LOGO-NEWS-CARIRI

Dólar vai a R$ 3,19, maior valor desde janeiro, antes de dado americano

Publicidade

Pelo segundo dia seguido, o dólar voltou a subir frente à maior parte das moedas, diante da expectativa de que os dados sobre o mercado de trabalho americano, o chamado “payroll”, em fevereiro venham fortes. Os números serão conhecidos na manhã desta sexta-feira (10).

O dólar comercial fechou em alta de 0,78%, a R$ 3,1960. É a cotação mais alta desde 19 de janeiro deste ano (R$ 3,2040). Em dois dias, a moeda acumula alta de 2,40% ante o real.

“Os investidores estão ainda mais ansiosos com o ‘payroll’ depois que os dados da ADP vieram muito acima das expectativas”, afirma Raphael Figueredo, analista da Clear Corretora.

Pesquisa realizada pela empresa ADP divulgada nesta quarta-feira (8) mostrou que foram criados 298 mil empregos no setor privado nos Estados Unidos em fevereiro, bem acima da mediana das estimativas de analistas consultados pela agência Bloomberg, de 187 mil vagas.

Para o “payroll”, analistas esperam que tenham sido abertas 200 mil vagas no mês passado, ante 227 mil em janeiro. Se os dados desta sexta-feira também surpreenderem, a alta dos juros americanos na próxima semana estará praticamente confirmada.

Uma elevação dos juros nos Estados Unidos torna as aplicações na maior economia do mundo ainda mais atraentes, em detrimento de outros mercados, principalmente emergentes.

A presidente do Fed (Federal Reserve, o banco central dos EUA), Janet Yellen, indicou na sexta-feira (3) que os juros subirão na próxima reunião do Fomc (Comitê Federal de Mercado Aberto), na semana que vem. Entretanto, ela condicionou o aumento aos dados econômicos que sairão até a reunião da próxima semana.

Os juros futuros negociados na BM&FBovespa também subiram pelo segundo dia, influenciados pela valorização do dólar. Neste mercado, investidores buscam proteção contra flutuações dos juros negociando contratos para diferentes vencimentos.

BOLSA

O Ibovespa fechou em baixa de 0,21%, aos 64.585,24 pontos. O giro financeiro foi de R$ 8,7 bilhões. Foi a quarta sessão seguida de queda do índice.

Pressionadas pela queda do petróleo no mercado internacional, as ações da Petrobras recuaram 0,34% (PN) e 0,60% (ON). Os papéis da Vale ganharam 0,69% (PNA) e 0,19% (ON).

Entre os bancos, Itaú Unibanco PN subiu 0,30%; Bradesco PN, -0,89%; Banco do Brasil ON, +0,41%; e Santander unit, -1,03%. Com informações da Folhapress

Leia também

TV News Cariri

Publicidade

FFC272FC-CA03-4A94-A7A0-38967487BE92
3FB15E2F-83D2-4049-A223-93DA1E6E9C5B

Contatos:

E-mail : nnewscariri@gmail.com

Últimas