frutas cítricas e outras fontes de vitamina C
Esse nutriente torna a urina mais alcalina, algo desconfortável para bactérias.

Fonte: Editora Abril

Segurança: Eunício consegue aprovar reforma da Lei de Execuções Penais Matéria segue agora para análise da Câmara dos Deputados

Conforme prometido pelo presidente do Congresso Nacional, Senador Eunício Oliveira, o Senado priorizou a pauta de segurança pública nesta quarta-feira (04) e aprovou um substitutivo ao Projeto de Lei (PLS 513/13) que atualiza a Lei de Execuções Penais.

 

A matéria segue agora para análise da Câmara dos Deputados.

 

Ainda antes de assumir a presidência do Senado, Eunício foi relator da matéria, mas teve que abrir mão da responsabilidade para exercer as atividades do cargo.

 

O novo texto aprovado pelos senadores atualiza a Lei de Execução Penal, que está em vigor desde 1984.

 

Eunício observou que a matéria busca corrigir muitas distorções do atual sistema carcerário. “Há muitos anos o Brasil enfrenta uma grave crise no sistema carcerário e é preciso corrigir essas distorções, e atrelada a outras ações, buscar uma melhoria em todo esse cenário”, disse.

 

Algumas das distorções avaliadas pelos senadores são o excesso de presos provisórios; a falta de vagas para cumprimento dos diversos regimes de pena e a superlotação nos estabelecimentos prisionais.

Avanços

 

O substitutivo mantém, por exemplo, a determinação de se realizar mutirões para avaliar a situação dos presos recolhidos sempre que um estabelecimento penal atingir a sua capacidade máxima. Após isso, se a lotação não for normalizada, deverá ser antecipada a liberdade dos detentos mais próximos do cumprimento da pena.

 

A proposta permite a redução da pena imposta ao condenado pela prática da leitura. O mesmo viés educacional está presente em outra emenda que inclui a matrícula em atividade esportiva como benefício para cumprimento da punição.

 

Além disso, o parecer prevê a possibilidade de cumprimento da pena de prisão em estabelecimento administrado por organizações da sociedade civil, a exemplo das Associações de Proteção e Assistência aos Condenados (APACs).

 

O PLS 513/2013 recebeu um capítulo para tratar exclusivamente dos presos indígenas. A primeira preocupação foi determinar que a execução da pena não poderá impor perda da identidade dos índios, que deverão ter respeitados os valores protegidos pela Constituição.

 

Foi dada a garantia aos indígenas, na hipótese de as regras em vigor na prisão não serem assimiladas por razões socioculturais, a possibilidade de eles serem liberados da punição.

 

A questão das drogas também foi abordada no substitutivo. O juiz da execução penal terá que usar critérios objetivos para apurar se a droga apreendida com o acusado se destinava ou não a consumo pessoal.

 

O traficante primário e sem envolvimento com organização criminosa poderá ser beneficiado com a suspensão condicional do processo ou com a transação penal, uma espécie de acordo com o Ministério Público para se evitar o processo.

 

Assessoria com informações da Agência Senado

Anúncio de fim do ‘Estrelas’ surpreende equipe de Angélica

equipe do “Estrelas” foi surpreendida nesta quarta-feira (4) com o anúncio do fim do programa após 11 anos no ar, segundo o UOL.

“Estamos sabendo que existe a possibilidade de um novo programa, mas até agora não chegou nada oficial. Todos nós fomos pegos de surpresa e estamos apreensivos. Como um programa líder de audiência acaba de uma hora para outra? Pior ainda é que tudo foi feito no maior sigilo e ninguém que está aqui há anos foi consultado ou procurado para colaborar na nova atração”, disse um produtor, que preferiu não se identificar, ao site.

De acordo com a coluna de Patrícia Kogut no jornal O Globo, Angélica está trabalhando no desenvolvimento de um novo programa com a equipe do núcleo de Ricardo Waddington.

O programa sairá do ar em junho de 2018, um pouco antes da Copa do Mundo de Futebol, na Rússia.

Fonte: Notícias ao Minuto

 

NASA oferece ingressos para levar o seu nome a Marte

agência espacial norte-americana está oferecendo ingressos para levar o seu nome a Marte à bordo da InSight, a sonda especial com destino ao Planeta Vermelho.

A viagem pode ser confirmada pelo endereço eletrônico da missão. Basta preencher os campos indicados e acompanhar a partida, que está prevista para o dia 5 de maio de 2018.

