LOGO-NEWS-CARIRI

Entenda como funcionam os investimentos no Tesouro Direto

naom_559ce0d808be8

Publicidade

Possivelmente você já ouviu falar em investimentos no Tesouro Direto. Trata-se de um programa de negociação de títulos públicos para pessoas físicas pela internet. É considerado uma opção de investimento segura e de baixo custo para o pequeno investidor, assim como a poupança. A diferença é que o Tesouro Direto costuma ter rentabilidade maior do que a poupança.

O site oficial do Tesouro Direto explica o passo a passo para fazer investimentos.

1. Primeiramente, você precisa ter CPF e conta corrente em uma instituição financeira.

2. A partir daí, você deverá escolher uma instituição financeira, que pode ser um banco ou uma corretora, também chamada de agente de custódia, para intermediar suas transações com o Tesouro Direto. No botão apresentado no final desta página, você encontra a lista de todas as instituições habilitadas a operar com títulos públicos federais. Também são apresentadas as taxas de administração cobradas por elas.

3. Entre em contato com a instituição financeira escolhida e solicite seu cadastramento. Você deverá fornecer a documentação necessária para que essa instituição abra uma conta em seu nome para operar com o Tesouro Direto.

4. A partir disso, você receberá uma senha provisória da BM&FBovespa para o primeiro acesso à área restrita do Tesouro Direto, em que são realizadas as operações de compra e venda, assim como consultas a saldos e extratos.

5. Troque a senha provisória por uma nova que deverá conter entre 8 e 16 dígitos, composta por letras, números e caracteres especiais. Pronto! Você já será investidor habilitado e poderá começar a investir.

6. Agora, você precisa descobrir qual título é mais adequado para alcançar o seu objetivo financeiro. Para ajudá-lo nessa escolha, utilize a ferramenta Orientador Financeiro oferecida tanto no site do Tesouro Direto quanto na área restrita ao investidor. Definido o título adequado, basta efetuar a sua compra.

CANAIS PARA APLICAÇÃO

Você pode investir acessando de 3 formas:

1. Através do site do Tesouro Direto: com a sua senha, você acessa a área restrita do site e realiza a compra, a venda, a programação de investimentos, a consulta de extrato, dentre outras transações;

2. Através do site da sua Instituição Financeira: algumas instituições habilitadas integraram seus sites ao do Tesouro Direto, tornando-se um agente integrado. Isso significa que você pode comprar e vender títulos públicos no site da própria instituição financeira, a qualquer momento, com os mesmos preços e taxas do site do Tesouro Direto.

3. Por meio de sua Instituição Financeira: você autoriza sua instituição financeira a negociar títulos públicos em seu nome. Procure saber se a instituição que você escolheu oferece essa funcionalidade.

MODALIDADES DE APLICAÇÃO

Investimento Tradicional

O investimento tradicional refere-se às operações de compras e vendas que podem ser realizadas a qualquer momento do dia, dentro do período de funcionamento do Programa. Após o acesso à área restrita ao investidor, por meio do site do Tesouro Direto ou do site da sua instituição financeira, você escolherá, dentre os títulos disponíveis para compra, aquele que melhor se encaixa em sua preferência. O valor da compra poderá ser ajustado pela quantidade de títulos desejada ou pelo montante total a ser investido.

A operação de venda é realizada da mesma maneira. Com a recompra diária, você poderá vender seus títulos todos os dias para o Tesouro Nacional. Para isso, basta acessar a área restrita do site e escolher a quantidade de títulos que deseja vender.

Investimento Programado

O investimento programado contempla o agendamento de compras e vendas, a reaplicação automática dos juros semestrais (cupons) e do valor a ser resgatado nas datas de vencimento dos títulos. Representa, assim, mais uma conveniência para você planejar suas finanças.

No caso de novas compras, você pode agendar a compra de um título ou de uma composição de títulos durante o período que determinar. A programação será feita sempre pelo valor financeiro. No agendamento das vendas é possível programar antecipadamente o dia de venda de seus títulos, para qualquer data, pela quantidade de títulos. As transações serão realizadas sob os preços e taxas vigentes no dia previsto para liquidação das operações programadas.

Nesta modalidade você pode direcionar o dinheiro recebido no vencimento de um título ou proveniente de cupom de juros automaticamente para uma nova aplicação, bastando que indique sua opção de compra de um novo título. Além disso, poderá optar por reinvestir tudo ou somente parte dos recursos recebidos.

Até um dia antes da data agendada para a realização da operação, todos os agendamentos feitos poderão ser consultados, cancelados ou alterados. Caso um determinado título envolvido na programação deixe de ser ofertado, você será avisado por correio eletrônico e poderá refazer sua programação. Caso não altere seu agendamento, este será cancelado

As funcionalidades do investimento programado são disponibilizadas de acordo com a opção de cada instituição financeira. Consulte no botão apresentado abaixo, “Instituições Habilitadas”, aquelas que oferecem esse serviço.

NOTICIASAOMINUTO

Leia também