A viagem já tem mais de 900 mil ingressos reservados e os lugares são ilimitados. O prazo para reserva acaba no dia 1º de novembro. Os nomes vão ser todos alojados dentro de um chip de silicone que viajará à bordo da sonda, assim como foi feito em outra iniciativa similar.

Os participantes que enviarem o nome para Marte podem fazer download do cartão de embarque e acumular milhas.

Em 2014, a agência espacial enviou os nomes de mais de um milhão de pessoas para o espaço no primeiro voo da sonda Orion.

Fonte: Notícias ao Minuto

Polícia investiga responsabilidade de dono da casa em que fossa explodiu e deixou dois mortos

O proprietário da casa que contratou o serviço de limpeza da fossa que explodiu e matou duas pessoas, em Bom Jardim, no Agreste pernambucano, pode ser indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. De acordo com o delegado José Raimundo Barbosa, o homem, que também se feriu no acidente, terá que explicar se as vítimas eram qualificadas para o trabalho e se forneceu equipamento adequado de segurança. Ele ainda será ouvido pela polícia.
“O dono tem que nos contar se houve falha humana ou não. Ele precisa dizer se o pessoal contratado tinha conhecimento do que deveria ser feito e os riscos do serviço. O dono pode responder por homicídio culposo se não afastou qualquer risco de vida”, pontuo. O homem foi socorrido e encaminhado para um hospital no Recife.
Testemunhas contaram à polícia que as vítimas usaram dois produtos químicos para a limpeza do local, carbureto e creolina. “Isso ocasionou uma reação ao ser colocado dentro de um lugar que já havia gás metano. Eles ainda provocaram uma faísca ao baterem com um martelo para abrir o local. Foi essa faísca que gerou a explosão”, acrescentou Barbosa.
O acidente ocorreu no distrito de Bizarra, cerca de 30 quilômetros de distância do Centro da cidade de Bom Jardim. Segundo o delegado, essa não seria a primeira vez que um caso semelhante acontece no município. “As pessoas fazem isso sem ter conhecimento e acabam gerando acidentes. Da outra vez a explosão foi tão grande que estourou até o vaso sanitário do lugar”.
Outro caso
Em abril deste ano, dois funcionários do condomínio Le Parc no bairro da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife, foram encontrados mortos na rede de esgoto do prédio. As vítimas realizavam a limpeza do local. Eles morreram em decorrência de asfixia por afogamento. Em julho, a Polícia Civil de Pernambuco indiciou por homicídio culposo o síndico e o coordenador de manutenção do condomínio.

Fonte: G1

Após decidir por encerramento, Correios voltam atrás e anunciam continuidade dos serviços do Banco Postal

Os serviços prestados pelo Banco Postal nas agências dos Correios, que estavam programados para ser encerrados a partir da próxima quarta-feira (11) em todo país, serão mantidos, de acordo com comunicado divulgado nesta quinta-feira (5) pela empresa. Na Bahia, o serviço seria suspenso em 440 unidades.
“Os Correios e o Banco do Brasil chegaram a entendimento para a continuidade dos serviços do Banco Postal. O acordo a ser formalizado entre as duas instituições permitirá encontrar solução para manter, até 31 de janeiro, o funcionamento de todos os pontos de atendimento do Banco Postal que seriam encerrados no dia 11/10. Nos próximos quatro meses, as duas instituições irão negociar alternativas para viabilizar a permanência da parceria”, diz o comunicado da empresa. Não foi informado pelos Correios quando o acordo será formalizado.
A assessoria de imprensa dos Correios havia informado que os altos custos de manutenção e segurança tornam “inviáveis” os serviços do Banco Postal. Em todo o Brasil, os serviços deixariam de ser prestados em 1.827 agências da estatal em 12 estados.
O Banco Postal é uma parceria com o Banco do Brasil que se vale da rede de atendimento dos Correios para a intermediação de serviços bancários básicos. Em vários municípios, chega a ser a única opção de acesso bancário. Atualmente, o serviço é oferecidos em 440 unidades dos Correios na Bahia e 6.500 agências dos Correios em todo o país.
Os trabalhadores dos Correios estão em greve desde a semana passada na Bahia e vão se reunir nesta quinta-feira (5), em assembleia, para decidir sobre a continuidade da paralisação.

Fonte: G1